terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Um bocadinho contra a histeria

Anda para aí uma vozearia entre os benfiquistas com a contratação do Djaló que já assumiu, em certos casos, a demência. É um dos principais problemas da análise parcial: o todo fica de fora, deixando lugar à crítica do imediato e ao esquecimento da ideologia. De repente, muitos dos que defendem essa ideia visionária que subsiste na expressão "confio em quem dirige o Benfica, eles é que estão lá dentro" puseram a cartilha de lado e começaram a malhar a torto e a direito na escolha dos nossos dirigentes e equipa técnica. Por duas premissas essenciais, uma bastante estúpida, a outra - podendo estar errada - mais compreensível: o terem gozado a uma escala planetária com o Djaló enquanto jogador sportinguista (1) e o valor intrínseco do atleta-jogador (2).

A primeira remete-nos para uma dimensão quase surreal: o escriba não gosta da contratação não porque tenha argumentos para tal mas porque, chegando Djaló ao Benfica, perde todo o manancial de orgulho e seguidores que foi conquistando aquando dos vários "LOL" e piadas altamente inteligentes que foi debitando no passado. O escriba deprime, não sabe o que há-de fazer e acaba escolhendo o caminho mais fácil: despreza a contratação, chama nomes a quem a executou (mesmo que tenha passado os últimos 10 anos a pulular pela blogosfera insultando quem punha em causa quaisquer acções dos dirigentes) e conclui brilhantemente: "assim não pode ser". Não pode, de facto. É hipocrisia a mais. 

Já a segunda, correndo riscos de ser desmentida no futuro pela prestação do jogador, tem legitimidade e acaba por convergir com aquela que é, apesar de muitos ainda não o terem entendido (quase todos os da primeira premissa), a mais básica e honesta função de um gajo que escreve sobre bola num blogue: atirar bitates. Qual é a formação de um escriba, ao nível do treino, da percepção do jogo, da prospecção, da capacidade de antecipar um futuro a um jogador? Zero, ou perto disso. E, mesmo os que saem do zero, e ficam no perto disso, muito dificilmente conseguiriam sair da 3º divisão distrital se um dia algum maluco decidisse entregar-lhes uma equipa de bandeja. É, portanto, fundamental remeter isto para o plano que interessa: um blogger é um treinador de bancada, um espertalhaço, um visionário. Claro, tudo nas linhas virtuais e sem ter de provar nada a ninguém. 

Há, porém, bloggers e bloggers. Há os que vivem os dias fazendo longas dissertações sobre o ocorrido - fenómeno tremendamente mais fácil e apaziguador das almas hesitantes - e os que, no imediato, forçam a sua opinião a uma ideia que, certa ou errada, foi o caminho que escolheram. Como é óbvio, gosto mais dos segundos. Porque não têm medo de ter opinião - mesmo que uma pateticamente estúpida - nem temem que o futuro os desminta e os faça revelar toda a sua incompetência na arte de analisar futebol. É preciso coragem para não ir apenas atrás dos factos mas projectar o que está por dentro deles. E é nessa perspectiva que me merecem infinitamente mais respeito os que seguem o seu trajecto pela própria cabeça, sem limitações ao nível ideológico, estrutural ou político. 

Dá-se, no entanto, neste caso específico da compra de Djaló - que tem provocado suicídios em massa a muito boa gente -, um fenómeno ainda mais curioso: os que antes deixavam nas mãos da Direcção a responsabilidade das acções (e as defendiam até quase ao absurdo, vide Roberto e, agora, Emerson) decidiram deixar o altruísmo de lado e começar a cantar cantigas de escárnio e maldizer. De repente, não mais do que de repente, afinal Vieira e Jesus não sabem tudo nem têm o direito de, apesar de "eles é que estão lá dentro, eles é que sabem", constituir família sem dar explicações aos gajos dos bitates. Interessante, sem dúvida, toda esta hipocrisia. Terá, ao menos, o condão de abrir as almas destes pobres coitados, e se calhar, com jeitinho, dar-lhes a lucidez necessária para que entendam que o futebol é mesmo isto: eternas conversas e dissertações, quase sempre - da parte de quem está "de fora" - erradas e sem grandes fundamentos. Caso contrário, abram um blogue sobre formigas africanas. 

Da minha parte, e vocês sabem o quanto já malhei esta gente que anda pelos corredores do Estádio, tinha aqui matéria para um enxovalho de grande nível. E seria tão fácil. Mas como tento que a minha opinião não ande conspurcada por questões políticas nem ideológicas, como quero que ela seja fiel ao meu pensamento e à minha análise mais sincera, não vejo nesta contratação motivos para uma crítica a quem a achou do interesse do clube. Apesar das limitações que atribuo a Jesus ao nível da gestão do plantel e da incapacidade de abdicar da teimosia das suas ideias, reconheço-lhe um enorme talento para valorizar jogadores que tenham potencial. E Djaló, quer queiram quer não queiram, tem-no. Ficará agora por saber de que modo Jesus fará Lucy e todos os sportinguistas chorarem as enormes prestações desportivas que o rapaz vai começar a ter com o manto sagrado vestido. E como, se calhar já no Verão, de uma contratação a custo zero, vamos encher os cofres com uns milhões. Podem contar com o meu apoio. Sou Djaló desde pequenino.
 
PS - A questão Amorim e outras novelas ficarão para depois do fecho de mercado. Mas vai sair morteirada. É só para que fiquem avisados.

34 comentários:

Zé Trolha disse...

A maior crítica que posso fazer a esta contratação é: onde caralho anda o lateral esquerdo de que precisamos?

É tão somente isto: uma questão de prioridades. Tenho a certeza de que Djaló acabará por ser bem recebido por todos os Benfiquistas. E se as coisas correrem bem, como desejo, será apenas mais uma alma penada das escolinhas de alvalade que o Glorioso transformou em jogador de futebol. Se correr mal, podemos sempre insultá-lo à bruta, que isto de bater sempre no Emerson começa a perder a piada.

POC disse...

Estou contigo.

Da minha parte, entro na brincadeira do Djaló como gosto: na brincadeira.
Acho-o limitado para um Benfica, mas sei que tem potencial e, nalguns casos, pode ajudar, no sentido em que o mais perto que temos dum extremo é Nolito. E Djaló pode dar profundidade ao jogo como nós não temos.

Trabalhado, vai melhorar. E com apoio. E não brinco quando digo que o vou apoiar. Mas quero ver melhorias.

De resto, na minha opinião, apesar do (pouco) sucesso que temos tido (não me contento com pouco nem olho para os maus do passado para comparar com o presente, comparo com o Benfica que honra o seu nome), para mim, temos um Querido Líder. E isso diz muita coisa.

http://simaoescuta.blogspot.com/2012/01/violencia-nos-testiculos-amnistia.html

João José Aquilino Pires disse...

Estou preocupado. Mas não é pelo Amorim ir para outras paragens, apesar de não ter gostado de o ver sair do nosso Benfica. Nem por ele ter ido para o Braga: o Braga está a competir é com o Sporting pelo 3º e talvez com o Porto pelo 2º (coisa em que nem acredito muito), não com o Benfica pelo 1º. Também não estou preocupado por Yannick vir para o Benfica - acho que vai dar um bom extremo (sim, não percebo nada de futebol), acho que vai fazer uma dupla infernal com o Maxi (não, não acredito no Pai Natal) e acho que muitos dos que agora o criticam daqui a algum tempo vão aplaudi-lo de pé quando ele desatar a jogar à bola como, naturalmente, nunca fez no Sporting, e a fazer golos e, mais, a construir para os avançados (vá, achincalhem-me, crucifiquem-me...).
Aliás, talvez não. Afinal, se muitos de vós assobiam o Cardozo que é "apenas" o MELHOR MARCADOR ESTRANGEIRO DO BENFICA DE SEMPRE (com ênfase em "melhor marcador", "Benfica" e "de sempre"...) o que não farão a um tipo que não joga há 6 meses e que, verdade seja dita, nunca jogou num clube grande que lhe permitisse fazer desenvolver o seu potencial de forma sustentada...
Estou preocupado porque com o Benfica a liderar o campeonato com 5 pontos de vantagem sobre o FCPolvo estamos vejo a "malta" mais preocupada em encontrar bezerros debaixo dos bois do que apoiar a equipa e levá-la ao colo como há 2 anos atrás... Estou preocupado. Mas pode ser que isto vos passe amanhã, quando Fevereiro deixar para trás Janeiro e o seu mercado de transferências...

Abraço (ainda que preocupado...) aquilino!

JNF disse...

Não sendo um jogador que goste nem desgoste (antes pelo contrário), tem características interessantes e que, como dizes, podem ser bem exploradas. No entanto não é defesa esquerdo nem vai poder substituir o Witsel ou o Maxi e era aqui que deviam estar as atenções de Jesus e Vieira.

Constantino disse...

Não sei onde me situo, se sou um 1 ou um 2... talvez um 1,5 que é assim a modos que como que um JVP da blogosfera, ele que nem era 8 nem 9... andava no 8,5.
Sim é verdade que me custa engolir que o gajo que mais lenha deu para o meu lume de bitaitadas sem qualquer cariz intelectual(a base generica dos meus textos)esteja agora do meu lado. Na verdade poderia ser para mim o fim do Mundo, mas não tremo no horror de "ai ui se digo mal dele vou destabiliza-lo, porque, convencido como sou, sei que ele l~e os meus textos". Sei que posso malhar nele que nem gente grande porque, por um lado isto não terá qualquer efeito pratico e por outro tenho presente que só um milagre de Jesus (sim, piada facil) pode fazer dele melhor jogador que Nolito, Gaitan, Bruno cesar ou o paralitico do Enzo (quantas vezes é que ele "vai ser reintegrado ja amanha pois esta recuperado da operação"?). Lá está, blogguer 2, sou da opinião que o Djaló é fraco tecnica, tactica e especilamente inteligentemente (inteligentemente neste contexto é um erro gramatical que assumo desde já), não do ponto de vista pessoal, mas do ponto de vista futebolistico.
Assim, muito terá que mudar no Djaló para a minha opinião mudar... como nunca mudou com o Roberto e como continua sem mudar no Emerson.

Abraço

Bcool973 disse...

É isso mesmo Constantino, é um jogador muito pouco inteligente e isso é algo que o Jesus não lhe pode dar ...
Já sei que pensam que pode ser um novo coentrão ou na pior da hipóteses um novo Maxi, isto é um ala adaptado a lateral que estique o jogo ...
Para mim é um jogador burro, que toma más decisões (a nível do jogo, porque de resto não me diz respeito) e que ainda por cima é fraco tecnicamente. Tem 25 anos, não é 23 nem 21, é um jogador que fisicamente já não desenvolve mais e que duvido que tenha cabeça para desenvolver mais a inteligência de jogo ...
Não é lateral esquerdo, talvez venha a ser adaptado a lateral direito e lá para o fim de Fevereiro venha a ser alternativa para o Maxi, mas com maiores limitações a nível defensivo ...
Sinceramente vejo muito pouca utilidade que traz à equipa e se isto foi uma tentativa de amenizar a ira dos sócios com o negócio de Maputo, acho que mais uma vez a direcção esteve mal ...
Se isto é para satisfazer o ego do Jesus que diz que vai fazer dele um grande jogador então Euronews ...
O mercado vai fechar, emerdon à esquerda e maxi à direita continuarão titulares sem alternativas para o Jesus. A alternativa aos centrais é o certinho Jardel que agora tem a mania que é tecnicista. A alternativa ao Javi é o Matic, que para além do 1,90 e muito pouco mais tem para fazer de trinco ...
A alternativa ao Cardozo, (acho que o Nelson está demasiado verde e deveria estar fora para ganhar ritmo de jogo) é melhor falarem com a Marta ...
Eureka - O jaló veio por causa da obrigatoriedade de na taça da liga começarem com 2 portugueses no onze ... Ah ganda vieira, sempre em cima do acontecimento ...
Só mais uma palavra, Maputo

POC disse...

Nesse sentido, posso comparar Djaló a Franco Jara.
Franco mais rematador e lutador, mais burro.
Djaló mais rápido, um pouco menos burro.

Se tivesse que ser troca por troca, ainda aceitava. Este é português e dá jeito na contabilidade.

PS: nunca vi jogador mais burro que Franco. E quando digo burro, é decidir mal...não quer dizer que lhe falte inteligência.

Ricardo disse...

Zé, este texto aborda a contratação do Djaló. Não vai para lá disso. Se fosse, obviamente estaria de acordo contigo. A prioridade é outra. Mas isso fica para amanhã.

POC, um quê, um "querido líder"? Tu não andas bem. O portão fez-te mal :)

Concordo que traz outras características ao plantel. Mas é bom não esquecer o Enzo, que é melhor jogador.

João, não percebi o alvo das críticas. A não ser que o "vós" seja uma entidade globalizante.

JNF, respondo o mesmo que respondi ao Trolha.

Constantino, por favor, que este texto nunca desvirtue a capacidade de malhar em jogadores - nossos ou dos outros. Se é isso que irá acontecer, faz-se já aqui um reset e acaba-se com o texto na hora. Abraço.

Bcool, dá algum crédito ao marido da lucy. Pode ser que apareça algo satisfatório. Mas, sim, concordo com muito do que dizes. Amanhã falamos sobre isso tudo.

(Maputo não nos fez bem)

POC disse...

Querido Líder, qual Coreia do Norte. Ele diz e as ovelhas dizem "sim". Tem sido assim desde há uns bons anos.

Mas OK, vou focar-me no Djaló (a cena do portão de ferro nos tomates tolda-me o pensamento).

É verdade que falta Enzo, em quem depositava grandes esperanças. Ainda acredito, mas vai ter que lutar muito e querer.
Djaló vai servir para esticar o jogo quando for preciso. Vai jogar jogos mais acessíveis no plano teórico. Mas à partida, não me parece grande charuto. Quase um Marinho ou Amaral, quando os fomos buscar.

(Amaral, pega na bola defendida pelas mãos do Vítor Baliza 328 metros fora da área, remata, faz golo...e marcam fora-de-jogo - inexistente - e levam a Supertaça. Ah...bons tempos...)

SLB4EVER disse...

Estragaram a piada toda mas pode ser que o Jahló no SLB se faça um home!

Não posso dizer que fico entusiasmado com a sua vinda até porque o embrulho de toda a sua situação me deixa desconfiado e na dúvida de qual será o preço desta borla.
Ao mesmo tempo sempre tive a sensação que a lagartada nunca o aproveitou bem, acho que mudando um pouco a sua atitude em campo e confiante é um jogador que pode fazer a diferença, agora só posso dar as boas vindas e esperar que o palpite esteja certo.

As morteiradas é mesmo melhor esperar pelo fecho do mercado, e estava a ser um janeiro tão tranquilo...

rogerAjacto disse...

Espero estar enganado, mas o Djaló não jogador de bola. É dos gajos mais burros que já vi a jogar, parece que consegue sempre escolher a pior opção. Sinceramente não acredito que consiga melhorar nesse aspecto (transplante de cérebro?!). Mas ok, agora lá teremos de o gramar. Espero é que o JJ não se lembre de insistir no gajo só porque sim. Também não estou a ver onde o colocar no campo, nem sei bem onde joga, parece-me talhado para uma equipa de segunda linha, que jogue fundamentalmente em contra-ataque (mas eu não percebo nada disto).
Enfim, refira-se que sempre achei que era um boato até finalmente ler a notícia que já tinha treinado. Simplesmente não queria acreditar. Não sei bem como reagir, ainda estou um bocado em choque... (desculpem o desabafo)

Ricardo disse...

Houve um comentário do Mentecapto da Silva que tive de censurar porque, enfim, o rapaz não tem modos nem registo.

Mas que fique para a posteridade: Mentecapto da Silva concorda com o desabafo do Roger, pede ao Roger para participar mais e diz - sempre na segurança da sua sapiência - que Djaló nem sequer um joguito há-de fazer pelo Benfica.

Fica aqui para o futuro. Caso contrário, o rapaz ainda viria dizer que não disse nada disto. Que ele escolhe o que ele e os outros dizem de uma forma muito curiosa. Mas gostamos de Mentecapto da Silva. Então registado... ui!

Ricardo disse...

POC, não me lembres coisas tristes. É capaz de ter sido a arbitragem mais cómica da história.

SLB, estou de acordo.

Roger, compreendo as tuas dores. O rapaz no Sporting era tudo isso. Sê-lo-á no Benfica? Acho que não, mas aceito perfeitamente quem ache esta contratação uma coisa absurda. Vamos esperar para ver.

Quanto à posição, espero que não venha para a frente de ataque - Cardozo, Saviola, Rodrigo e Nelson chegam-nos muito bem. Pô-lo-ia na ala. Tanto em 433 como em 442. Em certos jogos, claro. Pode ser um bom desbloqueador, até porque tem um tom mais "rompedor" do que todos os "alas" que temos no plantel.

Pode ainda dar-se o caso de o Jesus querer adaptar o homem à direita da defesa.

Let´s wait. Acho que vai fazer uns jogos agradáveis, bem trabalhado pode mudar algumas coisas (sim, o cérebro será mais complicado) - por exemplo, onde sempre esteve mal foi na recepção de bola, nunca orientava as recepções e muitas vezes até nem sequer orientava a bola para o pé dele. Isso são coisas que se treinam, podem melhorar, mas nunca conseguirá com 25 anos melhorar totalmente. Já, por exemplo, a tomada de decisão que, no conceito, é mais difícil de evoluir em treino ou por alguém lhe explicar como deve decidir (porque, acima de tudo, mais do foro individual e intelectual) pode, bem orientado, ser levado a conseguir melhores resultados pelo estilo de jogo da equipa. Não tenho grandes dúvidas de que, no modelo do Benfica, com os jogadores que o Benfica tem, bem orientado pelo Jesus, o Djaló será um jogador que no Sporting nunca foi.

Enfim, chamem-me maluco. Mas eu até acredito que o gajo vai resultar como suplente de qualidade. E depois... Euro e uns milhões. É só o que espero do marido da Lucy.

Ah... e um golo em Alvalade que dê o título. Oh, luxo!

POC disse...

@Ricardo, estou nessa, também acho que nalguns jogos será um bom suplente, quando for preciso rasgar os jogos.

E c'oa breca, rapo o cabelo com um Y se ele fizer um golo no Alvabbialac!

João José Aquilino Pires disse...

"parece-me talhado para uma equipa de segunda linha, que jogue fundamentalmente em contra-ataque"... bem, não é necessário ser uma equipa de 2ª linha pra jogar em contra-ataque (relembro por exemplo que em Old Trafford trouxemos um bom resultado jogando em contra-ataque)... aliás, falando em Champion's, passando o Zenit, teremos certamente adversário(s) com quem jogar em contra-ataque, especialmente no jogo fora de casa... E sim, Djaló não será para a frente de ataque pelo meio, será para a frente de ataque pela(s) ala(s)...

David Duarte disse...

Daqui a um ano estaremos a dizer que afinal Aimar é o filho e o Djalo é que é Deus. Serei hérético a escrever isto? Muito provavelmente.

Bcool973 disse...

ainda não te safaste duma, já andas a fazer outras promessas ? fosga-se que pareces um político em campanha POC, ou isso ou o Vieira em entrevistas à Bola

Ricardo disse...

Mentecapto regressa: vem avisar de que nunca teve maus mudos - isto apesar de, em todos os posts, tratar os outros como se fossem alguns atrasados mentais e mentir descaradamente sobre o que se disse no passado. Mas não tem maus modos, isso não tem.

Depois Mentecapto quer avisar que afinal não disse que Djaló nunca jogaria pelo Benfica; o que ele disse foi, e cito, "ele não vai calçar". Parece que "ele não vai calçar" não é propriamente não jogar, é jogar tanto quanto, e cito mais uma vez, "Mora (já cá não mora), Nélson Oliveira e Capdevila".

Portanto, para o futuro fica assim: Mentecapto da Silva acha que Djaló não vai calçar, como não calçaram Mora, Oliveira e Capdevila.

E encontra-se extremamente indignado com a forma como está a ser alvo de censura. Mais um bocadinho e é mesmo capaz de ser um rapaz simpático. Mas ainda falta.

João José Aquilino Pires disse...

Carta aberta ao Yanick Djaló:

http://slbfenixrenascida.blogspot.com/2012/01/carta-aberta-ao-djalo.html

João José Aquilino Pires disse...

E Ricardo, a mensagem desta tarde foi um desabafo por ter lido demasiadas opiniões "do contra" nas últimas horas! Mas daqui a umas horas já é Fevereiro!:P

Zimbora disse...

Não acredito que conheçam o Enzo. Vão me dizer que viam jogos do Independente às 2 da manhã? Daaaaasse, dizerem que ele é que é e que será uma bomba e tal e depois...ninguém o conhece. Ainda se dissessem que viam o Boca ou o River ainda engulo, agora conhecerem o Enzo, lol para vocês pá.


Djaló é medíocre, e se o Jesus tem capacidade para o tornar um patrão podia começar por mostrar isso com o Emerson...

Ulrich Haberland disse...

Isto é assim (à Alberto João)

Quer dizer (1), anda aqui uma pessoa a orar todos os dias por uma contrataçãozinha que a livre do Emerson e o que é que acontece???... Pimba, toma lá com mais um burro que só um é pouco! É castigo???? Mas que mal fiz eu, grande líder? Eu pago as cotas, eu paguei o redpass, eu vou aos jogos!... Porquê então????...

Quer dizer (2), precisamos de alternativas para as laterais defensivas e o que é que acontece??? Mandamos embora a única alternativa capaz! E para o crac2!!! (E era também o melhor substituto do Witsel)

Só podem estar a gozar comigo.

Ai vocês apagam-nos as luzes, acusam de racismo, arranjam confusão em todos os jogos conosco? Então tomem lá de graça um jogador internacional português que até nos faz falta!

Ai vocês vêm a nossa casa e deitam fogo às bancadas que danifica a estrutura do estádio? Nós ficamos com o vosso jogador mais burro, que não precisamos, e pagamos-lhe nós o ordenado!

Obrigada, grande líder pelos sapos que engoli!

Pronto, já me saiu o desabafo, siga a banda.

P. S. – POC, doeu muito?...

Vitto Vendetta disse...

Eu, por mim, continuo a gozar com ele como sempre o fiz. Come essas batatas que estão mais a fritar.

Pedro disse...

Bom dia Ricardo,

Desta vez não estou lá muito de acordo contigo, só não te vou explicar as razões agora, porque uma pilha de trabalho em tamanho épico chama por mim...no entanto aqui fica o que me alegrou o dia logo pela manhã...

http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=313353

Só podia ser ele...

Um grande abraço

Pedro

eupensopelaminhacabeçaeusoulivre disse...

Venho a dizer há algum tempo que o Benfica precisava de um tipo que "só soubesse" ir á linha de fundo e mandar bolas prá "airia" como se não houvesse realmente amanhã... espero que seja este gajo... é só o que tenho a dizer sobre o caso... e a verdade é que eu não tenho memórias positivas do atleta no que concerne a esta temática --- mas posso estar enganado, porque apreciar desempenhos de atletas de outros clubes não é o meu forte --- melhor dizendo são raros os jogos que vejo do SCP, do Braga ou do FCP, logo não tenho conhecimento de causa... só feellings... espero estar REDONDAMENTE enganado!

pitons na boca disse...

Vou continuar a fazer piadas à conta do Cháló. Ultimamente não tenho feito muitas à conta do meu clube e lá no meu tasco isso é regra: temos de saber rir de nós próprios sem complexos.

Espero que se faça mesmo jogador, mas não acardito muito.

Os laterais esquerdos vão continuar a ser estes 3, provavelmente pela ordem que tem sido até agora, com a nuance de que agora o Raiodavelha já pode ir para o banco com o Zenit. Vamos a ver como corre.
Não concordo com o empréstimo do Amorim ao Braga, o único sentido que faz é deixar o Sportem fora do pódio, mas essa guerra não nos devia importunar minimamente. O negócio Amorim só podia ser feito se viesse o Salino em troca!


O 33 festeja-se no Marquês, e que seja já desta vez.

POC disse...

@Bcool973, tens razão, estou a parecer um político, mas o Benfica faz-me perder a noção do ridículo. E não me importo muito com isso. Acho que o amor é assim.

@Mentecapto da Silvam, aprecio bastante o teu trabalho e o diálogo que tens mantido connosco. Grande abraço.

@Ulrich Haberland, ainda não doeu, no final desta semana vemos o resultado da votação e... Segura-me a mão durante o momento solene?

@Vitto Vendetta, és um patrão do camano, batatas e tudo, mas estou de dieta...já mandavas era o mail, palerma!

Vitto Vendetta disse...

palerma é a tua tia, seu manso!!!

eupensopelaminhacabeçaeusoulivre disse...

Esta mulher deve ser do Norte carago... só espero que o burro chegue a cavalo através de um milagre de Jesus... isso é que era vermelho sobre verde...

POC disse...

@Ricardo, este local deve ser de amena cavaqueira e grande dignidade entre os intervenientes. Por isso quero dizer duas coisas:
- grande abraço ao Mentecapto da Silva;
- o Vitto tem de ser barrado, só vem aqui para instigar-me ao vernáculo, o cabeça de abóbora...

Hattori Hanzo disse...

Não me parece que o velocista fosse preciso nesta altura no clube. Só se for útil adaptado a uma ala. E se for isso basicamente irá queimar jogadores que estão emprestados agora(não é que confiássemos que alguma vez iriam ter oportunidades), como Urreta ou Yartey. O que me chateia não é o Djaló é o resto, mas quando escreveres o post poderemos debater melhor o resto. O que nos vale é que o adjunto do adjunto do tradutor irá continuar por lá pelo menos até ao final do ano.

Ricardo disse...

Ontem, hoje e amanhã, meus caros. Ontem, hoje e amanhã.

Ulrich Haberland disse...

POC, não me apercebi que existia votação, boa sorte então, espero que corra tudo bem. Tem todo o meu apoio moral.

eupensopelaminhacabeçaeusoulivre disse...

O artista é segundo avançado pelo que estive a ver na net... mais um?
OK... veremos se o Jasus o coloca sobre a ala esquerda? Na direita vamos ter o Enzo certo?

O Cap afinal foi para a champions... estranho...