sexta-feira, 20 de julho de 2012

Palavra do Senhor





Infelizes daqueles que não "acarditam" nela.

32 comentários:

moleculasdeamor disse...

Agora começo mesmo a ficar com alguma pré-azia... mas tudo bem temos até 31 de Agosto - temos muuiiiitttoo tempo - mas será que o benfiquistas não vislumbram esta merda deste padrão da direção deste Benfica.

!nsurrecto disse...

"tenho a máxima confiança no Artur"

"tenho a máxima confiança no Maxi"

"tenho a máxima confiança no Luisão"

"tenho a máxima confiança no Garay"

"tenho a máxima confiança no Coentrão"

"tenho a máxima confiança no Cardozo"

(...)

JNF disse...

A palavra deste treinador vale tanto quanto a do presidente.

Mentecapto da Silva disse...

Calma, calma...

Com o fim da proibição dos empréstimos só temos agora que pedir ao sporting o empréstimo do Rojo.

Anónimo disse...

Se calhar querias que dissesse que tinha ali 2 coxos!!!

O que vale é que quando é o Mourinho a defender os coxos dele, já boa gestão...

JC disse...

Não, anónimo. Preferia que ele ficasse caladinho em vez de abrir a boca para dizer banalidades. Assim como tu, percebes?

O Bandido disse...

Só "acarditei" nele na primeira época, agora já não o posso nem ver..

farfalho, o maltês disse...

Ponham-se na pele de um treinador e digam que não têm confiança num qualquer jogador.

farfalho, o maltês disse...

A palavra do presidente vale uns milhões valentes.

M.C. disse...

..." Não, anónimo. Preferia que ele ficasse caladinho em vez de abrir a boca para dizer banalidades. Assim como tu, percebes?" ...

Democracia é quando eu mando em você, ditadura é quando você manda em mim.

Anónimo disse...

Acho que ambos vão sair e vão entrar dois laterais...

Daniel

POC disse...

Vieira e Jesus forever. E dá-se a sportinguização do Clube.

JC disse...

Farfalho, não precisa dizer que não confia, basta não dizer nada. É que quando se diz que se tem máxima confiança no jogador, depois é-se obrigado a apostar em Robertos e Emersons a todo o custo.

M.C., vieste ao engano. Ninguém disse que isto aqui era uma democracia. Agora vai queixar-te ao Millôr Fernandes, vai.

Daniel, espero que contratemos um verdadeiro lateral-esquerdo. Não se encontram Coentrões debaixo de cada pedra da calçada, por muito que queiramos "acarditar".

Ricardo disse...

Bonita montagem, JC. Mas és malandreco. Isto nunca aconteceu, Jesus nunca disse isto. Deixa-te de merdas, sempre a desestabilizar os benfiquistas e o Benfica.

Apoia, caralho. Apoia!

João Oliveira disse...

A maior lolada que li neste blogue.

Agora um treinador deve andar a dizer que não confia nos seus jogadores.

Ou então não diz nada quando os seus jogadores são constantemente desvalorizados pela comunicação social e por alguns adeptos mesmo antes de mostrarem serviço.

Depois de dizerem barbaridades como esta, ainda têm a coragem de criticar o homem por ser um péssimo gestor de homens.

wishmaster disse...

Medo.

Não acredito que no Benfica não se aprende com os erros.

Será que quando jogarmos com o Porto, o Garay vai jogar a lateral esquerdo?

farfalho, o maltês disse...

JC,

Quem cala consente. O mesmo é dizer que tinha que gramar todo o tipo de especulações que já se fazem sobre o lateral esquerdo.

Já enjoa ou não?

Ou será que no Benfica toda a gente tem que ser informada dos designios àcerca do plantel a organizar/organizado?

Nuno Pinho disse...

Está o circo montado. Não dá para entender a aposta do Jesus no Melgarejo ou no Djaló para as laterais, quando tem tão boas opções no plantel!

(está respondido na mesma moeda. fica a faltar o comunicado a dizer que a proposta pelo Rojo não passou de uma invenção da imprensa.)

B Cool disse...

Bcool: «Tenho a máxima confiança em Jorge Jesus»

JC disse...

Tens razão, João Oliveira. Um bom gestor de homens deve manifestar publicamente máxima confiança no seu jogador, mesmo que este seja uma valente merda, insistindo na sua utilização de forma obsessiva apesar do grave prejuízo para a equipa. E no final do campeonato manda a máxima confiança às malvas e dispensa-o, pois claro. Genial.

Farfalho, é isso. Tenhamos paciência. Está tudo a ser tratado atempadamente. Afinal de contas só andamos à procura de soluções para as laterais há mais de 2 anos.

whismaster, tratando-se de um tipo que é capaz de pôr o Witsel a defesa direito nada é impossível.

João Oliveira disse...

JC. Se o Roberto é assim uma merda tão grande então o campeonato espanhol é uma autentica fossa. É que ele apenas foi o melhor naquele campeonato esta época.

O Emerson também era uma merda tão grande que venceu um campeonato e uma taça francesa jogando a titular na sua equipa.

E o Luisinho e o Melgarejo (caso se opte pela sua adaptação) ainda nem tempo tiveram para mostrar serviço e já são uma merda também.

Não entendo este tipo de posts. Criticar por criticar não. Se querem criticar por nos faltar um defesa esquerdo façam um post igual todos os dias.

Agora virem criticar um treinador por defender dois jogadores seus que ainda não fizeram mais de 180 minutos pelo Benfica é ridículo.

Tão ridículo como criticar o Benfica por ter recorrido do final dos empréstimos mas ser-se a favor dos empréstimos.

B Cool disse...

Será que alguém ainda se lembra quem disse : «Nolito joga muito sozinho»

farfalho, o maltês disse...

Farfalho, é isso. Tenhamos paciência. Está tudo a ser tratado atempadamente. Afinal de contas só andamos à procura de soluções para as laterais há mais de 2 anos.
------------------------

Pelos vistos, oh JC, temos jogado com 10.
Mas como tu, e não só, é que sabes e tens os livros,
vais dizer que o Emerson não contava.

Pronto leva lá a bicicleta.

Mas antes diz-me quem são os laterais esquerdos que devem ser comprados e já agora o preço dos passes. Pois estou impaciente para passar um cheque.

Nuno Pinho disse...

O autor deste tópico não vai criar um outro com estas declarações:
http://abola.pt/nnh/ver.aspx?id=343240
?

«Mais uma vez gostei da exibição do Melgarejo, mas isso não implica que não tenhamos a intenção de contratar mais um jogador para o lado esquerdo»

Muito gostam de falar mal do Jesus. Precisavam de um Quique ou Heynckes no banco, porque isto de entrar na terceira temporada consecutiva com um treinador a sério está a deixar mal habituados alguns benfiquistas...

B Cool disse...

Sim senhor vamos apoiar como o Nuno Pinho e os outros, pode ser que tudo se resolva e os últimos 2 anos sejam miragens. Apoia JC, apoia (não, não estou a falar do Emerson)

Nuno Pinho disse...

B Cool,
Não me arrastes para esse fosso. Das duas uma: ou andas desatento ou só lês aquilo que te interessa. As últimas declarações do Jesus têm tanta relevância como aquelas que iniciaram este tópico e foram, à boa maneira populista, distorcidas. Afinal de contas, o Benfica é o clube do povo, não é?
Das últimas declarações não importa falar, porque como já se percebeu o Jesus é o alvo a abater nestes primeiros meses da temporada. Depois do Fernando Santos, é o Jesus quem paga a factura. O final da temporada passada já deu boas indicações nesse sentido. Depois há as eleições e não vá o tipo sentir-se apertado...
Venha de lá mais um Quique Flores ou Heynckes para o banco, que um tipo já começa a ficar mal-habituado.

JC disse...

Nuno Pinho, essas declarações são fantásticas e dão-me uma esperança enorme. Afinal de contas andamos apenas desde a época de 2008/2009 (última época de Leo) à procura de laterais-esquerdos de raíz para chegarmos a... Emerson.

Perdoa-me não ser tão crente como tu, mas a culpa é do Nosso Senhor que no início da época passada me disse que tinha aprendido com os erros da época anterior. Quando me mentem dá-me para isto: fico fodido.

B Cool disse...

Nuno Pinho, faço minhas as palavras do JC

Nuno Pinho disse...

Presumo que nessa entrevista também tenhas gostado de ler a parte do meter mais ovos a meio da temporada. Agora pergunto-te se alguma vez, num clube com a "tal estrutura vencedora", isso aconteceria...
A dispensa do Léo deveu-se a um decisão da equipa técnica chefiada pelo Quique Flores. A partir de Janeiro, o Benfica passou a actuar com o David Luiz descaído pela esquerda. Um desperdício, como se veio a comprovar com o Jesus no banco. É com este mesmo treinador que o Coentrão é resgatado para a equipa principal, abandona as noites do Buddha e dedica-se ao futebol a tempo inteiro. Ganhámos um dos melhores laterais-esquerdos do futebol actual. Coisa pouca, não?
Continuo a dizer que o Jesus é o homem certo no lugar certo. Só lamento não poder dizer o mesmo sobre as pessoas acima dele...

Nuno Pinho disse...

Só mais uma coisa. Em 2009, a culpa do Álvaro Pereira parar no FCPorto e o Benfica contratar uma opção de recurso (César Peixoto) também foi da inteira responsabilidade do Jesus. Lamentavelmente, só uma das partes é que é verdade.



-> Roberto não foi uma escolha do Jesus. Na terceira jornada, frente ao Setúbal, chegou mesmo a abdicar dele para dar lugar à solução de recurso (Júlio César). O Roberto é um guarda-redes com tantas deficiências que eu ainda me pergunto quanto às razões de haver alguém que pense desta forma:

«Roberto será uma das referências mundiais no seu posto»

http://www.maisfutebol.iol.pt/desporto/roberto-luis-filipe-vieira-benfica-saragoca/1270492-4062.html

Isto depois de uma grande temporada! Na liga espanhola, os nossos dois guarda-redes actuaram em clubes que ficaram por uma nesga na primeira liga.
Na última época, a frustração em ter Emerson a titular foi partilhada. Não acho que o Capdevilla (o jogador mais fraco da campeã mundial) fosse muito superior, mas ver o Emerson em campo foi desesperante. Dêem-lhe o lateral-esquerdo que ele quer (era o Rojo, não?). Ou então a opção seguinte. Lá terá que ser!

JC disse...

Nuno Pinho, não coloco em questão as capacidades de Jesus - que considero um excelente treinador. O problema é que a sua soberba e teimosia o traem com frequência. Insistir em Roberto e Emerson ultrapassando os limites da razoabilidade é um bom exemplo disso.

Sim, o trabalho que Jesus fez com Coentrão foi muito meritório. E espero um dia fazer um post em que me penitencio por alguma vez ter duvidado de que Melgarejo daria um excelente lateral-esquerdo e Djaló um maravilhoso lateral-direito.

Jesus não é o único culpado das lacunas que evidenciamos a cada arranca de época, mas Vieira, que tanto atacamos aqui, também não é culpado de lhe dar Carole, Patrick (este tenho a certeza que foi escolha de Jesus, os outros não sei dizer), Wass e o treinador depois não contar com eles.

Independentemente dos culpados, o que salta à vista é que as épocas são preparadas, ano após ano, com um amadorismo gritante. E isto revolta-me.

Nuno Pinho disse...

Claro, mas daí a culpabilizar unicamente o Jesus, como se lê em excesso na blogosfera, vai uma boa distância...
A aposta em Roberto é "desculpada" pelo forte investimento feito pela direcção - já agora, como vão as obras em Madrid?
À terceira jornada, o Jesus reconheceu que o Roberto tinha limitações daí dar-lhe o banco para descobrir que a outra opção (Júlio César) também não era melhor.
A informação que eu conheço sobre o Patric é que ele nunca foi escolha do Jesus. Não é ao acaso que foi dos primeiros a ser chumbados. Até te comprovo com informação pública:
http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?channelid=00000213-0000-0000-0000-000000000213&contentid=ADDE4F6D-BBE2-46DD-9726-2CFCCC98C4D5

Em específico:
"Patric foi aconselhado ao Benfica pelo empresário Giuliano Bertolucci e Shaffer foi contratado em circunstâncias especiais, após o FC Porto ter desviado o lateral-esquerdo uruguaio Álvaro Pereira, da rota da Luz para o Dragão."

Nem Patric, nem Capdevilla (aposta do Rui Costa), muito menos o Fernandez foram pedidos pelo Jesus.

Reconheço qualidades a Wass e Carole. Mas o primeiro queria jogar com regularidade e não tinha chances com o Máxi. Para esta posição, vejo mais uma aposta para longo prazo ou um jogador polivalente. O pulmão do Máxi aguenta uma temporada inteira. É ver como ele está a iniciar a temporada...
O outro, desconheço se foi pedido pelo Jesus, deixou boas indicações no tempo em que jogou. Não vejo uma razão plausível para o Luisinho fazer a pré-temporada e o Carole não...