sexta-feira, 14 de outubro de 2011

César, o Imperador dos Algarves

Gostava de saber o que pensam as cabeças iluminadas que, logo no princípio da época, chamaram "gordo inútil" a Bruno César. Será que batem todos os dias com a cabeça na parede ou, num gesto muito conhecido de contorcionismo, hoje dizem a toda gente: "eu sempre vi a qualidade neste gajo"?

Não me apetece falar no jogo: foi lento, aborrecido, fraco. Muito por culpa de um gajo que decidiu atirar os seus onze jogadores para a área e lá deixá-los até que alguém se lembrasse que do outro lado estava uma baliza. No fim do jogo, o man tem a ousadia de dizer que o resultado foi injusto, entre outras animalidades. O que é que se passa com os treinadores das equipas adversárias, sempre que nos defrontam? Ópio, maconha, coca? Não, isso daria para uma moca decente. Os gajos enfiam, com seringa, a própria merda no cérebro.

O Capdevila esteve certinho. E foi isso. Se quer ter alguma hipótese - improvável - terá de se enquadrar muito mais nos movimentos ofensivos. Mas é bom deixar isto claro: a defender é MUITO melhor que o Emerson. Por mim, punha-o em Basileia.

Foi uma boa surpresa a exibição do nosso puto Miguel Vítor. Pode estar ali a solução para colmatar a falha no planeamento de pré-época. 

Podem dizer: o David Simão perdeu algumas bolas. É verdade, Gaitanizou um bocadinho. Mas a qualidade, é inegável, está lá. Tem de ter mais oportunidades.

O Bruno César é um 10. Pela milionésima vez: O BRUNO CÉSAR É UM 10! Que puta de jogador.

O Matic não é um 6. Cumpre, mas é a 8 que pode fazer a diferença.

O Nolito não apareceu hoje. Chamem o gajo para Basileira, que faz falta aquele rasgo.

Rodrigo - bom jogo e grande golo (desmarcação e frieza em frente ao guarda-redes). Para o ano já não está cá.

Até em Portimão ouve-se "SLB... filhos da puta... SLB"? Foda-se, a estupidez está mesmo em toda a parte.

Tenho saudades do Aimar.


Assistências
Aimar
4
Gaitán
4
Saviola
3
Cardozo
2
Witsel
2
Nolito
1
Bruno César
1
Luisão
1
M. Pereira
1
R. Amorim
1



Golos
Nolito
8
Cardozo
7
Bruno César
5
Saviola
3
Witsel
2
Gaitán
2
Luisão
2
Aimar
1
Rodrigo
1

14 comentários:

anauel disse...

Caramba, também dei por mim a pensar nisso, até em PORTimão... Mas calaram-se rapidinho, valha-nos isso.

Bcool973 disse...

com aquele presidente de merda tripeiro não admira. é falta de memória, pois esquecem-se que foi por levar umas pedradas nos cornos, depois de uma derrota com muita ladroagem à mistura, que o papa tudo decretou que o portimonense era clube non-grata e como tal iria descer, e não é que no fim da época desceu mesmo ?
quanto ao jogo pouco vi, mas vi um bom livre do capdevilla ao poste - não pode jogar na champions. lembras-te ? - um bom passe do david simão, um fiscal de linha que vê coisas inexistentes, um bom golo e passe do gordo, um bom remate do matic, um bom golo do rodrigo e um jogo que foi jogado quanto baste para dar ritmo a jogadores menos rodados e descansar alguns titulares para ganharmos em basel.

Islander disse...

O Miguel Vitor é um grande jogador, até a lateral direito joga bem.
O "problema" dele é que joga com muita inteligência e sempre na antecipação, por isso parece tudo fácil mas não passa nada por ele. Como não faz cortes vistosos dá a sensação que não teve trabalho. E hoje mostrou que é muito competitivo, sendo central e naquela posição nunca o vi perder em velocidade...Por mim era o 3º central sem nenhuma dúvida e um grande candidato a capitão no futuro.

LDP disse...

A percentagem de sportinguistas é muito grande em Portimao. Daì os canticos tipicos de alguns estàdios no Lumiar.

Bcool, nao foi uma pedra mas uma lata de compal de pera (produto que penso que jà nao exista), eu estava là nessa noite. O Portimonense nao sò desceu nesse ano como andou quase 20 anos na sombra. O actual presidente é um ex-administrador ou ex-vice da sad do porto. Penso que é da maneira que o jorge nuno mantém a coisa sob controlo...Mas a maioria dos portimonenses està-se a cagar, e sendo que esta maioria é sportinguista compreende-se o fenòmeno.

Hattori Hanzo disse...

É verdade que Matic é 8 e não 6 (também não me convence a 6), mas com a lesão de Javi Garcia quem é que colocarias naquela posição? Não me parece que Rodrigo tenha feito um bom jogo, mas como marcou um bom golo ... David Simão sim, gostei dele e é preciso ver que está sem ritmo o rapaz, mas fez boas desmarcações tal como o Bruno Cesar (e sim é óbvio que este é 10 e nunca será extremo ... razão pela qual o Urreta deveria ter ficado). Nolito não esteve lá, e conhecendo já um pouco de Jesus aposto como começará no banco na Suiça. Capdevilla, mesmo sem subir conseguiu criar mais perigo que Emerson. Bom jogo da equipa tendo em conta a pouca rodagem de quase todos eles e pouco entrosamento.

M disse...

isso do Bruno César...adeptos de cafe...

ontem lá estava na tasca do costume, SB e tremoço valente, a ver o jogo...
entra um estúpido, já a decorrer a segunda parte, olha para tv, vê o Rodrigo, e diz..."fds, o que é que este gajo faz em campo?!!? devia la estar o puto..o português caralho.."

"ó chefe", digo eu, sem paciência para estes caralhos, "...entrou a titular, não esteve muito bem, até falhou um golito, já saiu.."

o estúpido, apanhado em falso de quem esteve a jantar uma merda qq requentada, que a exma. sra. esposa já nem teve ter paciência para fazer jantar aprumado, logo, ele nem viu a primeira parte, diz, uns segundos depois..."ao menos fez quase qualquer coisa, este não faz nada!!!"

"quase qualquer coisa", permitam-me repetir...

e o Rodrigo marca o golo...e eu peço mais uma SB e o gajo sai porta fora sem eu ter tempo de o mandar foder...

e é isto..deve ser gajo que lê o Record....

agent_smith disse...

desculpa lá mas para mim, o capdevila é que está gordo, e não mostrou nada que pudesse ser o titular

fdx, campeão do mundo e europa, experiência para dar e vender e contra o último fez uma exibição muito, mas muito discreta, especialmente contra um adversário deste calibre


esperava muito, mas muito mais dele, e nem sequer vi grande vontade/garra de lutar contra o facto de ser pouco utilizado

abç

agent_smith disse...

estou com alguma pressa, vi que "comi" algumas palavras mas acho que dá para perceber o essencial

sorry

Ricardo disse...

Bcool, tinha-me esquecido (de que o Capdevila não estava inscrito). A coisa é tão absurda que a gente apaga da memória.

Islander, não vejo tanta coisa como tu vês - só falta dizeres que o rapaz é um génio. Mas, sim, gostei do que lhe vi ontem. Mais até do que quando joga a central.

Saudades de Portimão, LDP. Mas só do Portimão a partir de Setembro. No Verão, Portimão - como todo o Algarve - é para esquecer. A mim não me apanham lá, de certeza.

Hanzo, ontem não havia soluções, é verdade - o Amorim e o Javi estavam lesionados. Mas, no futuro, espero ver o Matic noutra posição.
Tanto o César como o Nolito procuram as zonas centrais; para além disso, o jogo do Benfica privilegia muito mais as combinações interiores que a ida à linha para crucamento - e bem, digo eu. O problema é quando se apanham equipas como o Portimonense, em que, de tanta gente a defender, o Benfica precisa de arranjar outras formas de ganhar espaços - uma delas será esticar o campo, dar-lhe mais largura e profundiade. Para isso, precisa de ter alguém que procure outras soluções mais verticais, como o Urreta. Aliás, extremos puros o Benfica não tem nenhum. Foi um erro não manter o uruguaio. Ainda por cima agora, que o Pérez se lesionou por 3 meses.

M, foda-se esse gajo era um génio. Acho que nem o Record o homem lê...

Agent, percebo o que queres dizer, mas acho que o próprio jogo não favoreceu a exibição do Capdevila. Mas já disse que acho que ele devia ter aparecido mais a apoiar os movimentos ofensivos. Defendivamente, não tenho nada a apontar.

SLB4EVER disse...

Se fosse possível acho que o treinador do Portimonense ainda tinha encurtado mais o campo, a jogar assim no nosso relvado tinham saído com o saco cheio e mesmo assim isso só não aconteceu pq na 1ª não entrou nenhuma das oportunidades!

Penso que na 1ª se afunilou muito o jogo e tinha gostado de ver o César e o Nolito a trocarem de lado para tentarem ganhar a linha e cruzar para o Rodrigo/Oliveira, contra o mega autocarro que se viu talvez os abrisse mais, até pq era difícil exigir mais ao Cap e ao M.Vitor no ataque.

Com tanta mudança na equipa e uma evidente falta de ritmo dos menos utilizados fiquei agradado com a exibição e com a quualidade da 2ª linha. Rodrigo, N.Oliveira, D.Simão, M.Vítor e mesmo o Mora cumpriram e podem fazer muito melhor, gostei!

Ainda a bater no Emerson?!

Do Bruno César é verdade que qd chegou mostrava uma barriga de chopinho (LOL), tb ñ o vejo como ala mas como o Gaitán parece que pode jogar em qq um dos lados e mesmo assim ser decisivo, estou a gostar muito, temos jogador!

O Matic verdade que não é um 6 mas talvez ainda venha a ser bem sucedido nessa posição no SLB, tem caparro para isso e é mais veloz e dotado tecnicamente que o Javi, aprecio muito este jogador e espero que continue a corresponder e a crescer.

Diego Armés disse...

Braço a torcer: o Bruno César é craque, não há dúvidas. My bad.

Quando ao Capdevilla, gosto da tua análise: portanto, é inquestionável que defende muito melhor do que o Emerson porque o viste num jogo contra uma equipa que tinha, na tuas palavras, 11 gajos atirados para dentro da própria área e que se esqueceu de que havia uma baliza no outro lado do campo? É bem visto.

Ricardo disse...

Diego, noto um certo ressentimento nas tuas palavras. Espero que não seja por discussão paralela no facebook :)

Não sabia - não me lembrava? - que eras um dos que disse mal do César. Disseste? Não me lembro.

A análise que faço ao Capdevilla ultrapassa o jogo para a Taça. O Capdevilla sabe defender, aliás, é muito bom a defender. E, mesmo num jogo em que não foi forçado a demonstrá-lo inequivocamente, há pormenores que o demonstram.

Prefiro dissecar: faz melhor a linha defensiva, não arrisca tanto na antecipação em risco como o Emerson e fecha ao meio como o brasileiro (ainda?) não o faz.

A minha escolha para Basileira passa por ser um jogo em que convém ter um jogador mais experimentado e melhor (na minha opinião) a defender do que um jogador de maior risco. É um jogo em que, apesar de querermos, claro, a vitória, o empate acaba por agradar. Nesse sentido, ter alguém muito experiente e mais capaz do ponto de vista defensivo dá melhores garantias.

Não sendo possível - já que o espanhol nem inscrito está -, que o Emerson me cale e faça um jogão na Suíça, que é o que todos desejamos.

Diego Armés disse...

Eu não vou questionar - seria ridículo - a qualidade do Capdevilla. O currículo fala por si. Agora, o currículo fala mas não joga nem corre. E eu vi-o duas vezes, contra dois adversários fraquíssimos (Feirense e Portimonense) e, muito honestamente, foi muito fraco para aquilo que lhe apregoam e para aquilo que eu esperava dele. Acontece pior ainda: a crítica implacável que a malta que percebe de bola aplica ao Emerson perde dioptrias no olho clínico que usa para analisar o Capdevilla. E é só isto que defendo. Nem sequer comparo os dois jogadores. Só me parece que tu e mais uns quantos são extremamente rigorsos (injustamente exigentes diria mesmo) com o Emerson e imensamente condescendentes com o Capdevilla. Uma qualidade do Espanhol parece uma bênção e um erro do brasileiro parece uma maldição; já o contrário, parece que são alucinações que eu tenho: nem o Capdevilla erra, nem o Emerson acerta.

Quanto ao tom do comentário, não tem a ver com o FB, tem a ver com o cansaço com que posts e comentários constantemente a defender o Capdevilla e a mandar o Emerson abaixo. Não entendo e chegou a um ponto em que aborrece um bcoado. Não há razões para o fazer.

Quanto ao Bruno César, gozei bastante com o homem quando ele cá chegou. E mantenho: é feio e articula muito mal o discurso quando fala para os microfones. Mas lá que ele chuta, chuta...

Ricardo disse...

Percebo o teu ponto de vista e digo mais: tens razão. Acho que o fait-diver está a ganhar contornos parvos. Mas em minha defesa devo dizer que não tenho massacrado o Emerson como dizes que os que o acham fraquinho o fazem. O comentário que fiz ao Capdevilla neste post, por exemplo, fala até na deficiente ajuda ao ataque. Mas partilho a tua ideia de cansaço. Deixemos algum espaço de manobra.

Ah então falaste que é feio e não sabe falar. Pronto, era a ideia que tinha. Ou seja: não puseste em causa a qualidade do chuta-chuta. Tudo muito bem, portanto.

E, sim, o gajo é feio que tresanda. Ou cheira mal que é um nojo, foda-se!