quinta-feira, 26 de julho de 2012

Conto para as crianças dormirem

Há histórias e estórias. Esta podia ser daquelas contadas às crianças, muito devagarinho, voz em sussurro, os olhos molengões, quase caídos para dentro do corpo e perdidos num remoinho de sonhos e pesadelos, imagens e sítios perturbantes. No fim, a criança dorme. Não veio mal ao mundo, estamos todos em sossego.

Podia começar mais cedo, esta história que é estória. Mas decido iniciar o conto no dia 10 de Junho de 2010. O país fervilhava com a alegria ensandecida dos benfiquistas, ninguém queria saber do trabalho, da esposa, do marido, das obrigações. Era só Benfica e mar e praia e outra vez Benfica. Nesses tempos, o que dizia o nosso Presidente era apenas ruído de fundo, mais fraquinho que as ondas que se formam lá longe, na linha do horizonte. Havia música no coração dos benfiquistas, os dias eram poemas, flores brotavam de copos de imperial - tudo era paraíso.

No entanto, Vieira, sempre compenetrado no seu ofício, tratava de assuntos. Muitos assuntos, tantos assuntos, eeeeeh assuntos que nunca mais acabavam. Um deles a venda de Di Maria ao Real Madrid, que tratava como deve ser tratado um negócio que deve favorecer os interesses do clube: com frontalidade, honestidade, sem merdas. E dizia-nos isto:

«Não há nenhum jovem envolvido em nenhuma transferência, há uma cláusula de rescisão que é para ser cumprida. Até ser cumprida, Di María será jogador do Sport Lisboa e Benfica»

E foi assim que a 29 de Junho de 2010 o Benfica anunciou no seu site oficial a estória corroborada pelo seu Presidente:

«A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248.º do Código dos Valores Mobiliários, vem informar que chegou a acordo com o Real Madrid C.F. para a alienação a título definitivo dos direitos económicos e desportivos do atleta Angel Di Maria pelo montante de 25.000.000 de euros, estando igualmente previstos 5.000.000 de euros indexados à utilização do jogador e 6.000.000 de euros relativos a prémios de performance desportiva.»

Sem jovens envolvidos, apenas e só pelo valor da cláusula. Não sejam mesquinhos, uns milhões a menos, outros a mais, Alípios para aqui, Rodrigos para ali, o que importa é que o conto seja bem interpretado. E a criança durma.

Mas recuemos uns dias, até 26 de Maio de 2010. O que dizia este fabuloso contista, um verdadeiro Pirandello dos tempos modernos, sobre outro jogador, desta vez David Luiz?

«David Luiz é um jogador de referência do actual plantel do Benfica e só sai se pagarem a cláusula de rescisão. De outra forma, continuará connosco e ficaremos felizes se tal acontecer»

E, de facto, continuou. Até ser vendido a meio da época e, com isso, ter deixado a equipa desguarnecida até final da mesma, acabando por perder tudo, como é aliás regra quase geral desde que o contista chegou de malas cheias ao Benfica. Mas terá ido pelos 50 milhões da cláusula de rescisão? 

«A Sport Lisboa e Benfica - Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248º do Código dos Valores Mobiliários, informa que chegou a acordo com o Chelsea Football Club Limited, da Premier League, para a alienação a título definitivo dos direitos económicos e desportivos do atleta David Luiz Moreira Marinho, pelo montante de € 25.000.000,00 (vinte e cinco milhões de euros).

Mais se informa que o referido acordo pre ainda a cedência a título definitivo da totalidade dos direitos económicos e desportivos do atleta internacional Nemanja Matic.

O Conselho de Administração
31 de Janeiro de 2011.»

Aaaaaah quase. 25 mais Matic. Não sejamos, no entanto, unhas de fome. Matic valia 25 milhões de euros. 

A criança continua a dormir. Leiamos, quase-quase a desligarmos a luz, um pouco mais desta fábula. Agora vem Coentrão, em cima de um arco-íris, mas não se pense que será fácil ao jovem português sair assim, com facilidade, do Benfica - menos do que os 30 milhões de euros da cláusula é que nem pensar! Os jornais, a 26 de Maio de 2011, já avisam:

«Luís Filipe Vieira, inflexível, promete dar luta aos pretendentes do lateral-esquerdo. Recusa-se a incluir jogadores para baixar valor do passe, apenas dinheiro. É difícil, mas presidente encarnado ainda sonha com permanência do lateral.»


«Lembra-me um sonho lindo, quase acabado, lembra-me um céu aberto, outro fechado». A criança dorme, sonha muito e lembra-se do Ramires e do Simão e de tantos outros cogumelos mágicos. 

Mas... e Witsel e Witsel? O que tem a dizer o nosso Presidente da possível saída de Witsel?

«Os clubes sabem qual é a cláusula. Se pagaram, nada poderemos fazer. Estamos muito felizes com Witsel e não pensamos em vendê-lo».

Coerente, sem dúvida.

«Estala-me a veia em sangue
estrangulada,
estoira num peito um grito,
à desfilad

(a criança dorme, ainda)

«Canta rouxinol canta
não me dês penas,
cresce girassol cresce
entre açucena

(há um movimento imperceptível por debaixo dos lençóis)

«Afaga-me o corpo todo
se te pertenço,
rasga-me o vento ardendo
em fumos de incenso»

A criança está quase a acordar.

18 comentários:

Constantino disse...

Ricardo,

Até ao momento da venda a minha dúvida será sempre se ele se refere à clausula do Witsel, se à do Paulo Lopes. Agora, a venda parece-me inevitavel, ate para juntar aos 30 milhoes que já recebemos pela venda do Gaitan... ah espera, foram 20 mais o anderson... calma... ele não foi vendido e muito provavelmente não o será. E o SLB (aquele que vendeu esses jogadores todos que falas no post) chega a agosto sem lateral esquerdo, não por falta de vontade, não por ninguem ter reparado na lacuna, mas apenas porque não há dinheiro para contratar um, tal como não há para um lateral direito, até porque para nós, um extremo holandês que não foi ao Euro, com 1 época completa a titular de uma equipa média-alta da holanda, vale 9 milhões!!!

Neste momento desconfio que os benfiquistas têm que escolher entre Witsel ou um lateral esquerdo. Muito dificilmente teremos os dois.

PS - desejo ardentemente ser criticado pelo que escrevi, mas mais ardentemente desejo que tenham razão para me criticarem.

Abraço

moleculasdeamor disse...

Recorrer à mentira de forma sistemática... podemos falar de estratégia negocial... olha a música do fausto é brutal.. e ontem o programa correu bem? Não há práí um linkezinho?, o que investiguei - nada!

Anónimo disse...

A clausula de rescisao do David L era de 30M.

JC disse...

Anónimo, a cláusula de rescisão do David Luiz era de 50 milhões:

http://expresso.sapo.pt/benfica-david-luiz-com-clausula-de-rescisao-de-50-milhoes=f541676

Ulrich Haberland disse...

Infelizmente parece-me que 80% da criança está em coma profundo... Quando (se...) acordar o mundo (e o Benfica) será outro, bem diferente daquele que ela conhecia. E o que foi já não voltará a ser.


P.S. - Junto-me ao moléculas na pergunta, link do programa arranja-se?

moleculasdeamor disse...

Em resposta ao Cosntantino --- Bom então que entre o Luisinho, já estou por tudo!

B Cool disse...

A mentira muitas vezes repetida leva a que LFV deixe de ter credibilidade quando diz isso.

Atenção, no caso do Di Maria, o Benfica iria receber um valor superior à cláusula (36>35), se não entrássemos em conta com os custos financeiros relativos aos descontos inerentes à antecipação dos valores, isto é, os 25 milhões são pagos faseadamente durante 2 anos, os 5 são pagos faseadamente por 4 anos (registo em cada uma das 4 épocas desportivas subsequentes à venda), só os 6 milhões foram pagos a durante a primeira época desportiva. O que acontece é que o Benfica recebeu imediatamente a parcela correspondente aos 25 milhões através dum desconto bancário.

Ricardo, não assustes a malta com a venda do Witsel, apoia camandro, apoia.

Constantino, qué isso ? Não temos 1 Luisinho e 1 Melgarejo ? Temos 2 laterais e ainda queres um terceiro ? Deixa lá ficar o cabeça de microfone e que se xaringue o terceiro lateral esquerdo.

Anónimo disse...

Estão a precisar de umas aulas dos Chineses para saberem definir o que significa a palavra negociar. Talvez exista esta palavra no dicionário da língua portuguesa, vou tentar investigar.

Maquinista de Azeitonas disse...

Foda-se pá, és um mau benfiquista! Tens que apoiar caralho!

Vá, vamos todos apoiar, mas com muita força, pra ficarmos todos vermelhos da cor do manto sagrado...

Para que raio queremos nós esse belga com a sua trunfa quase com vida própria, bah, venda-se o gajo que há muitas comissões a distribuir porra.

Não nos podemos esquecer que o grande líder tem uma estratégia para o Benfica, não me digam que ainda não perceberam qual o raio do pensamento estratégico do homem...

Ah espera catano, o LFV não é o SLB, eu bem sabia que não devia ter faltado à aula em que ensinaram as consoantes. Porra, então provavelmente a estratégia é mesmo para o LFV e o SLB que se foda.

Mas será possível que a imensa mole de benfiquistas não vê isto? Será que só há uns 5 ou 6 cretinos que são maus benfiquistas e não apoiam ?

Continuemos assim que qualquer dia podemos mudar o nome para sporting Lisboa e Benfica...

Triste, muito triste.

P.S.

Link do programa onde participaste já.

Anónimo disse...

O Axel já foi vendido!

João Oliveira disse...

Todos sabemos que é raro venderem-se jogadores pela clausula de rescisão. Por muito que os presidentes digam que só os vendam por esse valor é dificil.

No entanto os negócios que se têm feito não são muito maus. Vendemos Di Maria e veio o Rodrigo que pode dar muito dinheiro daqui a uns anos.

Vendemos o David Luis e veio o Matic que para mim é um bom jogador.

Vendemos o Coentrão e veio o Garay. Aqui saimo-nos outra vez bem. Melhor até que o valor da clausula.

Quanto a Witsel acredito que não saia esta época. Parece-me que já perceberam que ele é fundamental na equipa e parece-me que o jogador não quer sair do Benfica sem ser campeão.

Este caso do defesa-esquerdo parece-me que é como o constantino diz. Se não vendermos ninguém não vem. Se no terceiro trimestre tínhamos um pequeno lucro nas nossas contas, agora com a compra de Ola Jonh e a venda de alguns jogadores devemos estar mais ou menos na mesma.

Alguns acham que contratar Ola Jonh em vez de um defesa esquerdo foi um erro. Eu não concordo. Acho que nos faltava mais um jogador de ir à linha e que apareça bem a finalizar do que um defesa-esquerdo. Todos os alas que tínhamos afunilavam muito o jogo. Raramente fazíamos cruzamentos. E quando os fazíamos apenas lá estava o Cardozo para finalizar. Nenhum dos alas tinha poder para responder a cruzamentos. Na fase decisiva da época onde perdemos mais pontos foi com Guimarães, Sporting, Académica e Olhanense (só o jogo com o porto não entra nestas contas). Nestes jogos os adversários fecharam-se bem atrás e não conseguimos entrar na defesa deles. Foram 10 pontos que perdemos nesses 4 jogos. Sofremos apenas 2 golos nestes campos (não é mau) mas não marcamos nenhum.

Neste momento mesmo que não entre mais ninguém, embora eu ache que precisemos muito de um grande lateral-esquerdo, já temos um plantel mais forte que o da ultima época. Se não houver dinheiro que se arrisque com os jogadores da equipa B. Mais vale arriscar com esses do que andar a contratar jogadores de 1 ou 2 milhões que são de qualidade duvidosa.

André Leal disse...

Ontem vi-te na Televisão!

E ainda por cima num programa em que eu, através da minha voz, e a minha cadela - a Glória da Luz - já tínhamos participado.

Basicamente deu para confirmar o que já sabia: a nossa opinião é coincidente em quase todos os assuntos benfiquistas.

Um único reparo (que nem deve ser da tua responsabilidade, mas da Leonor): não se falou da renovação de contrato com a Olivedesportos (ou então estive distraído nessa parte).

Anónimo disse...

Isso de dizer que só vende pelas clausulas e depois isso não acontece, até o Pinto diz.
Por quanto é que saiu o Bruno Alves e Meireles, por exemplo. E o Quaresma? O Pinto disse que não vendia abaixo dos 40M mas se fosse preciso ele dava 1€ para chegar a esse valor. Vão ver por quanto é que o Quaresma foi vendido e o jogador que o Porto recebeu, um tal de Pepe que não passou de um monumental flop e que agora nem sei por onde anda.
Podemos não ter vendido o Coentrão, D. Luiz e Di Maria pelo valor da clausula de rescisão mas recebemos grandes jogadores como o Garay e o Rodrigo e ainda o Matic que considero bom jogador.

José Ramalhete disse...

Mas então porque faz LFV essas afirmações peremptórias e definitivas? Ninguém o obriga a passar mais tarde por mentiroso. A não ser que para ele a mentira seja uma coisa de somenos. É que os Benfiquistas atentos, já não dão qualquer crédito àquilo que ele afirma. Como poderão respeitá-lo e confiar na sua liderança?

M. Silva disse...

'Recebemos' grande jogadores? Que eu saiba pagámos 5,5M por 50% do passe do Garay, e 6M pelo passe do Rodrigo. Essa do "vendemos abaixo da cláusula, mas recebemos craques em troca" é uma treta, porque pagámos por esses jogadores.

E com o que o Pinto faz posso eu bem.

Pedro disse...

Boa tarde Ricardo,

Bem já está a dita cuja no Cabelo do Aimar...

Aqui no trabalgo não tenho som...por isso só mais logo vou ouvir isso, mas destaco já três pontos:

Primeiro, foste à TV, toca a fazer a Barbinha...

Segundo...pareces sóbrio...coisa notável...

Terceiro...é a primeira vez que te vejo com um copo de água à frente...

Abraço
Pedro

Fábio disse...

Não tendo muito a ver, mas tendo alguma coisa... como está a situação da transmissão dos jogos, que o presidente prometeu que ia estar resolvida até ao final de Fevereiro?

A julgar pelos antecedentes e pela suposta proposta feita ao Fer, acho que o Witsel está mesmo para ser vendido...

João disse...

Se o witsel for vendido por menos 1 euro do que a cláusula, espero que os benfiquistas abram os olhos e metam vieira no olho da rua.
Ricardo, parabéns por mais um grande post lírico-musical.