domingo, 19 de outubro de 2014

Porque gosto de Nélson Oliveira



Sou, desde há muito e como todos sabem, um defensor de uma maior aposta na formação. Mas não defendo essa aposta nos jogadores formados internamente, por serem apenas jogadores da formação, pelo contrário, defendo a formação por achar que há qualidade a explorar, qualidade essa que tem vindo a subir a olhos vistos nos últimos anos. Um dos primeiros jogadores que defendi desta nova geração da formação made in Seixal foi Nélson Oliveira. Como devem imaginar, sempre que defendi a qualidade que considero haver no jogador recebi mensagens de desacordo (como em qualquer post, o que é absolutamente natural) e reprovação por achar que Nélson tem qualidade para o Benfica (coisa que voltarei a receber nos comentários a este post).

E porque gosto eu de Nélson Oliveira? Muito por aquilo que deu para ver naquele lance de ontem, no qual remata à figura do guarda-redes adversário. E porquê? Primeiro há que dize-lo sem qualquer problema, que a solução encontrada pelo jogador naquele lance é a solução errada, num angulo tão apertado e num remate de primeira, as chances de finalização certeira são pouco mais que residuais. E este é o grande defeito do Nelson, isto é, é um avançado que continua a não entender quando pode e deve finalizar ou quando tem que procurar outro tipo de decisão. Não sei se este problema existe pelo facto do jogador poder pensar que tem de brilhar a cada toque na bola para poder ganhar o seu espaço dentro do plantel ou se por deficiente formação, o que sei é que este tipo de erro acontece mais vezes do que seria de supor para um jogador com a sua idade. Não obstante, aquele lance também define muito do que gosto em Nélson Oliveira, isto é, quantos jogadores conseguiriam armar um remate de primeira com o seu pé mais fraco e acertar na baliza naquelas circunstâncias? Isto é, aquilo que não se ensina, ou melhor, aquilo que nasce com o jogador - a qualidade técnica – Nélson tem de sobra, o que lhe falta, e repito que pode ser trabalhado, é uma noção mais colectiva do jogo (perceber que não tem de brilhar em cada lance) e melhorar movimentos de ponta-de-lança como por exemplo a capacidade de antecipação aos centrais.

Esta época pode representar a última oportunidade para Nélson Oliveira se definir como jogador, isto é, se será uma eterna promessa ou se mostrará sinais consistentes de que pode vir a ser algo mais que isso. Pelo que se vai vendo e lendo das acções e entrevistas de JJ, a relação de ambos não parece ser a melhor, mas também foi JJ quem disse ter sido o próprio jogador a pedir para ficar às suas ordens durante a presente temporada, algo que pode indiciar um reiniciar de relações normalizadas entre ambos e que poderá beneficiar em muito o jogador. Que assim seja.

6 comentários:

moleculasdeamor disse...

Nelson Oliveira é um jogador com um potencial enorme, basta que seja integrado na equipa e jogue... é muito superior que o Kardec que é o melhor do brasil (lol)

Zé Pelé disse...

Lembro-me de ver o Nelson no Mundial de sub-20 sozinho contra as defesas e a fazer grandes jogos. Na altura fiquei muito entusiasmado com o jogador e com o que prometia. Mas a verdade é que tem de haver algum problema. No depor e em França também não se conseguiu impor. Espero que o Jesus invista tempo nele e que aplique o talento que diz ter como formador no Nelson para não termos mais uma promessa desperdiçada.

MSilva disse...

Em França não se impôs? Segundo Jesus, jogou lesionado a época toda e mesmo assim fez 9 ou 10 golos.

David Duarte disse...

O Nelson Oliveira em França, com 12 ou 13 jogos, levava 7 golos. Era o segundo melhor marcador. Lesionou-se e passou um tempo consideravel em recuperação. Quando ficou bom, o Rennes estava num caos (como todos os anos) e não conseguiu entrar na equipa.

Se não se tivesse lesionado, a época passada teria sido a da sua afirmação. Espero que este ano tal venha a acontecer.

nonameslb disse...

Entretanto mais um titulo para o Basquetebol.E fantastico em clube que esta tao desorganizado que se continuem a ganhar titulos constantemente.

Adepto Futebol disse...

Sinceramente não tenho grandes esperanças no Nelson....
ABraço e segue o meu blog em eraumavezfutebol.blogspot.com