domingo, 14 de abril de 2013

Voz ao leitor Pedro B.

«Claro! Peseiro no Benfica, se o poeta Ricardo fosse o presidente. Felizmente, não és. Vá, faz lá mais um post ao scp, o teu verdadeiro clube, sob a capa de ser do teu avô. Abraço Pedro B.»

Depois digam-me que a internet não é uma coisa maravilhosa.

14 comentários:

Anónimo disse...

Na Mouche!

Anónimo disse...

Ricardo lagarto? Lagarto não é mas lagartixa, sim.

Guilherme disse...

de qq modo espero jamais ver o Peseiro como treinador do Benfica.~

é certo que seria fantástico termos "o" treinador perfeito, irreprensível tacticamente, benfiquista de gema, um líder. mas não creio que seja o Peseiro.
tacticamente não é melhor nem que o Jesus nem que o Vitó e com a equipa que tem devia ter o terceiro lugar bem consolidado.


não me esqueço das humilhações, dos 5-0, da meia-final da europa league perdida, dos aspersores. mas não há mais ninguém neste exacto momento que consiga fazer um trabalho melhor que o Jesus em Portugal e não há ninguém que neste momento me garanta este fantástico sentimento de antes de um jogo estar à espera e ver como natural uma vitória do Benfica. é tb é aquele cuja ideia de jogo mais se aproxima do Benfica (agora na fase do "ataque responsabilizado")

sei que pelo menos o Ricardo já desconstruiu algumas destas premissas, com base por exemplo no brutal investimento em jogadores, mas na memória deste benfiquista vindo à luz (benfiquista quero dizer) nos anos 90 nomes como Autuori, Manuel José, Souness, Camacho, Koeman e Flores ainda me dão pesadelos. mesmo o Jesualdo não alcançaria idênticos resultados com este plantel.

ou seja, a menos que o Mourinho se declare benfiquista, não vale a pena ansiar por ninguém. não há nenhum ex-jogador a fazer bom trabalho por aí (o que aconteceu ao Paneira?) e o facto de haver montes de treinadores ex-jogadores do Porto provavelmente tem mais a ver (sim, eu ouvi falar do apito dourado) por eles terem tido bons treinadores que os estimularam a pensar em tal carreira (Robson, Mourinho)

portanto a renovação por dois anos como aventa o CM parece-me certa, com a tal grande ênfase nos resultados.

mas isso não quer dizer que tenhamos que ser anjinhos, e que não mantivessemos bem perto de nós o Paulo Fonseca, e o Rui Vitória tb, a ver se se mantêm longe do porto ou dos lagartos para não serem queimados.

passados esses dois anos, então seria altura de olharmos outra vez para o panorama e ver a evolução deles, e até msmo do Rui Martins. e aí ou fazemos do Jesus o nosso Ferguson, ou mudamos de pauta.
independentemente dos resultados obtidos (mesmo que nada ganhemos), e tendo em conta todo o trabalho levado em conta, é para renovar.
já o pensava, e depois de ver esta hora e meia de jesus na faculdade ainda fiquei mais convencido

http://www.youtube.com/watch?v=JgY_mTD9HR4

Guilherme disse...

apenas um p.s.

há uma parte em mim que me lembra que nada impede que um Paulo Fonseca, ou até mesmo o Peseiro, porque não, não sejam imediatamente vitoriosos no seu primeiro ano de Benfica. juventude não impede qualidade e talento e não preciso de dar nomes.

mas depois temos que nos lembrar de quem temos na presid~encia, e na estrutura de futebol. julgando apenas pelo que vejo de fora, creio que precisamos mesmo de um tipo meio egocêntrico, de personalidade forte como o Jesus, que consiga impor a sua vontade às outras vontades que muito pouco percebem de futebol (e refiro-me a LFV e ao tal carraça, o Rui Costa pelo que se lê nos blogues a única coisa que faz hoje em dia é prospecção).

Manuel Humberto disse...

O problema infelizmente não é da «internet», mas de gentes. Estas pessoas não são melhores no tempo que não usam a «internet».

O Pedro B. representa o típico Português: bastante estúpido, parolo e 'atrasado' (com dificuldades de compreensão). É Portugal. São os Portugueses.

Infelizmente ...

Conde de Vimioso disse...

Li por aqui que devemos renovar com o JJ mesmo que não ganhemos mais nada.

Será que quem escreve isto saberá traduzir BENFICA???? Penso que não.

Ou não será que quem tem saído a ganhar mais nesta relação não é o JJ.

Finalmente ele fez e bem a cambalhota já penso que apesar de teimoso lá resolveu dar ouvidos a muita gente e espero que assim continue. É bom sinal.

Agora comparara o imcomparável seja outros treinadores ou outras decadas é irracional pois esquecem que o ""apito"" de hoje é um arremedo comparado com o da decada de 90 e sendo verdade que nunca se ivestiu tanto em massa humana no Benfica como nos ultimos 4 anos depreciar isso só pode ser estulticia.

E afinal não será o JJ mais ""quase"" do que o Peseiro mesmo sendo ele muito mais novo e nunca ter tido os mesmos meios????

Eu ainda não esqueci a forma humilhante como esta epoca, para não falar de outras, fomos mandados borda fora da CL e mesmo que ganhemos agora tudo aquela pedra continuará no sapato.

Há uma coisa que eu sei: É tão Benfiquista como nós e isso também colhe.

Com isto não se deduza que não hesitaria sugerir a sua contratação mas também alguém poderá poderá afiançar um possivel falhanço??? Chamo a isto falar de cor.

JJ que continue assim e se o Benfica e ele quiserem que continue mas se sair o Benfica não acaba e quem sabe não poderemos ainda ficar melhor servidos.

Alguém refriu aqui vários treinadores e também houve um que coitado não percebia nada mas...

Perdoa-lhes Senhor Heynks.

Koeman, Quique, Autuori serão assim tão indigentes????

PS-Quanto ao Mouras espero que não tenha esquecido a promessa que um dia fez de que regressaria ao Glorioso para o tornar no melhor clube do mundo. Treinava ele , à altura, os corruptos.

jose garcia disse...

Ricardo, desculpa a ofensa, mas acho que às vezes és igual ao Master Kodro. Picas, e picas, e picas, e depois ficas admiradissimo e ofendidissimo por choverem impropérios.

jose garcia disse...

Dizer ainda q concordo com tudo o q disse o Guilherme.

Ricardo disse...

José, sim, eu "pico" porque sou a minha opinião sobre as coisas. O que naturalmente faz de mim um sportinguista, como é óbvio.

moleculasdeamor disse...

Após o crescimento de JJ (claramente observável) parece-me indicado renovar por mais dois anos, com outros tantos de opção...

No entanto JJ não é a única solução:
Fernando Santos, o tipo do Bilbao, Preud'homme(?), o Peseiro tem de facto enorme experiência... e existem outros... basicamente a ideia é continuar este trabalho, com a nuance de introduzir jogadores portugueses no processo... na nossa casa temos Rosa, Cancelo, Cavaleiro e não sei se o Pimenta bem trabalhado não chega lá... abraço...

Pedro disse...

Bom dia malta,

Em primeiro lugar, quero dizer que fui uma das pessoas que no final da temporada passada achei que deveriamos trocar de treinador, sempre considerei que JJ independentemente dos méritos verificados até então, porque os teve e há que reconhecer, tinha igualmente defeitos que em minha opinião impediam o clube de ir mais além, havia um excesso de carga nos 11's base que levavam a equipa a jogar de rastos na fase final dos campeonatos, uma arrogância e falta de respeito nas declarações, que serviam de mote à motivação adversária, só para citar os principais desses defeitos.

Confirmada a continuidade de JJ e ainda antes das saídas de Javi e Witsel, dava comigo a pensar que esta temporada até tinhamos uma equipa algo equilibrada, e que pelo menos não iriamos chegar ao último terço do campeonato de rastos se efectuássemos uma boa rotação...porém, tudo mudou no último dia de mercado e confesso que fiquei muito desmoralizado pensando que seria mais um ano triste...apesar de tudo sempre continuei a apoiar e a ir ao estádio, já que a alegria que vivo ali, em casa, com os meus pares, é obviamente algo de que não prescindo...o Benfica faz parte de mim e sem este grande amor seria óbviamente uma pessoa diferente.

No entanto, com o decorrer do campeonato a verdade é que a equipa conquistou novamente a minha crença, bom futebol, solidez defensiva e pragmatismo, que nunca tinha visto antes com JJ...assim, e embora com os pés bem assentes na terra, dei comigo em Dezembro, a pensar no que aconteceria em Fev, Março e a verdade é que a equipa tirando o jogo com o Nacional na Madeira em que podia ter feito melhor, tem sido quase irrepreensível. Dizer que esperava que Witsel fosse substituido com esta facilidade por Enzo, que a solidez de Javi tivesse um claro upgrade em Matic, principalmente nas transições, o que contribuí de forma decisiva para a saída rápida, e que permite passar do processo defensivo ao processo ofensivo ainda com o adversário desequilibrio, seria estar a mentir...

Chegado ao dia de hoje, em que discutimos a presença no Jamor em Maio, e ao estarmos numa posição que inveja qualquer um dos nossos adversários, há que dar mérito ao nosso treinador, impôs uma rotação do meu ponto de vista perto da perfeição, consegue ter a maior parte dos jogadores do plantel motivados (têm visto o Gaitan nos últimos jogos? viram a celebração do Cardozo aquando do golo no aquecimento?) evidênciou uma clara melhoria no discurso que passa para fora ( mas que ainda pode melhorar) a verdade é que emendou a claramente a mão em relação ao passado recente...

Da minha parte, independentemente do que se passar até final da época, porque não há vitórias morais e no fim são os títulos que contam, claramente que JJ melhorou imenso naquilo que eram os pontos negativos principais e pelos quais eu achava que não devia ter sido o treinador do Benfica para esta época...obviamente que não quero nem espero uma hecatombe da equipa neste final de campeonato, mas penso que chegado a este ponto, JJ merece claramente a renovação, independentemente do que acontecer no próximo mês e em que podemos cair no olimpo ou no inferno.

Quanto a mim, vou continuar a fazer aquilo que sempre fiz, apoiar a equipa, esperando que continuem a trabalhar com a mesma humildade e empenho com que o têm feito até aqui, no fim...bem no fim espero ver-vos a todos no Marquês...seja uma, sejam duas, ou até três vezes.

E Pluribus Unun

Um abraço a todos e até logo em nossa casa..
Pedro

PS: Já que estou numa de reconhecer méritos e independentemente de não concordar com algumas opções do nosso Presidente, também neste vejo uma clara melhoria no discurso.

Guilherme disse...

@Conde

parece-me que não percebeste nada do que escrevi. e escrevo não porque tenha necessidade de responder-te mas apenas porque gosto da oportundiade de diálogo que este espaço oferece.

eu apenas alertei para o facto de neste momento não crer que exista um principe de armadura reluzente montado em cavalo vermelho (claro) para o "BENFICA", tal como nos contos de fadas.

vou preferir não comentar a parte em que eu não saiba definir o que é o Benfica. parece que sabes, parabéns para ti. não me sinto ofendido porque já tou habituado a ler coisas do tipo nos blogues do glorioso, mas isto de ver Benfiquistas com complexos de superioridade moral contra outros Benfiquistas é espiritualmente muito enriquecedor.

tal como eu escrevi mais abaixo ninguém diz que o Peseiro não alcance bons resultados no Benfica. Apesar de o modelo de jogo dele ser mais agradavel aos olhos (mais posse) eu simplesmente acho que o Jesus oferece mais garantias hoje em dia, dentro e fora do campo, a nível táctico especialmente a partir desta época. e esta impressão tem tanto de factual como de sentimental, de impressões, num "nível adepto" se me percebem.

e os resultados passados aqui não contam, conta o trabalho desenvolvido, e ja agora todas as declarações de jogadores e ex-jogadores.
o Peseiro não ter ganho ou só ter ganho um troféu não conta para absolutamente nada (é mesmo preciso dar nomes de treinadores que do passaram de desconhecidos a vitoriosos em uma, duas épocas).

mas acho que entre dois treinadores de alto nível um é melhor que o outro, simples como isso. e isto não há forma de destrinçar a menos que o Peseiro seja contratado para o Glorioso.

um outro pormaior: isto de dizerem que o Jesus não quer ganhar tudo (e tendo em conta o ego dele...) porque não sabe o que é o Benfica ou não tem noção das suas responsabilidades para mim não colhe. por incompetência, vá lá. mas por não saber o que é o Benfica? e com aquele ego?

ou será que qualquer equipa profissional de topo, indepentemente do nome, não almeja a ganhar todas as competições em que entra? podia dar o exemplo do Bayern na última época talvez, mas está tão fresco na memória...

já agora. o Autuori que quis meter o Benfica a jogar num dos sistemas mais desactualizados possível, o 4-2-2-2 (coisa tipicamente Brasileira, o sistema que fez com que o Brasil perdesse para a Itália em 82 por exemplo), e que agora regressou ao Vasco da Gama e quer tornar mesmo sistema popular de novo quando ninguém lá o defende.
o Koeman, o Quique (e já agora o Camacho, sim o Camacho): jogar à retranca ou em 4-4-2 clássico é isso que queremos para o futebol do Benfica e que oferece maiores possibilidades de sucesso no futuro?

jose garcia disse...

oh Ricardo, eu não me revejo minimamente no comentário do Pedro B.. É ridículo pôr o teu benfiquismo em causa. Quem o faz, só o faz para te ofender.

Mas o que eu acho é que te pões vezes demais a jeito para levar com estas merdas, e se calhar nem havia necessidade disso. É só isso.

Abraço

FORÇA BENFICA

Anónimo disse...

"O problema infelizmente não é da «internet», mas de gentes. Estas pessoas não são melhores no tempo que não usam a «internet»."

Isto dito por alguém que em tempos afirmou que a Águia do Emblema do Benfica está ligada ao nazismo.