sábado, 9 de junho de 2012

Comunicar, ou talvez não ...


Na falta de notícias sobre jogos e treinos, análises mais ou menos aprofundadas ao que passou e previsões para os próximos embates, os jornais, as rádios e as televisões (agora também os sites da internet) entretêm-se a lançar nomes de potenciais contratações para os 3 grandes e em especial para o Benfica, pois são essas que mais impacto têm junto do público.

Como disse alguém há tempos, com tantos nomes que atiram para a fogueira, é natural que num ou noutro acabem por acertar. Mas como surgem essas notícias ?

Diz o povo que não há fumo sem fogo, mas a verdade é que às vezes essas notícias mais não são que rumores infundados postos a circular em foruns ou sites de transferências e transformados em notícias por media "supostamente credíveis". Claro que certos agentes e directores de clubes também passam essas notícias para alguns media com o intuíto de valorizar os seus jogadores. Há até quem diga que por vezes são pessoas ligadas aos próprios clubes interessados para ver qual o impacto que um nome ou outro tenha sobre os sócios e adeptos.

No Benfica já nos habituámos às novelas. Aquelas contratações em que o Benfica está interessado, mas que por um motivo ou por outro (ainda estou para descobrir o porquê de alongar as negociações se o clube está interessado e os atletas são bons) levam tanto tempo que inevitavelmente acabam por não se concretizar. E se tal tem acontecido é porque o "outro clube" normalmente perante a hesitação Benfiquista, chega e paga o que tiver que pagar (ou pelo menos promete pagar) a quem tiver que pagar (clube, agente, jogador).

Podia referir aqui a longa lista, mas todos nós a conhecemos. No ano passado, no seu afã de "roubar" jogadores ao glorioso, levou o "outro clube" a dispender verbas astronómicas por 2 jogadores sem grandes provas dadas (um ainda era titular da selecção sub-21 brasileira e actualmente, apesar de quase não ter jogado esta época, já fez vários jogos pela principal).

Há quem diga que foi estratégia benfiquista para depauperar as finanças do outro clube e para tentar descobrir o bufo responsável por tantas fugas de informação. Se o primeiro objectivo foi atinjido, a ser verdade que era um objectivo, relativamete ao segundo ainda esperamos pela identificação do referido bufo. A verdade é que passado mais de um ano ninguém saíu, ninguém foi identificado.

Este ano parecia que íamos pelo mesmo caminho, e apesar da referida tentativa do outro clube, conseguimos fechar o Ola John. No entanto, várias outras novelas se mantinham em curso. E eis que dum momento para o outro, a administração da SAD se lembra de acabar com a novela relativamente a 3 jogadores: Matias Rodriguez, Mauro Caballero e Guilherme Siqueira.

Porquê ? Porquê estes 3 e não outros ? Qual a vantagem deste comunicado ? Sinceramente acho que foi mais um tiro nos pés. Se era mentira, como a SAD o afirma, descredibilizados ficariam os media que tantas notícias fizeram sair. Se era verdade, e não quero acreditar que assim seja, está definitivamente compremetida a hipótese de os vir a contratar. Pior que isso, todas as outras novelas não desmentidas estão tacitamente confirmadas, ou então teremos que ter a SAD a vir desmentir todas as notícias e mais algumas.

Quanto aos jogadores em causa tenho pena quanto a Matias Rodriguez, um lateral/médio de qualidade superior que joga na U. Quanto a Siqueira nunca o vi jogar, mas dizem ter qualidade. Caballero é também uma potencial estrela, muito superior a Derlis Gonzalez, com quem renovámos sem que tenha feito qualquer jogo pelo Benfica. A afirmação da diferença de qualidade entre os 2 atletas em causa é dos media paraguaios quue destacam um e raramente falam do outro, mas admito que os olheiros do Benfica estejam mais qualificados para identificar potenciais estrelas que os olheiros da Juventus, até porque conhecemos melhor o mercado.

É nestas alturas que se aplica a velha máxima: "O silêncio é de ouro", ou então o dito popular "Se não tens nada de bom para dizer, mais vales estar calado". Não sei o que se passa nos corredores da SAD, mas parece-me que a ânsia por protagonismo, ou a necessidade de calar as críticas ao departamento de comunicação, está a levar a comunicados extemporâneos e sem utilidade para o próprio Benfica.

4 comentários:

PeLiFe disse...

Caro B Cool e restantes escribas,

Sei que aqui é mais vermelho, mas como gosto de cá passar, vinha convidar-vos para visitarem o blogue que criei e deixarem o vosso comentário.

Obrigado.
PeLiFe
BASEL84.BLOGSPOT.PT

Sérgio Santos disse...

Até os corruptos já gostam de vocês... Pudera. Fazem o trabalho deles.

Relativamente aos nomes que tanto está a incomodar certos benfiquistas voltem a ler o comunicado. Vão perceber que o problema são os agentes dos jogadores que afirmam que o Benfica está interessado neles. Uma coisa é a CS mandar as notícias para o ar, outra é os próprios agentes dos jogadores afirmarem que o Benfica está interessado. Isso deve ser desmentido e isso vem referido no comunicado. É pena que mais uma vez os próprios benfiquistas sedentos de critica façam de conta que isso nem sequer lá vem escrito. O que interessa é algo para criticar.

luis disse...

O meu aplauso B Cool ...certinho,e certinho foi que mais uma vez enquanto "o pau vai e vem folgam as costas"... a comunicação tem destas "coisas" de deixar andar o tempo, ... pelo menos semanalmente cortava as "novelas".
Se alguém tem duvidas que a parceria FV e mendes está montada no desenrasca na gestão do plantel, depois venham dizer que é o Rui o JJ... os bufos dos "outros".
OS Benfiquistas acham que Sport Lisboa e Benfica MERECE estar dependente dum empresário que monta quase os planteis todos,o do braguinha já lhe pediu um 1ºlugar... e tal como no tempo do veiga aquela frase faz o sentido das coisas.

"o tempo corre a nosso favor", dizia o azulinho veiga.

Como é possível haver jogadores que não sabem se saem se ficam ou se vão emprestados ou trocados...devem esperar algum negocio do mendes com os reflexos do Euro deste tempo.

moleculasdeamor disse...

Posso concordar com o post... no entanto a romaria de nomes já enjoa... mas de facto a construçãode um modus operandi da direção pode implicar a total ausência de analise do conteúdo dos jornais desportivos... mas não sei exatamente qual o melhor caminho... sinceramente!