quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

35

Que o Sporting morreu, que o Sporting não jogou, que Jardim inventou. São estes os comentários reinantes hoje. E não podiam ser mais errados. O Sporting jogou o que pôde, o que lhe foi permitido. O Benfica, esse jogou e jogou bem, fez uma partida segura e tranquila, fez esquecer tempos recentes, fez esquecer tempos em que se falava à boca cheia da desunião do balneário, da equipa contra o treinador, da iminência de um golpe palaciano. Tudo isso é passado, tudo isso é tormenta que passou. E Sálvio continua lesionado, Cardozo no banco, Matic no Chelsea, Garay com a cabeça cheia de rublos. E no entanto o Benfica sobrevive e, mais do que isso, joga. Reinventa-se, Fejsa revela-se, Enzo confirma-se, Maxi reergue-se das cinzas. E depois há Enzo Perez. Enzo é talvez o caso mais significativo, é a bela história do proscrito tornado herói, do dispensável feito pedra basilar. Basta vê-lo jogar para perceber o que ele já percebeu, que jogar no Benfica, jogar como ele joga de encarnado é abrir uma enorme porta para a eternidade, para a memória dos adeptos, que é a mais bela forma de eternidade. Tempos distantes chegarão em que o campo parecerá mais vazio sem o n°35, tempos haverá em que as bancadas da Luz não se curvarão perante o grande Enzo, em que a sua emoção não dominará ondas hertzianas, desaguando depois em todas as TVs e no coração dos que amam o Benfica. Sim serão tempos distantes em que Enzo existirá apenas nas memórias daquele dia de lágrimas em Amsterdam, ou do nó cego a Dier e Patrício do último derby. Ou das muitas recordações que esperam ser construídas, na Luz ou em qualquer Estádio, jogando a 8, ou a 6, ou mesmo a 10, pouco importa. O certo é que Enzo perdurará. Ele percebeu o caminho. E nós, todos nós lhes estamos gratos por isso.
(pedro.rui.2014)

6 comentários:

Caper disse...

Uma entrada em grande. Uma entrada à Enzo. Bem-vindo, companheiro.

Benfiquista Tripeiro disse...

Belo texto, é esse o sentimento comum entre os Benfiquistas em relação a Enzo.

Este é para contrato vitalício, para herdar a braçadeira, mas temo que a jogar assim não fique cá muito mais tempo. Se for ao mundial, então é que sai mesmo.

Anónimo disse...

Foi emocionante na altura da substituição o estádio todo a aclamar EEEEEEEEENZO!!! EEEEEEEEENZO!!! EEEEEEEEENZO!!! poucos jogadores tiveram tal vassalagem.
É pena não existirem vídeos a circular na Net com esse momento... Simplesmente Soberbo.

RN13

João disse...

Sendo eu Sportinguista, este é um dos blogues de adversários que leio, e não posso estar mais de acordo.

Enzo é um jogador estrondoso!

Saudações desportivas

luis disse...

Ontem, hoje e amanhã ;)

Benfica Todos Tempos

ATF disse...

Bela entrada neste blog, mas, convenhamos, o momento atual do Benfica tambem ajudou e muito. Esperemos que assim continue, isto é, um pouco mais de futebol e menos politica.