sexta-feira, 6 de julho de 2012

Da (de)formação





 É possível que a maior parte das pessoas não esteja muito interessada no torneio que está a decorrer na Estónia - o Euro acabou, vêm aí os Jogos Olímpicos, há Wimbledon, praia, copos para beber, esplanadas. Como vos compreendo.

No entanto, para quem se interessa por futebol e especificamente pelo acompanhamento dos nossos jovens, aconselho o Euro sub-19 como bom ponto de estudo sobre o futuro - da Selecção e principalmente do Benfica. Enquanto no nosso clube se despreza a possibilidade de o talento dos nossos jovens ser aproveitado para a equipa principal, os responsáveis da Selecção têm outra ideia: dos 18 convocados, 6 são do Benfica: Bruno Varela, Daniel Martins (que marcou um golo no primeiro jogo, na vitória por 3-0 sobre a Estónia), João Cancelo, André Gomes, Cafú e Ivan Cavaleiro, sendo que 3 foram titulares nesse jogo, 2 foram suplentes utilizados e só Varela não jogou, porque é guarda-redes.

Há aqui matéria para muita discussão e não estou certo de que possamos extrair certezas absolutas sobre se estes jovens terão capacidade para um dia jogarem no Estádio da Luz. Por mim, têm - alguns mais do que outros, claro, mas todos capazes de alimentar um plantel que necessita urgentemente de sangue benfiquista e não de carradas de estrangeiros de duvidosa qualidade. O que se pode, no entanto, concluir é que a mensagem que os nossos dirigentes dão está precisamente ao contrário daquilo que a realidade vai demonstrando. Em tempos de aperto financeiro, e tendo nós potencial futebolístico no Seixal, porquê abdicar dele, gastando dinheiro e desaproveitando o que está ali, tão perto, tão benfiquista, tão de borla?

Alguém que me responda, porque eu não sei. E alguém que me tente convencer de que Fernandéz e tantos outros são melhores jogadores do que a larga maioria dos jovens jogadores que atingem o patamar último de evolução. Alguém que me explique quem é Léo Kanu ou outro contratado qualquer (eles só são 80, tenhamos calma) e que têm eles a mais do que os benfiquistas que saem da formação. Depois, podemos tirar conclusões.

A que eu retiro imediatamente é que não é só no plano desportivo que estamos a cometer imbecilidades. No financeiro também, como já é evidente há muito tempo.

Se quiserem, se não tiverem mais nada para fazer, acompanhem os nossos putos hoje, às 18:00, na Eurosport. Com o extra de os podermos ver contra mais uma equipa de talentos da máquina de qualidade espanhola. São estes os nossos putos - os que estão no Europeu, entre as 8 melhores selecções da Europa. E, se conseguirem, convençam-me de que o Fernandez serve mais o Benfica ou que vem para cá porque é melhor do que os que cá temos e não por um negócio de comissões que anda a encher a barriguinha de muita gente, parecendo que o único que não beneficia com isto é o... Benfica.

13 comentários:

Constantino disse...

Epah raisparta os adeptos do SLB sempre a querem criticar o fernandez ou o menezes...
No jogo de hoje estou curioso por ver também o Cornejo... oi? não está convocado? bolas, e eu a pensar que no SLB só se apostava em estrangeiros se realmente trouxessem um incremento de qualidade.

Abraço

Anónimo disse...

é facil de explicar.

clube sem estratégia a navegar à vista. clube (presidente) que faz negocios de acordo com as conveniencias de terceiros. comprar leo kanu e fernandez é necessário porque assim caí-se nas boas graças de um determinado empresário que depois consegue fazer um negocio qualquer de 10 ou 20 milhoes, como se esses negocios fossem muito bons para o clube (se fossem o porto não estaria também atulhado em dividas... alías, quantos desses mega-negocios dos coentrões e dos falcões são mesmo negocios de 30 milhoes.. tenho para mim que a maior parte do dinheiro nunca entra no clube..) esses negócios fantásticos são apenas bons para os presidentes que assim conseguem enganar o povão, fazendo crer que estão fazer entrar todos os anos milhoes e milhoes no clube, quando na verdade o clube está cada vez mais endividado.

sendo assim, para os tipos que tomaram conta do benfica, os leos kanus, os fernandez, os jardeis e os sidneis interessam mais, muito mais, que jogadores como roderick, miguel rosa e david simão que tem mais que qualidade para integrar o plantel principal.

a não ser, claro, que os jogadores saidos da escola tenham a benção de jorge mendes, mesmo que sejam futuros cepos, como nelson oliveira! aí sim, conta. convém cair nas boas graças de jorge mendes se não, não se fazem negócios de 30 milhoes.

epá.. isto tá tudo feito em merda. futebol dá cada vez menos pica.

luis disse...

...é sistemática no tempo.

...olha o Danilo sub.21(foram zerinhos) ainda vai aparecer com tempo.

moleculasdeamor disse...

Eh pá Ricardo com todo o respeito para mim é mais Fernandez, Diaz, Emerson e Robertos... senão gostas da minha opinião bem podes nã aceitar o meu comentário... toma e embrulha!!!!

Eh eh eh he he eh... nós devemos ser uns gandas malucos!!!!

B Cool disse...

Atenção que a nossa equipa B está atulhada de jogadores da nossa formação, incluindo o David Simão e o Miguel Rosa. Se serão aproveitados ou não, não sei.
Se têm futuro, a ver vamos como diz o cego ...

Espero é que lhes dêem e exijam mais ambição do que a que o treinador revelou na apresentação. Lutar por um lugar na 1.ª metade da tabela ???

Foda-se, seja na equipa principal, na B, nas equipas da formação, o objectivo tem que ser o mesmo, ganhar todos os jogos. Independentemente de os adversários poderem ser ou não mais fortes, temos que ter a ambição para ganhar todos os jogos em que as nossas equipas entram com a nossa camisola.

Se o Norton de Matos já não se lembrao que aprendeu quando estava nos juniores, então que alguém lhe renove o conhecimento do que é o Benfiquismo.

Anónimo disse...

Vi o 1º jogo contra a Estónia e estou neste momento a ver o jogo contra a Espanha.

Esta selecção nacional tem muito valor, muito diferente da selecção que foi ao mundial de sub-20 onde Nelson Oliveira e Mika brilharam.

Dos jovens benfiquistas, creio que todos já terão contrato de profissional.

Dos 3 titulares, João Cancelo, Daniel Martins e André Gomes gostei dos 3 e dos 2 que entraram, Ivan Cavaleiro e Cafu gostei bastante do Ivan.

Se não estou enganado esta deve ser a 1ª geração de jovens do Benfica que cresceram desde o início no Caixa Futebol Campus.

Se em relação a estes 6 jovens acho que dentro de 2 3 anos alguns poderão jogar no Benfica já relativamente aos do mundial de sub-20 em que se criticou fortemente a direcção pelas saídas de Mário Rui, Danilo e Camará, recordo que o Mário Rui foi emprestado pelo Parma ao Spezia e o Danilo foi emprestado pelo Parma ao Roda.

São muito bons mas nem para o Parma, que actualmente é um clube do meio da tabela, servem.

E por cá queixam-se que o Benfica não aposta neles e que são sempre emprestados, mas lá fora passam a vida a ser emprestados e não os ouço queixar....

O Camará nem sei por onde anda.

O Danilo, o Mário Rui e o Camará daqui a uns anos andam por clubes da 2ª liga portuguesa....

Não servem para o Parma, já 2 anos depois de saírem do Benfica mas serviam há 2 anos como opção no Benfica...


Ass. Gandaia

Anónimo disse...

E para os que criticavam o Benfica por querer ir buscar mais um jogador da equipa B do Real Madrid, de nome Jese Rodriguez, se virem o jogo de hoje contra Portugal percebem que está ali um enorme jogador.

Espero que ainda cá venha parar ao Benfica.


Ass. Gandaia

Gus disse...

Nunca fui grande admirador do jogador português. Acho que, a nivel técnico, é dos mais evoluidos do mundo, mas em termos mentais existem lacunas enormes. Nos momentos da verdade, normalmente o jogador português vai-se abaixo, não só no futebol como em outras modalidades. Este Europeu mudou um pouco a minha opinião. Realmente, Paulo Bento é um treinador cada vez mais completo (e com os incompetentes do nosso clube, até adivinho onde ele irá parar daqui a uns tempos, mas enfim, o assunto agora é outro).
Nas nossas equipas de formação tem de haver muito rigor e disciplina, uma atitude de exigência permanente, em cada minuto de cada treino, e o desenvolvimento da consciência de que, por semana, existem 90 minutos de "vida ou morte". Têm de acabar, de uma vez por todas, os compadrios, as cunhas, as baldas, as vedetas rebeldes, que aos 15 anos se acahm os maiores, com os seus penteados e brincos.
Esta época fui ver grande parte dos jogos da fase final do campeonato de juniores, e fiquei agradavelmente surpreendido com a mentalidade competitiva dos nossos jogadores.
No entanto, se as oportunidades não surgirem, como vão esses atletas evoluir? Como terão a capacidade competitiva necessária para singrar na equipa principal? A aposta tem de ser feita de forma racional, não queimando etapas. A par disso, é fundamental fazer um acompanhamento psicológico permanente para que mantenham sempre os pés bem assentes no chão e a consciência de que só o trabalho e a humildade os pode levar ao sucesso. E claro, têm de conhecer o clube, sentir o clube, viver o clube.
Fiquei perplexo quando, esta época, no final de um jogo da Champions, o Miguel Vitor não soube dizer qual o adversário seguinte, numa clara demonstração que os jogadores (se acontece com este imaginem os outros) estão completamente desligados da realidade do clube.
O nosso plantel, e o da última época é o paradigma, não tem a minima identificação com o clube, com o campeonato português, com o facto de todas as equipas quererem ganhar, a qualquer custo, ao Benfica. Cerca de duas semanas antes do inicio da época passada, tive oportunidade de trocar umas palavras com o Capdevilla e disse-lhe que a equipa tinha de dar tudo contra o Gil Vicente, porque eles iriam fazer tudo para roubar pontos ao Benfica, iam jogar com um querer enorme, com raiva até. Ele, algo perplexo, perguntou-me "Porquê?" E eu disse-lhe..."Porque toda a gente quer ganhar ao Benfica, custe o que custar". Bom, o resultado disso já sabem....um empate a 2.
Sobretudo nos jogos fora nota-se que falta estofo, garra, atitude. E isso tem de vir de dentro. Por isso, em vez de gastarem rios de dinheiro em pseudo-novos di marias, apostem nos jovens da formação, façam-lhes crer que eles são o futuro do Benfica.
Temos jogadores nos juvenis, juniores e agora na equipa B, com qualidade em quase todas as posições.
E prometam-me que a m**** dos assobios fica em casa.

Marlon Brandão disse...

Epá, via 2a parte e os pontas-esquerda da espanha e de Portugal deixaram boas indicações.
O tasco não tinha som na TV por isso não sei os nomes dos artistas, mas acho que o da Espanha era precisamente o Jesé Rodríguez. Deu para perceber porque é que não querem soltar para cá, é máquina.

Mentecapto da Silva disse...

De nada serviu o meu alerta... Pois bem, espero que tenhas gostado de ver em acção os jovens jogadores do sporting e os jovens atletas do Benfica. As diferenças entre uns e outros são gritantes, pelo menos neste escalão.
E antes que venhas com a alegoria do balão meteorológico ou da tosta mista, desde já te digo que não, nada justifica as contratações dos Fernandéz. O que não quer dizer que se extrapole para o aproveitamento sôfrego e fácil da nossa formação, quando esta (ainda) está longe do patamar qualitativo que se pretende.

Marta M. disse...

"Sobretudo nos jogos fora nota-se que falta estofo, garra, atitude. E isso tem de vir de dentro. Por isso, em vez de gastarem rios de dinheiro em pseudo-novos di marias, apostem nos jovens da formação, façam-lhes crer que eles são o futuro do Benfica."

Concordo com todo o Seu texto Gus e não podia deixar de reforçar a citação acima transcrita para questionar: QUEM é que dentro poderá transmitir essa garra e atitude que, entre nós Benfiquistas denominamos por "mística" (conceito extremamente abrangente diga-se: da alma à atitude)?
Só o poderá fazer quem souber o que isso é. E só se sabe de uma forma: tendo-a.
E mesmo tendo tem que ser expressa o que manifestamente não tem acontecido.. Aliás, parece estar a entrar em vias de extinção nos corredores da Luz.
Corredores internos esclareça-se.

Fehér 29 disse...

ANFRE GOMES- muito bom, mas tem que jogar a 2 toques, um autentico lider.

DANIEL MARTINS-não é nenhum fora de serie, há certos lances em que se denota alguma falta de manha, de maldade,de "inteligencia de rua";

JOAO CANCELO- "inteligencia de rua" é o que este menino tem sobra. as vezes precipitado, vai muito à queima, mas joga um ano adiantado...

CAFU- jogador extremamente complento, joga em todas as posicoes do campo. nao sei como nao é titular...

IVAN CAVALEIRO- rapido, boa técnica, falta experiência e alguma lucidez a jogar. acho que é lagarto...

BRUNO VARELA- bom guarda redes, é tambem sub-18 ainda.

Gus disse...

Acho que é necessário ir buscar ex-jogadores, mas que ainda sentiram e viveram o verdadeiro Benfica.
Lanço 3 nomes: Álvaro, que nunca devia ter deixado o clube, Paneira e Rui Bento, que apesar de já ter treinado um clube na 1ª liga julgo que aceitaria um cargo de adjunto no Benfica.