domingo, 18 de janeiro de 2015

Jonas



A única lamentação possível na contratação de Jonas prende-se com o facto de ter chegado já em Setembro e para lá do período de inscrição nas provas europeias, pois com Jonas na equipa, a Liga dos Campeões podia ter sido, pelo menos, ligeiramente diferente.

Jonas é a prova provada de que um avançado pode ser determinante num jogo sem fazer qualquer golo. A forma como lê o que o jogo lhe oferece, a forma como entende as necessidades colectivas em todos os momentos, a forma como executa e decide é simplesmente deliciosa.

A sua intervenção no 3º e 4º golos não é só decisiva, é absolutamente genial. Hoje, como noutros jogos, o Benfica vence embalado na classe do Brasileiro.

Ver Jonas jogar vale o bilhete de qualquer jogo.

5 comentários:

Anónimo disse...

Não sei se Aimar e Jonas na mesma equipa não seria melhor que Aimar e Saviola. O homem desfila classe.

Quando ele chegou e lhe chamaram velho, disse que desde que as empurre lá para dentro, já vale o dinheiro gasto. E se vale...

Abraço,
Joni.

Tiago Santos disse...

Melhor contracção a custo 0 que tenho memoria. Joga tanto.

Daniel Martins disse...

Jonas é bom, mas Saviola é Saviola...

Quem lhe chamou de velho nem se deu ao trabalho de o ver jogar. Já eu que o conhecia, até à confirmação oficial achei sempre que era impossível ele vir para o Benfica, ainda para mais a "custo zero".

RG disse...

Nunca vi no Benfica nenhum ponta de lança que tenha mostrado tamanha frieza, classe e destreza técnica como o Jonas !

moleculasdeamor disse...

É exactamente isso tudo! Um atleta inteligente trabalhador e cheio de classe/técnica apurada...