sábado, 3 de março de 2012

O que era demasiado óbvio (menos para quem dirige e treina o Benfica)

Primeiro golo: Aimar perde uma bola na zona central. Em vez de iniciar a pressão, decide ficar parado a reclamar com o árbitro. Mudança de flanco, bola para Hulk. Emerson - o tal que serve para ser titular a época inteira - marca com olhos. Golo.

Segundo golo: Gaitán - o tal que tem de ser mimado, caso contrário o menino amua e não joga nada -, pela milionésima vez esta época, arrisca em zona crucial, perde a bola e lança contra-ataques adversários. Golo.

Quando há uns meses, enquanto vitórias iam acontecendo, falámos de Gaitán e Emerson como perigos para o que restava da época, o chorrilho de asneiras e insultos caiu sobre este tasco. Gente que vive os jogos pelo lado errado: vê resultados, não vê mais nada. Não sabe ter uma atitude crítica em relação a um jogo, mesmo que seja um jogo de 5-1. 

Jesus também não vê problemas nenhuns com a forma de jogar destes dois jogadores, visto que são seus titulares indiscutíveis. Um pode muito, mas não quer, goza com adeptos, colegas e clube. Outro luta muito, mas não pode, é fraco, não serve para o Benfica. Dois cancros numa equipa são tudo o que é preciso para a desgraça quando os adversários - como se sabia que ia acontecer nesta fase da época - são de outra qualidade e sabem aproveitar os erros destes dois indivíduos. 

Esteve lá sempre. Jogo após jogo. Jogada após jogada. Fraca qualidade do Emerson (em tudo!), displicência e perdas de bola infantis do Gaitán. Mas não. Importava apoiar. Como se eu andar a gritar para um cego "vai, caralho, eu acredito em ti, vê, vê" o cego, por obra e graça do espírito santo, vai miraculosamente começar a ver.


Não é aceitável perder 8 pontos em 9 em três jornadas cruciais para o campeonato quando tínhamos 5 de avanço antes delas. Não é possível aceitar isto, por mais voltas que sejam dadas. Falem das arbitragens, do tipo de relvado, do azar, da fealdade dos jogadores adversários, do clima, do Gomes, do Oliveirinha, da fruta e seus derivados. Mas falem também da incapacidade desta equipa para lidar com a pressão. Falem também de Jesus que, de tão mestre da táctica, ontem levou um banho de um treinador ridículo. Falem na Direcção e a sua total incompetência para conquistar sucesso desportivo. Falem em quem dirige o clube e a sua nula capacidade para gerar um espírito de guerra e superação contra os corruptos. 

Sejam críticos. Pensem pela vossa cabeça. Olhem para lá dos momentos esporádicos de bom futebol. Vejam para lá do que vos dizem. Leiam mais. Dediquem menos tempo a dizer frases vazias de sentido. "Agora temos de apoiar" - que sentido tem isto? "Agora"? Sempre! Apoiamos sempre. Mas apoiar não é meter a cabeça na areia e não ver o que os sinais fazem adivinhar. Apoiar não é dizer bem de tudo o que se faz no Benfica para "não desmotivar". Parecem o Jesus com o Gaitán: "precisa de carinho". Não, do que o Gaitán precisa é de um treinador que o cuspa todo quando faz merda. Precisa de um líder que lhe explique que o que ele faz em campo é vergonhoso. Precisa de sentar o cu no banco até entender conceitos básicos de futebol. Ou então vendam-no. O Ferguson fará dele o jogador que o Jesus nunca conseguirá fazer. 

Com menos um jogador, Jesus decide não reforçar a equipa, deixando Gaitán - esse portento defensivo! - como lateral-esquerdo. Jesus teima muito, Jesus vê o futebol de forma caótica. É ele próprio que nos avisa disso mesmo quando afirma coisas tão absurdas como "não dou especial atenção ao processo defensivo, quero saber mais do lado ofensivo". Isto é muito estúpido. Isto é mesmo muito imbecil. Em 2012, pensar desta forma dá nisto: goleadas em jogos fáceis, derrotas em jogos difíceis. 

E, pelo trajecto de 3 anos de Jesus no Benfica, já se percebeu que o homem não evolui. É aquilo, não dá para mais. Mas, como gosta de atacar (e não liga muito ao processo defensivo), é um deus na terra. Mau era o outro que era um cobardolas. Embora tenha disputado um campeonato até ao fim com um plantel que nem metade da qualidade deste tinha. É o Benfica e a sua estranha complexidade. Perder este título para o incompetente do Pereira é um selo de incompetência clara de quem nos dirige e treina. E o pior é que ainda há muita gente que ainda não percebeu que com esta Direcção o Benfica nunca voltará a dominar o futebol português. Nas próximas eleições, dêem-lhes mais votos. 90 por cento é pouco.

Campeonato acabou. Taça de Portugal tinha acabado há muito tempo. Taça da Liga é prémio menor. Resta-nos a Champions. O mínimo dos mínimos neste momento, aquilo que se EXIGE ao Benfica e seu treinador, é a passagem aos quartos-de-final. Alguém que explique a quem gere os nossos destinos que, depois de mais uma facada profunda nos nosso corações, os adeptos merecem uma noite de alegria. Lá estaremos para apoiar. Porque é no estádio que se apoia, não atrás de um teclado.

47 comentários:

Anónimo disse...

Não vejo onde é que o Jesus teve culpa. Aimar lesiona-se entra Rodrigo, Garay lesiona-se entra MV. Emerson é expulso ele ia por o Matic mas o benfica sofre o terceiro golo, ele poe um avançado, Nelson Oliveira.
Critica ridicula

lawrence disse...

Ricardo:
Deixa-te de exigências crlh!
Queres ganhar aos russos? Sem Garay para tapar os buracos que o Emerson abre e que quando os fecha é na marra e dá penalty ou cartões?
E com o Gaitán a perder bolas para uma equipa especialista no contra-ataque?
Vale é que quando estamos bem, temos que apoiar e não criticar!
Quando estamos assim-assim, temos que apoiar e não criticar para a equipa melhorar!
E quando estamos mal, então aí temos que apoiar para não ficarmos pior!
Apoiemos pois mais esta jornada!
E se correr mal, apoiemos para não perdermos o 2º lugar!
E se perdermos o 2º lugar, apoiemos para não ficarmos atrás do Marítimo!

Pedro disse...

E está tudo dito...tão bem dito.

Mas concerteza que virão os yes-men a dizer que tens de apoiar o motorista do camião desgovernado em direcção do muro...a metáfora do cego é brutal e certeira. Estes palhaços que andam nos blogs a repetir os chavões do apoio e de q não há alternativas e tal q NUNCA, porra, NUNCA são capazes de argumentar o que quer q seja .... desapareçam pá!!!!

Ricardo, com calma, lá no final da época, com umas bjecas ao lado, havemos de falar de guarda redes...abraços.

Pedro disse...

Bem, deixa-me responder ao anónimo acima.

Culpas de Jesus? Enfim...ou se percebe de futebol ou não se percebe. a crítica q o Ricardo faz é tão clara que custa ter que explicá-la: Emerson e Gaitan não têm qualidade para serem titulares no SLB. Não é de ontem, é de há muito a esta parte, ontem foi apenas o corolário dos disparates de Jesus ao longo da época. Ontem entramos com dois jogadores a menos para o jogo decisivo da época. A culpa é, claramente de Jesus. Que persiste na sua teimosia, q estraga um lateral competente como Capdevila e é incapaz de perceber q Gaitan estraga mais do que ajuda a equipa. Isto são erros de Jesus...ontem foi obrigado a fazer substituições...ora bem quando Rodrigo entrou já estavamos em vantagem. Tira um centro campista para pôr um avançado? Pq? Culpa de Jesus, claramente. Não fui eu na bancada sagres q decidi aquela substituição... Claro que não tem culpa nas lesões...mas se o 11 inicial tivesse 11 jogadores a sério a gestão das lesões teria sido muito mais fácil.

Por um avançado aos 89 minutos...não se perceber do estupido q isto é, é não perceber NADA de futebol. NADA!!!

Paulo F. disse...

Ricardo, tens TODA a razão. Esta direcção e esta equipa técnica não servem. Ontem foi a prova dos nove. Vou a TODOS os jogos no Estádio da Luz e ontem senti-me literalmente gozado.

Espero sinceramente que, nas próximas eleições, apareça uma alternativa credível. Porque os meus votos (e são muitos) é que o LFV nunca mais leva. E tenho dito.

lawrence disse...

Ó Anónimo:
A ganhar, o Aimar lesiona-se. Metia o Matic para manter o meio-campo.
Que perde com a entrada do James.
E para meter o Ricardo (mais rápido), já que jogava no contra-ataque, tirava o já cansado Tacuara.
Quando o Emerson é expulso, o Matic já lá estava e era só compensar.
E servia para as bolas alta na nossa área.
Portanto, cada cabeça...

Nuno Pinho disse...

Pondo de parte a deplorável exibição da equipa de arbitragem, ontem o FCPorto transfigurou-se com a entrada de um jogador que o Jesus tinha pedido para a nossa equipa: James Rodriguez. Ele praticamente inventou o segundo golo numa sucessão de erros da nossa equipa...
Não veio para o Benfica, assim como o Falcao, por alguma decisão técnica? Será que o Jesus também é responsável pela contratação do Capdevilla? Era esse o portento físico que vinha substituir o Coentrão e fazer toda a ala?
Tragam um novo treinador, um novo defesa-esquerdo, um novo organizador de jogo (o genial Aimar não aguenta uma temporada inteira e a sua sucessão está a ser tratada de ânimo leve) e levantem as mãos para o céu se pensam que o problema está aí. O FCPorto é um clube bairrista que nutre um ódio injustificável pelo Benfica. Por incrível que pareça, essa é a sua maior força. Criou uma divisão na liga portuguesa em que o Benfica é o alvo a abater, como se se tratasse do clube mais forte em Portugal nas últimas duas décadas. Não é. Os números, mais ou menos transparentes, mostram-no. Uns poderão dizer que o FCPorto não sabe ser grande porque continua a não saber vencer dentro e fora das quatro linhas, mas que ninguém duvide da sua organização. Por exemplo, não os imaginava a desperdiçar um mercado de inverno com a mestria da direcção benfiquista. Perdemos o Amorim para o Braga que era um jogador determinante pela sua polivalência, gerimos mal o caso do €nzo, não encontramos um substituto para o Máxi, nem para o Javi, contratámos o Djaló (não há desculpas, conhecíamo-lo do Sporting e sabíamos que não era o extremo que a equipa precisava!) e esquecemo-nos por completo de colmatar a lacuna do defesa-esquerdo. O último “tiro nos pés” saiu-nos caro. Depois, temos um presidente que vai à televisão dizer que o Benfica tem uma estrutura forte e que pode sagrar-se campeã, independentemente do treinador...
O pior, há benfiquistas que acreditam nesta incompetência encapuçada. Pior ainda, há o "sistema" que, há duas décadas, conduz sempre os mesmos...

bjorn disse...

para mim chega. claro que apoio, claro hoje quero tanto vitórias como as desejava no início do ano ou há 3 semanas, mas o jesus já me meteu no piloto automático de menos sofrimento. nada vale o estado em que eu estava ontem, que seria morte certa para um coração mais usado. nem o benfica, e menos este, que com uma injecção de milhões se porta como um clube de bairro perante o porto, cada vez que é a doer. e por isto, culpo o jesus.
qt ao lfv, sempre fui muito condescendente com ele, esqueci o passado pessoal, esqueci o discurso incoerente, esqueci as posições e alianças incierentes e inexplicáveis. tudo pq me lembro bem dos 90's, lembro-m das equipas que tínhamos, lembro-me de todos os dias ir para a escola com medo de olhar para os títulos dos jornais desportivos porque podia sempre haver mais uma rescisão de contrato, lembro-me de ter medo de que o benfica acabasse. por me ter feito perder estes medos, condescendi e agradeço-lhe, mas já não dá, chega. a inercia ou falta de visão de quem nos comanda levou-nos a esta situação em q somos o sporting do porto, que nem nessa altura fomos. prefiro não ter expectativas pq n há n guito que ter uma equipa fabulosa e ter o esfincter alargado a cada visita daqueles filhos da puta, e continuar a ganhar esporadicamente.

David Duarte disse...

Olha Ricardo, tu meteste um video com o João César Monteiro. Lembrei-me automaticamente de um filma dele (A comédia de Deus) onde o Luis Miguel Cintra tem uma tirada que exprime perfeitamente o que eu sinto actualmente. Ele fazi o papel do louco que se tomava por Cristo. Ele diz:

"Quando subi aos céus olhei para baixo e disse aos mortais : agora fodam-se vocês, que a mim jà não me fodem mais"

Uma das melhores frases da historia do cinema e que diz o que eu sinto agora sobre o Vieira, o Jesus e as arbitragens. Espero bem que se fodam todos! Porque se não forem eles a foderem-se, serà o Benfica e isso não aceito.

mrmg disse...

Querem a verdade.

PQP a nota artística,

mais em:

http://aminhachama.blogspot.com/2012/03/benfica-vs-jogo-animado-este-que-tenho.html

Anónimo disse...

Mas ainda há "santinhos" que acreditam que vamos passar o Zenit? E que vamos à final da Taça da Liga? Por amor de Deus,só quem não sabe nada de bola pode crer nisso. Vamos novamente ser humilhados em nossa casa. O JJ e o Vieira são dois imbecis encartados e não nos levarão a lado nenhum.

eupensopelaminhacabeçaeusoulivre disse...

Sabes Ricardo eu sou daqueles que aceita os erros, que perdoa - falo de LFV e Jasus, Gaitans e Emersons... e tal... e que mesmo assim no estádio quando lá entro é como tu bato palmas a uma corridinha esforçada, não assobio - sou unha e carne com o Clube... mas quando parece que o people não quer arrepiar caminho... é altura de eu sair fora... quem sabe se volto, mas assim não é viver na alegria é sofrimento constante... e viver é alegrarmo-nos - este combate de senso comum contra personalidades desproporcionadas... é isso mesmo uma batalha perdida... para mim chega, quando Rui Costa (ou outro Rui Costa qualquer...)subir à cadeira do poder quem sabe... por agora fim... capaz de perdoar a toda a gente, mas amo-me muito para continuar a dar para este peditório de fofinhos... :)
Abração...

Eh pá sem mariquices (eh eh eh eh) gosto de ti caralho tens uma atitude que GOSTO MUITO - Gente assim precisa o nosso mundo... continua Ricardo... Abraço fraterno... é certamente uma despedida!

Bcool973 disse...

E os quartos de final da Champions chegam ? O Koeman foi eliminado nos quartos pelo Barcelona que foi campeão europeu e alguém tem saudades dessa época (excepto os que como eu estiveram em anfield e na catalunha e se lembram desse benfica europeu) ?
Sinceramente depois de os ver na frente com 3,5 pontos de avanço, não acredito no campeonato.
a taça da liga para mim é taça menor, é um pouco melhor que a supertaça, m as claramente muito inferior à taça de portugal.
Para mim acabou ... Pócaralho ...
Eu sou dum Benfica vencedor, que não tem medo de ninguém, nem das guerras que gente menor provoca. Desde 78 que os nojentos montaram a barraca contra nós e contra os lagartos ... Nunca tivémos medo deles em nossa casa, até chegar jesus ... chega, pode ter as 50.000 vitórias em portugal e na europa que quando chegam os jogos a sério apanha na bilha - anfield, antas há 2 anos, no ano passado, as últimas 3 deslocações dos tripeiros à luz, a supertaça, o braga, o braga caralho ... acredito que se ganhe a taça da liga pois essa é a especialidade do jesus

Ricardo disse...

Anónimo, o Pedro e o Lawrence já te responderam.

De acordo, Nuno Pinho e bjorn.

Essa é a escolha acertada, David. A Comédia de Deus é uma pérola do princípio ao fim. Aliás, todo o trabalho do homem é genial.

Anónimo (12:51), não se trata de crença, trata-se de uma análise lúcida. Mesmo com cancros na equipa, conseguimos ganhar 1-0 ao Zenit, disso não tenho dúvidas. Se o faremos ou não, já é outro assunto. E depois há uma vantagem no Zenit: não é o Porto. Ou seja: podemos ser mais homens, que está visto que contra os corruptos ninguém no Benfica consegue incutir uma mentalidade vencedora.

Abraço, eu penso. Vais ver que contra o Zenit já estás outra vez motivado. O mundo precisa de extinguir os filhos da puta. E andam muitos por aí...

Bcool, não chegam. Aliás, neste momento, a única coisa que pode chegar é sermos campeões europeus. Se isso acontecesse, passávamos de uma provável época desastrosa para uma épica. Mas claro que não seremos campeões europeus. Ir às meias-finais, por exemplo, já libertava um pouco este sufoco de ter perdido o campeonato desta maneira.

O Jesus não dá mais.

David Duarte disse...

"Eu sou dum Benfica vencedor, que não tem medo de ninguém, nem das guerras que gente menor provoca. Desde 78 que os nojentos montaram a barraca contra nós e contra os lagartos ... Nunca tivémos medo deles em nossa casa, até chegar jesus ... chega, pode ter as 50.000 vitórias em portugal e na europa que quando chegam os jogos a sério apanha na bilha - anfield, antas há 2 anos, no ano passado, as últimas 3 deslocações dos tripeiros à luz, a supertaça, o braga, o braga caralho ... acredito que se ganhe a taça da liga pois essa é a especialidade do jesus"

Bcool, resumes bem a situação. O que é pior nisto tudo é mesmo ver que o Benfica joga a medo nos jogos importantes desde que tem o Jesus. Mesmo nos tempos mais negros do Benfica, a equipa (formada por Bruno Bastos e afins) dava o que tinha sem medo. Agora parece que ficam paralizados quando jogam contra o porto: é revoltante!

David Duarte disse...

Espero sinceramente que seja a ultima época do Jesus. Com os jogadores que ele tem, imaginem o que faria um Fernando Santos, um Koeman, um Heypkens, merda, mesmo um Chalana! E em vez disso, somos os reis da Taça da Liga (até se fazem t-shirts!), temos dificuldades em ganhar um campeonato contra uma equipa treinada pelo Vitor Pereira e levamos humilhações atras de humilhações contra o porto.

Mas jà pensaram numa coisa? Se ele for mesmo embora no final da época é provavel que acabe no Sporting e mais, é ainda mais provavel que faça tudo para lixar-nos a cada jogo. QUERO O JESUS NO SPORTING!!!

Pedro disse...

" Agora parece que ficam paralizados quando jogam contra o porto: é revoltante!"

Curiosamente na primeira época de Jesus não foi assim. Curiosamente só foi assim depois de sermos campeões e de Jesus ter dado um abraço a Pinto da Costa e exigir a Vieira a renovação de contrato...depois disso é que foi o descalabro contra os corruptos.

Curioso...nada mais.

John Billy #32 disse...

Ricardo já dei a minha opinião em baixo.
Tens toda a razão no que escrever neste post mas para mim é prioritário limpar a direcção do Benfica.
Não posso aceitar que roubam o Benfica com o "apoio categórico" do presidente.
Custa-me mais isso que perder contra aqueles gajos.
É verdade que o Emerson é uma merda e é verdade que o Gaitan não defende. Mas mesmo assim tínhamos o jogo controlado. Foi preciso a puta da besta que já tinha oferecido um título ao Porto com o famoso penalty do Yebda entrar em cena para virar o resultado.

David Duarte disse...

Pedro, isso não é verdade. Lembra-te bem da dificuldade que tivemos em ganhar na Luz para o campeonato, da forma como fomos esmagados no Dragão no jogo que nos daria o titulo.

Se estiveres a falar da Taça da Liga... bom, para mim sinceramente essa competição vale tanto como a Taça da Amizade.

E isto tudo numa época em que o porto estava de rastos.

Mojo disse...

Se tivesse substituído o Aimar pelo Matic até duvido que o emerson tivesse sido expulso pois o matic era mais um bombeiro para apagar o tremendo incêndio que ele propaga.

Quando decidiu arriscar o rodrigo perdemos o meio campo e controlo de jogo e perdemos o jogo.Senti logo isso e quando o james entrou ainda ficou mais evidente. Não reagiu e os cancros habituais deram a machadada final.

Os próximos meses vão ser muito interessantes.

Nuno Pinho disse...

Se não servir para o Benfica da próxima temporada, o Jesus acabará a treinar o FCPorto e não o Sporting. Aí ganhará o campeonato a pôr aquela gente a jogar à bola como nunca. Esse deve ser o último delírio do Pinto da Costa, depois de ontem ter assegurado mais um campeonato com um treinador da treta... Continuemos a fazer de conta que o problema é o Gaitán, o Emerson ou o Jesus...

Pedro disse...

David, na primeira época na Luz jogaste com uma equipa desfalcadíssima q sempre foi superior ao fcp.

Na segunda volta se vencesses eras campeão no porto...coisa q eles não toleram e fizeram disso ponto de honra. E ao contrário de nós eles levam isso a sério e fizeram daquele jogo o campeonato deles. Lutaram como nunca e perdemos por uma questão de mentalidade e não de medo. NA final da Taça da Liga em futebol humilhámos os gajos...

Depois veio o tal abraço e a partir daí foram sempre opções tácticas muito duvidosas...

DeVante disse...

Podemos criticar o Artur? É preciso alguma autorização? Podemos criticar o Rodrigo? Ou o facto dele ter vindo de lesão o desculpa? Ou será porque eles têm crédito? O Cardozo também tem mas mesmo assim...
Posso criticar o Luisão? É o nosso capitão mas é tão amigo dos nossos inimigos...tipo Jesus e Vieira.

Não sei se posso criticar estes, mas peço permissão para o fazer.
Ah, o meu capitão é Maxi Pereira...Luisão para mim não serve, como Nuno Gomes não servia...aliás, são da mesma cepa, amigos dos nossos inimigos...tal como Vieira e Jesus.

rsa disse...

Boas, sendo um leitor habitual não costumo comentar, regra geral compartilho muito dos teus pontos de vista Ricardo...como os actuais, esqueceste os 15 minutos apos a expulsão que o JJ demorou a reagir...

Terça lá estarei para apoiar mas sem grandes ilusões, para salvar a época so uma meia final :)

Quanto á taça da Liga sendo curto e grosso vão badamerda....quero ganhar ao fcp mas a taça não interessa para nada.

Vou partilhar este texto no facebook.

Ricardo disse...

O Devante hoje não veio falar das assistências do Gaitán, que estranho. Já é um clássico deste blogue.

Mas, Devante, ontem ele fez uma assistência. Não viste o segundo golo do Porto? Parabéns, Devante, o teu querido continua a espalhar classe pelos relvados.

Maquinista de Azeitonas disse...

Foda-se, estou triste, não dormi, saí do estádio com um sentimento de profunda humilhação por ter que ouvir mais uma vez aqueles filhos da puta a gozarem connosco. Ainda estou de baixo do efeito desta merda e nem acredito que o meu clube, que ainda se chama Benfica tem medo duns mafiosos de merda como aqueles.

Mas porquê? Complexos de inferioridade porquê? Medo porquê? Puta que pariu, já jogamos esta época com ou MU e nada daquilo aconteceu caralho.

Bem, esta porcaria é igual àquilo que se passa com o Real e o Barça, o Real para ganhar ao Barça quase que tem que requerer ao Rei de Espanha.

A arbitragem enrabou-nos com um grande e evidente caralhão mad in madalena, mas foda-se, isso não explica tudo.

Pedro Almeida disse...

Mas o mais triste é que se formos ler os post e comentários dos blogs benfiquistas, para aí 90% parece acreditar mesmo que vamos perder este campeonato por causa do Proença.

A carreira de JJ no Benfica tem que terminar esta época. Ponto final.
A equipa estagnou e ele não apresenta soluções, insiste sempre nos mesmos erros, isso não é teimosia é incompetência.
Epá, foi bom, a equipa evoluiu muito, compraram-se alguns jogadores muito bons, o plantel na generalidade até é bastante satisfatório. Obrigado.

Mas agora venha outro que consiga fazer mais, que saiba aprender com os erros, que consiga impôr outra mentalidade, que os jogadores sejam mais trabalhados a nível mental.

O David Luiz também era muito bom até aparecer o Garay, alguém tem saudades do primeiro agora?
Porra, venha outro treinador, com esta equipa não deve fazer muito pior pelo menos.

Guilherme disse...

tal como o user Nuno Pinho disse, daqui a 2 anitos o JJ estará a treinar o fcp.
Eu acrescento que nós continuaremos por aqui a criticar 2 ou 3 jogadores e a sonhar que um treinador novo vem mudar isto tudo.
enquanto nao mudar quem está à frente do clube dificilmente mudara tudo o resto. Incluindo resultados

Anónimo disse...

Seguindo a ideia de LFV ...

Eu nao comento posts deste tipo em blogs deste tipo, mas tanto este post como este blog sao magnificos :)

Anónimo disse...

o jesus falha sempre nos momentos decisivos psicologicamente nao defendo o despedimento dele defendo e a contrataçao do alvaro magalahes para adjunto quem se lembra do papel fundamental dele no ano do trapatoni?

Hattori Hanzo disse...

No final da época Jesus sairá. Muito provavelmente mais tarde até acabará por ir parar lá acima e ganhará títulos (os que ganhou e não ganhou aqui). No entanto o presidente passará de novo pelos pingos da chuva. Engraçado é que o que se previa por alguns aconteceu mesmo, mas esses são maus benfiquistas e não servem. O pessoal da moral e bons costumes é que nos vai fazer retornar ao Benfica de antigamente. Tem-se visto nos últimos 10 anos.

Hattori Hanzo disse...

A propósito quantos minutos é que Saviola fez depois de renovar? Para que é que se renovou com ele se não se conta neste momento. Está a ganhar pouco e tudo.

DeVante disse...

Ricardo, pena teres olhos só para o Gaitas...fosse ele o único problema do Benfica...
Por acaso até o vi a fazer uma assistência...que o Aimar falhou. Pena ele envergar o manto sagrado, fosse ele corrupto, de todas as vezes que era ceifado era assinalado falta e nenhum adepto corrupto andava pela blogosfera a afirmar que ele é inconsequente...
Bom é o Luisão, o Artur, o Bruno César e o Rodrigo, estes é que são bons!
Sugiro que se vá buscar o Airton e o Éder Luis. Que com o dinheiro da venda do Gaitas e do Óscar, este outro anormal que só sabe marcar golos se vá buscar o Gomes para, no próximo ano sim, terminar a carreira em grande no clube do seu coração...

Este Benfica não é meu, mas não porque faz alinhar Gaitas e Cardozo mas sim porque tem um capitão, treinador e presidente amigos dos nossos inimigos...O capitão não tem a mínima qualidade, lentíssimo, fraco tecnicamente mas passa incólume por entre as críticas. Mas sempre foi assim, o anterior também era fraquíssimo...
Queriam o quê?

Anónimo disse...

O homem ainda é o treinador do Benfica, por isso vou-me conter um pouco ou se calhar não, porque se há coisa que não suporto, são os alinhados com a fruta, que quando jogam contra o Benfica espumam de raiva e ódio, culpando sempre os árbitros pela derrota, mas que se põem de gatas e abrem o cuzinho sempre que jogam contra os gajos das putas.

Ao contrário do Pedro, acho que há 3 anos o homem começou a testar a asneirada no jogo do título contra os corruptos. E se na altura ainda fiquei com algumas dúvidas de que só fomos campeões porque os jogadores o mandaram dar uma volta em alguns jogos, o ínicio da época passada tirou-mas todas.

O que temos aqui é alguém que erra sistematicamente em momentos chave. E os erros são sempre os mesmos e são tão óbvios que ou é burro ou é de propósito.
Quando sair do Benfica, irá sacar o cheque em branco que um tal pároco da madalena lhe passou, e assentará arraias lá para os lados de contumil, onde será campeão e , estranhamente, as burrices não acontecerão. A pasquinada há-de dizer que é dos novos ares... e os atropelos á lingua hão-de ser fina ironia.

De outro tipo de gente esperaria que no final de mais uma época miseravel se demitisse, mas este vai querer os centimos todos, portanto o melhor é ir-me preparando para mais uma época de basófia...

Anónimo disse...

Vamos correr com o Proença - Ele não pode continuar a ser sócio do Benfica. Isto é uma afronta a qualquer benfiquista que se preze: http://peticaopublica.com/PeticaoVer.aspx?pi=P2012N21593

Stranger disse...

Facto 1- objetivamente perdemos por um golo mal validado.
Facto 2-O "problema" Proença não é de hoje e não foi acautelado atempadamente.Agora é que o Grande Timoneiro vem falar de arbitragens?Devia ter pressionado antes,agora é chover no molhado.
Facto3- Que obscuros interesses existem para o Emerson jogar sempre -com JJ é Emerson e mais dez.O Gaitan já sabemos dos seus defeitos.O Saviola deixou de saber jogar?O Yannick foi comprado para quê?O Luisão, que eu admiro como jogador, já nós sabemos o que vale com as suas constantes rábulas de fim de época, e com a sua pérola acerca da amizade com um jogador que acabara de magoar um dos seus.
Facto4-O JJ nestes quase 3 anos quantos jogos decisivos ganhou?Apenas um!Contra o Porto no 1º ano, mais nada-escuso-me a enumerá-los para não deprimir mais.E eu era um grande admirador do JJ mas desde o ano passado naquele querido mes de Abril que lhe vislumbrei o perfil-forte com os fracos e fraco com os fortes.
Olhem, e agora retiro-me que estou desanimado e desiludido,ainda me ecoam nos ouvidos o cantico dos SD no fim do jogo-"...o titulo cu caralho outra vez... "mas tambem só estou assim porque me iludi.Estou mesmo sem capacidade para perdoar.
Saudações Benfiquistas, e terça vou ver na TV porque acho que dou azar ao vivo...

Miguel A. disse...

Ricardo: para mim não há justificação possível para esta derrota. Árbitros? Estou farto da mesma desculpa de sempre.

É incompreensível perder cinco (!) pontos de avanço, a dois jogos do jogo decisivo. É de um amadorismo inenarrável. Entrámos em Guimarães com uma atitude de merda. Em Coimbra, demos 45 minutos de avanço à Académica, e depois queixam-se do árbitro?! Os árbitros já sabemos nós, há muito tempo, que estão ali para nos foder. Mas se a equipa estiver motivada e em boas condições físicas, não há árbitros que nos fodam.

JJ desde Guimarães que está com a mesma expressão que tinha no início e no final da época passada. Um rosto que transmite descrença, perplexidade, impotência. Foi incapaz de reagir acertadamente em Guimarães, em Coimbra e ontem. Bloqueou, pura e simplesmente. E começou a perder este jogo logo na conferência de imprensa, com afirmações cretinas sobre o porco e um dos seus jogadores. Que só serviram para os galvanizar.

Em três anos, falhou todas (!) as finais da taça de Portugal. Até os lagartos ganham taças de Portugal - quer queiramos, quer não, é a segunda competição mais importante. Foi eliminado por Guimarães, porco (com uma vantagem de 0-2!!) e Marítimo. Proporcionou-nos derrotas humilhantes em casa contra o porco, goleadas no estádio deles, uma derrota na supertaça. Põe a jogar jogadores medíocres, só porque sim, porque ele quer. Porque mais ninguém percebe de futebol, só ele. O futebol é uma ciência oculta, só ao alcance de predestinados e iluminados como ele. Só nós é que imaginamos que o Emerson é um buraco e que o Gaitán ainda se julga a jogar no pátio do seu bairro. Só nós é que vemos que tem de haver uma rotatividade de jogadores, tendo em atenção o desgaste de duas pré-eliminatórias na CL e os jogos da fase de grupos. Só nós é que pensamos que talvez seja melhor arranjar-se um extremo-direito de raiz, um lateral-direito para fazer descansar o Maxi, e outro lateral-esquerdo, uma vez que um jogador com a experiência do Capdevilla em jogos internacionais não conta para JJ. Um mercado de Inverno em que se dispensa o Rúben Amorim e se contrata a floribela?! Isto só pode ser uma brincadeira de mau gosto... o porco colmatou as falhas que tinha, e mesmo assim ainda perdeu, por lesão, um jogador que estava a subir de forma no lado direito da defesa.



Este era um jogo DECISIVO, e até o parolo do treinador deles disse isso por outras palavras. JJ não... quis tirar a pressão dos jogadores... mas que jogadores são estes, que têm medo da pressão de um jogo decisivo?! Que treinador é este, que não incute responsabilidade e pressão aos jogadores nos jogos em que é preciso colocar pressão? Estes gajos são pagos e muito bem pagos, a tempo e horas, e não podem sentir pressão, coitadinhos?!

Perdemos a identidade que nos definiu. Aqueles quinze minutos à Benfica, logo no início do jogo, que decidiam e encostavam os adversários às cordas. Ninguém percebe, na estrutura do Benfica, que é preciso, nos jogos contra os corruptos, mentalizar os jogadores para um combate. É um combate aquilo que se vai passar em campo. E é exactamente nisso que eles nos ganham. Todos os jogadores ali estão mentalizados para isso. Os nossos entram atemorizados.

Um presidente que acamarada com os amigos dos corruptos e se lembra, agora, de vir criticar as arbitragens, e um treinador incompetente e arrogante.

Não serve de consolo passar aos quartos na CL, Ricardo. Ninguém se lembra de quem chega aos quartos ou às meias. Só é lembrado quem ganha, e não me parece que possamos ganhar a CL... e nem quero imaginar que ainda podemos passar pela vergonha de sermos eliminados e insultados, em casa, por uma besta que convidou todos a irem à Luz. Quem for não se vai arrepender, disse ele. E no balneário já deve estar tudo a tremer. Porque estas equipas do JJ não têm chama, garra, motivação.

Grande abraço para ti e todos.

Pedro J. disse...

Esta merda tem que levar uma volta bem grande! Alguém que compre para cada jogador um par de colhões bem grandes, de preferência de touro. Está na altura de mudar de mentalidade, o Benfica não pode continuar a ser o bombo da festa daquelas bestas. Sim, temos sido prejudicados, mas é nessas alturas que os jogadores deviam puxar dos galões e jogar até ficarem com cãibras! Digam o que disserem, mas o Porto nunca perderia 5 pontos de vantagem. Quando um jogador chega ao Porto é logo formatado para odiar o Benfica (vide Janko), o alvo a abater fica logo definido. E quem não dá o litro é logo posto em sentido! Precisamos acima de tudo de um capitão à "moda antiga", um gajo com eles no sítio que seja capaz de galvanizar a equipa nos momentos menos bons. Um gajo que dê um pontapé no cú ao Gaitan quando este perde bolas de forma infantil. Alguém com espírito de liderança!

jose garcia disse...

Caguei no bom senso.
tou farto.
acabei de me juntar a vocês.

Passaralho disse...

Ainda há gente a defender o Jesus... Meu Deus, poruqe os abandonaste?

Bcool973 disse...

Como masoquista que sou estive a rever o jogo depois de me passar a exaltação e fico com as seguintes ideias:
- o Benfica perdeu o jogo porque não teve um treinador no banco, ao invés do gravatas que mesmo sendo um bronco foi mexendo no jogo e aproveitando o que lhe foram dando
- a arbitragem do Proença é vergonhosa, acima de tudo pela dualidade de critérios, a expulsão de emerdson depois do 2-2 quando não havia expulso o djalma com 2-1 no marcador, a falta sobre witsel na jogada que precede o 2-2 e finalmente um fiscal de linha que não vê 2 jogadores que estiveram antes durante e depois da marcação do livre sempre em fora de jogo (para quem fala do pseudo-penalty do cardoso olhe para o que fez o maicon)
- o vitinho foi aproveitando as benesses e foi mexendo e o jesus o que fez ? meteu rodrigo que estava claramente inferiorizado, se queria um avançado jogasse com o nelson, mas o que se justificava era a entrada do gordo; depois da expulsão o que fez jesus ? nada, esperou que o vitinho metesse o kleber e eles marcassem. E depois o que fez jesus? aguardou que fossem marcadas 2 bolas paradas laterais para meter o nelson, grande táctica não haja dúvida, isto sem falar que recuou o gaitan para lateral esquerdo
-E os jogadores não estiveram mal ? sim em especial:
- Artur muito irregular com responsabilidades no 1.º e 3.º golos
- Emerson, o principal culpado do 1.º golo e ainda se deixou expulsar de forma infantil
- Witsel, acusou a pressão e andou desaparecido
- Gaitán, não haja dúvidas que o 2.º golo também é culpa dele, pois se o árbitro escamoteou a falta, depois perde a bola de maneira vergonhosa com a equipa desequilibrada. Não o culpo da perda de bola no lance que origina o livre do 3.º e infame golo, pois jogava num sítio que não devia por culpa do mestre da táctica.
- Rodrigo, se não tinha condições nem para o banco deveria ter ido

O mestre da táctica foi informado pelo consultor financeiro aos 60 minutos sobre o que se iria passar. E apenas ficou a ver. Limitou-se a substituir lesionados e quando era óbvio que a primeira substituição tinha falhado, ou tirava o próprio Rodrigo ou tirava o Cardozo para meter uma unidade a mais no meio campo, o Gordo, ou alternativamente o Matic e adiantava o Witsel, mas não o fez. Nem nada fez quando o seu protegido foi expulso.

Jesus, ou por qualquer milagre consegues ser campeão, ou campeão europeu, o que eu não acredito, ou então põe-te nas putas que estou farto de humilhações. E nem te atrevas a querer levar indemnização, porque tu é que nos devias indemnizar pelas vergonhas que temos passado.

Bcool973 disse...

Orelhas se és tão amiguinho do bob salvador, traz-nos o hugo viana em vez de andares a enterrares dezenas de milhões em jogadores que se calhar nunca vão envergar a camisola. Não temos alternativa ao Aimar

David Duarte disse...

Um amigo meu escreveu uma frase no facebook que resume bem o que é o Benfica do Jesus :

"Estou é farto de ver um Benfica que é muito bom nos preliminares e quando chega o momento decisivo, perde a tesão. E irritam-me bastante os benfiquistas que se satisfazem com meses a dar porrada a ceguinhos e que se agarram a isso quando finalmente são enrabados nos jogos a sério."

Para mim, isto é o Benfica do Jesus.

Nené disse...

"...mas não explica tudo".
Não explica tudo!? Então explica o quê? Há 30 anos que andamos a ser roubados TODOS os jogos. PERCEBERAM!? TODOS OS JOGOS!
Quantas mais vezes temos de acabar um jogo contra os CORRUPTOS com uma expulsão, um penalti inventado, um golo mal anulado, um golo em fora de jogo!?
Só há duas razões para os Benfiquistas continuarem a aceitar a podridão do futebol português: Estupidez ou arrogancia vaidosa.
Enquanto não percebermos que não conseguimos ganhar campeonatos a jogar TODOS os jogos contra 14,não conseguiremos atacar a gangrena que está a matar tudo à sua volta.
Quantos jogos nestes últimos 30 anos o Porto acabou com menos 1 contra o BEnfica? Quantos jogos tiveram golos mal anulados?
Os jogadores entram em campo cientes que podem dar porrada à vontade que não lhes acontece nada. Vocês chamam-lhe "raça". Eu chamo cobardia.
Se o proença fizesse metade disto no estádio do dragão, só saía de lá de ambulância. Essa é que é a diferença. SOMOS cornos mansos... e ainda por cima vaidosos.
Oh Ricardo, pensa um bocado, e vê lá qual foi o treinador que conseguiu pôr o BENFICA a jogar como já não jogava desde o Chalana?
Quem é que fez o David Luiz? E o Coentrão? E o Ramires? E o Di Maria?
O problema não é o treinador, muito pelo contrário.
O problema somos NÓS!
Acham que é por acaso que nenhum jornal trouxe para a capa quer o penalti sobre o aimar em coimbra quer o penalti escandaloso do maicon, na sexta-feira?
Acham que é por acaso que a sportv não dá as repetições dos lances que prejudicam o BENFICA?
Lembrem-se onde andava o Benfica há 15 anos atrás.
Este país dá-me asco...

Rodrigo Tognaccini disse...

Excelente blogue este do há uns dias vi-te na Luz, que é como quem diz que se está bem vivo, vivinho da silva, como diriam os meus antepassados. É o que isto tem de porreiro, não te conheço de parte alguma e no entanto identifico-me completamente na tua opinião, ou pluralizando, nas tuas opiniões, Ricardo.

Quando um treinador, que se diz académico, perante a contrariedade de uma expulsão, o que diga-se, entrar com Emerson em campo é o mesmo que entrar com menos um, de um lateral esquerdo, aselha em tudo o que deixa em campo, faz recuar um médio-ala, que se está completamente a cagar para momentos defensivos e para essa conversa de ter de correr atrás, portanto, só o jogador mais calão e mimado do plantel, para uma posição tão exigente como é a de um defesa lateral então foda-se, eu demito-me de pregar aos peixes nas bancadas da Luz e em conversas entre amigos. Se não é indicador de manifesta teimosia então deixem-no a correr pela linha com o seu cabelo ao vento e crucifiquem-me a mim que me substituo da figura de Cristo nosso senhor. Perpetuar o Emerson como titular neste SLBenfica é sarro, é trote, é praxe para quem gosta de futebol, para quem segue o SLBenfica semana após semana e faz tripas coração para estar no estádio a tempo e horas. Há umas valentes temporadas confundia-se entre outras aberrações, entre tanta mediocridade, hoje não, é ter gosto pelo mau gosto e queda para o nó ao pescoço.

Somados estes três anos como treinador do SLBenfica posso agora escrever, sem margem para conversas ardilosas, que o Jesus não é assim tão bom treinador quanto o queriam fazer passar, é razoável, apenas e só, e ainda assim, dentro desse entendimento, tem dias bons e dias cabrões. Teve um primeiro ano onde jogou na manha da vertigem do futebol vertical, com excelentes executantes, principalmente quando Aimar e Saviola coincidiam em campo, e onde depois disso, quando lhe apanharam a manha, e quando forçado a mudar de estratégia ficou limitado ao futebol ofensivo deixando ao abandono os equilíbrios defensivos. Futebol pouco racional dá nisto, tesão do mijo lá à frente e calção mijado lá atrás.

Rodrigo Tognaccini disse...

cont.

Eu cresci na Amora, joguei "no" Amora, vivi de perto o primeiro ano de treinador do central então feito "mister" e reconheço-lhe estaleca e algum jeitinho para treinar uma equipa de bairro, um clube com uma história que se confunde com a de tantos outros, onde a sua maior proeza foi ter coabitado com os grandes do futebol português por uma ou duas temporadas e umas poucas eliminatórias na Taça de Portugal, e portanto um clube que existe entre ser um salão de bailaricos durante a semana e um jogo de terceira divisão com meia centena de adeptos nas bancadas a um Domingo à tarde. Fez por lá umas gracinhas e mostrava ser um treinador de ideias bem assentes e com capacidade, de ao intervalo, chegar ao balneário mandar uns berros enquanto cuspia a chiclete, já impregnada de sabor a azia, de uma primeira parte menos conseguida por aquela gente que equipava uma marca que ainda hoje ninguém conhece. Mas isso lá está, foi no AFC, e o Benfica não é de um bairro qualquer, é de uma bairro que não tem nome, que não se limita a uns blocos de prédios e meia dúzia de sócios esquecidos na sua própria condição.

Não sei se é por ser apenas casmurro se é por ser burro mesmo mas a verdade é que em momentos definidores, como em jogos mais complicados, não consegue passar à equipa uma ideia de jogo que não passe por partir a equipa em dois com muita gente a atacar e pouca a defender. Ou talvez seja um pouco das duas, teimosia por continuar a meter em campo jogadores como Emerson ou Gaitán, que não têm margem neste Benfica, por diferentes razões, e burro por se limitar a olhar a um jogo de futebol como algo vertiginoso e ejaculatório, o que é perturbante. Contra equipa fracas vai dando para os gastos, contra equipas como o FCPorto ou o Zenit dá em merda da grossa.

Como escrevia, noutros tempos e temporalidades, como na filosofia de Sartre, a influente escritora baronesa austríaca Marie von Ebner-Eschenbach "A força de vontade dos fracos chama-se teimosia." A definição plena do lérias da Reboleira que por esta hora deve estar sentado num salão cabeleireiro a pensar como é que há-de adaptar o Gaitán a libero.

POC disse...

Fodasse, brilhante texto.
E para o primeiro Anónimo, não percebes um boi de bola.

Caro amigo, então estamos a jogar com 10, Nico a lateral esquerdo quando ele só na bancada é que pode jogar, e Jesus demora uma porrada de minutos a decidir-se?! Quando aposta no empate, lança de imediato Matic! Mas Jesus ainda nem tinha decidido nada! E leva outro golo!

É um básico. Quer queiram, quer não.