sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Coisas parvas

Venho aqui ao tasco depois de uns dias de ausência, leio um texto interessante do Armando sobre uma palermice que todo o sportinguista já arremessou contra um benfiquista, e depois abro a caixa de comentários de ambos os posts…e epá…get a life!

Vamos fazer um “what if”. Vamos então admitir que o Sporting é mais antigo que o Benfica. OK! Ganharam. São mais antigos. Uhuhuhuh!! E agora, são melhores por isso? São mais alguma coisa?

Alguém nos comentários falava de antiguidade, e do prémio para o clube mais antigo. Onde é que está o primeiro clube a ser fundado em Portugal (ou Lisboa, não sei bem o que se está aqui a discutir…) Ou vão argumentar que o Leyton Orient F.C. (1881) da Division One é maior clube/mais importante que o Arsenal F.C. (1886) ou que o Sporting ou o Benfica?

Sinceramente, get a life!

P.S.: Sportinguistas, se querem mesmo, porque querem e precisam, defender a vossa superioridade sobre o Benfica, façam como o porto e ganhem mais títulos que nós (títulos de futebol, que afinal, um momento de sinceridade aqui, é o que se discute, right?). É que ao menos o porto já tem por onde pegar, algo real e concreto, por oposição a um azucrinar completamente demente que é essa coisa da data de fundação e dos 16.000 títulos e não sei mais o quê…

10 comentários:

Hattori Hanzo disse...

Agora sei porque escolhia o Leyton Orient para jogar FM. Teria de haver uma razão lógica...

Sérgio disse...

dassse...quase que me esquecia:

Viva o Benfas!!
Estou aqui com uma esperança para hoje, que não consigo explicar...

pedro oliveira disse...

Caro Sérgio,

O título deste «post» não deveria ser: "Coisas parvas" mas sim: "Somos parvos".

Depois colocaria esta frase:

"Vamos fazer um “what if”. Vamos então admitir que o Sporting é mais antigo que o Benfica. OK! Ganharam. São mais antigos"

Partia destas duas evidências, a maioria dos adeptos benfiquistas são parvos (sem ofensa) e o Sporting é mais antigo que o Benfica (quanto muito a questão colocar-se-ia em relação ao Sport Lisboa, não?).

Para perguntar como fez e muito bem, ser mais antigo prova o quê?

Nada (na minha opinião).

A questão aqui não é colocarmos uma medalha no peito a dizermos que somos «os mais antigos» não o somos.
O futebol na zona de Lisboa nasce em Cascais e há vários clubes na linha do Estoril fundados ainda no séc. XIX (afirmar o contrário é desconhecer por completo a História do futebol português).

O importante é a verdade; um clube que aldraba e engana os seus próprios adeptos tem, poderá ter, alguma credibilidade?

Nota final: o Futebol Clube do Porto terá seido fundado no Outono de 1906 como atestam algumas publicações oficiais do clube nortenho.

LDP disse...

Ora ainda bem que o pedro oliveira fala em clubes que aldrabam os pròprios adeptos.
Pois em matéria dos mais de 10.000 titulos ganhos voces vao-nos finalmente mostrar provas concretas disso, ou vamos ainda continuar nas "dificuldades em contabilizar todo um historial de vitòria"? Exemplifiquem-nos o que é ter credibilidade entao, e afastem de vez este fantasma de duvida que assola as vossas conquistas.

pedro oliveira disse...

Caro LDP,

Não estamos ou melhor não estávamos a falar de algo difícil de contabilizar como títulos (quase todos os dias o Sporting conquista novos títulos, aconselho-o a acompanhar os jogos de Diogo Chen, na América do Sul, o sacana do puto está a deixar os «pingponguistas» sul americanos com os olhos em bico).
Sou um gajo simples e falo de coisas simples a data da constituição dum clube chamado Sport Lisboa e Benfica ou dum outro clube resultante da fusão de dois clubes o Atlético Clube de Portugal.
Sabe qual é a diferença?
O Atlético orgulha-se da data em que foi fundado, o Benfica, não.

LDP disse...

Oh pedro oliveira,

Seria demasiado fàcil percorrer todos os anos de vida do sporting, modalidade atràs de modalidade, contando quem ganhou o que. Seria demasiado fàcil, repito. Imaginemos os campeonatos europeus de juniores de ping-pong de 1983 em Glasgow...deve haver um registo, de certeza, sobre quais atletas sportinguistas estiveram presentes, os respectivos lugares, vitòrias ou derrotas e contra quais adversàrios.
O mesmo se passa em TODOS os anos, em TODAS as modalidades, tanto em Portugal como no estrangeiro.
é impossivel perder o rastro a estas coisas.

De certeza que hà bilhetes de aviao ou de autocarro, facturas, estadias em hoteis, uma foto que seja, um relatòrio médico, um paràgrafo num jornal de tiragem menor...tudo isto para chegar "àquela" modalidade "naquele campeonato" disputado em 1979 em Hangra do Heroismo. Claro està, se nao fosse possivel saber no imediato quem galhou o que nessa ediçao e na respectiva modalidade.
E ainda por cima tendo tantas pessoas que desde hà décadas que trabalham no clube..."Alguém se lembra da primeira vitòria do Ezequiel Canàrio quando ainda era junior? Aquela no Cross Internacional de Saint-Tropez em 1976 pah?" - "Opah, liga-se jà ao Moniz Pereira que ele ajuda-nos."

Repito, seria demasiado fàcil o sporting estruturar um punhado de pessoas (jovens estudantes estagiàrios ou com um curso acabado de tirar, se nao quisesse gastar muito dinheiro), e mete-los a pesquisar dentro do clube e em arquivos de jornais, durante seis meses, um ano, dois, de forma a elaborar uma lista exaustiva contendo toda e qualquer vitòria, troféu, taça, medalha ou campeonato dos seus atletas desde o inicio do século passado até hoje.

Poderiam até fazer uma compilaçao oficial, uma espécie de enciclopédia e meter à venda nao sò na loja do estàdio mas em todo o paìs. Uma oportunidade de ouro para escarrapachar na cara dos benfiquistas esse album de ouro. Uma lista completa de TODAS as vitòrias do sporting!
Mas as camisolas do Matigol (a sério que nao arranjam alcunha melhor para esta fransina nulidade de jogador?) devem vender mais. Là para os lados de Santo Antònio dos Cavaleiros nao deve haver aprendiz de pedreiro moldavo que nao tenha a sua camisola do Matigol. Ou do Ouattara.

Como jà disse, seria demasiado fàcil fazer ruir esse mito dos nao sei quantos milhares de titulos sportinguistas. Por alguma razao nao investem no desfazer da duvida...Serà portanto por falta de orgulho ou por enganar os pròprios adeptos hà jà demasiado tempo?

Pensa nisso.

MM disse...

Pedro,

Mente o clube sobre a data de fundação, mas os outros é que dão importância. Fazem o post, mas vistas as coisas mal paradas, a questão "afinal não tem importância", "vamos antes falar do Cosme Damião", e "vamos antes falar dos 16000 títulos do SCP".

Falam nos temas, não sabem fechá-los, e atiram perguntas para o ar. Decidem eles aquilo que os outros falam, ou não falam. Não Pedro, não são parvos ...

PS, parabéns pelo resultado de ontem. Para além de ter sido o mais favorável às aspirações do mais titulado clube Português, foi um upgrade importante em relação à época passada. Ninguém esperava 0-5, ou algo que sugerisse a sequência de humilhações a que o FCP vos vergou na época passada mas, entre elas e um 2-2, um qualquer resultado de 1-0 ou 2-1 para os da casa seria entendido como normal, sem que qualificasse humilhação. O 2-2 final foi, por isso, um bom resultado para o benfica.

O Sporting agradece, e votos de um excelente dia a todos.

MM disse...

E já agora:
Vêem como um guarda-redes minimamente capacitado pode fazer toda a diferença? Roberto. Artur. Ficam assim? Ninguém é responsabilizado?

Novamente e para que não restem dúvidas: parabéns pelo resultado de ontem. Saudações amistosas.

David J. Pereira disse...

Boas!

Devo dizer que gosto imenso deste blogue!

Podem adicionar os meus aos vossos links? Eu prometo que retribuo :p

http://davidjosepereira.blogspot.com/

Saudosos cumprimentos!

Armando disse...

Caro MM,

Tem razão, não é importante para mim. A memória dos meus antepassados é importante, apenas não condicionam o presente. Respeito o facto de o ser para si, mas lá está, são questões de outro foro, esta preocupação com o secundário, embora o simbólico seja importante para mim, obviamente, como inspiração e não refúgio do presente. Fora dos carris ficaria se um sportinguista dissesse do Benfica aquilo que digo do Sporting, últimas linhas do texto. Claro, o caro MM prefere o passado, as "cavernas" simbólicas do futebol, a realidade do presente, o fidalgo parasita e decadente do presente é menos importante que a origem da linhagem benfiquista. Quanto à questão da “mentira”, tudo depende da leitura das fontes, afinal quem não sabe que Roma foi fundada pelos gémeos Rómulo e Remo, filhos de Marte e da vestal Reia Sílvia, os quais sobreviveram à maldade do tio Amúlio, alimentados por uma loba? Digam lá, não seria muito mais sportinguista a generosidade de uma leoa na História?

Outra pequena provocação: porque não nos elucida sobre o sportinguismo de Cosme Damião, deixando-se da baixeza de das insinuações? Que tal as demonstrações factuais? Claro, não se esqueça, sei alguma coisa do assunto e do respectivo contexto. Vá lá, procure ajuda com o estudioso do benfiquismo, o caro Pedro Oliveira. Só espero que não seja o próprio, o de "O lugar do Morto", jornalista brilhante, um dos que me fez sonhar e perder um ano de faculdade. E espero que tenha percebido porque odeio missionários, o entendimento pode ser útil no intercâmbio futuro. É que não me imagino convertido.

PS. Tenho esperança que o Sérgio segure o jogo de ontem. Acho que já esgotei o meu cálice. Quem tiver alguma curiosidade, terá ir ao “Jogo Jogado” da TSF.