terça-feira, 19 de maio de 2015

34



O nosso 34º título de campeão nacional de futebol, o marco histórico de conquista do bicampeonato mais de 30 anos depois, o sinal forte de afirmação do clube, tem sido relegado para 2º plano por via de actos que me envergonham enquanto profissional, adepto, sócio e cidadão.

Por culpa e actos isolados de alguns, duas instituições merecedoras de respeito e respeitadoras, saem fortemente beliscadas. Podemos dizer que o Benfica e/ou a PSP não são isto ou aquilo (e não o são de facto), que aqueles actos isolados não devem ser tomados pelo todo, mas há marcas que ficam, e as de domingo não serão facilmente apagadas e jamais serão esquecidas.

Já vi e revi aquelas imagem até à náusea, e ainda me custa a acreditar que colegas e/ou adeptos do meu clube possam ter feito aquilo. Há por aí muita gente que deve repensar seriamente o seu objectivo de vida. Uns porque não deve haver sentimento pior que saber-se mancha de uma instituição e outros porque conseguiram estragar a festa de milhares de pessoas.

Culpas e responsabilidades existirão por todo o lado e espero que sejam apuradas, mas também pode e deve partir de nós, enquanto individualidades, purgar as massas destes comportamentos. Mas essa purga não será conseguida nas redes sociais, onde tenho assistido a um nível de irracionalidade digno dos tempos do Homo Sapiens, por parte de gente que tinha por bem formada. De comentários estéreis a outros carregados de uma brutalidade superior à dos actos que criticam, poucas têm sido as opiniões sensatas. Talvez por aqui se entenda melhor a origem dos actos que me envergonham.

Disto tudo ainda sobraram algumas atitudes dignas e consonantes com as instituições que quem as tomou representa. Parabéns a Luís Filipe Vieira: Isto sim é o Benfica!

4 comentários:

Ricardo Oliveira disse...

Boas, será que podem adcionar o meu blog na vossa lista de blogs?

http://gverreirosdebraga.blogspot.pt/




PS: Já adcionei o vosso blog á minha lista

MaratonaBtt Joaquim Agostinho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

Concordando com a ideia geral do post, não posso evitar deixar uma breve nota:

Homo Sapiens somos nós, é a nossa espécie, logo não sei o que pretendia dizer com aquela afirmação... ;-)

joão carlos disse...

a realidade é que cada vez mais na intenet/redes sociais/foruns/blogs existe uma agressividade, uma brutalidade para quem não partilha da mesma opinião e rapidamente se parte para a imbecilidade e isto cada vez tem vindo em crescendo num extremar de posições que infelizmente começa a passar para a vida real.
e o pior é que vamos entrar na historia do ele é que começou, e só fiz porque ele fez primeiro, para desculpar isto tudo.