terça-feira, 17 de setembro de 2013

A minha estreia na Luz

Numa equipa onde ainda resistiam talentos como João Pinto, Paneira e Isaías, fui agraciado com uma assistência do Nelo, um golo do Tavares e um auto-golo do Paulo Madeira. Os dois golos do Caniggia salvaram-me a noite e permitiram que, 19 anos volvidos, já não tenha tanta vergonha de vos dizer que este foi o primeiro jogo a que assisti ao vivo no Estádio da Luz.



5 comentários:

pempitas disse...

Curioso, eu também. Penso que ainda tenho o bilhete...

Tinha estado antes num Benfica-Real Madrid para a Pepsi Cup (quem se lembra), mas apenas por 15 minutos...

Anónimo disse...

mais épico que isto só se o golo do tavares tivesse sido a passe do nelo!! que dupla!

LDP disse...

Michel, Dimas...ainda havia ali muita qualidade.

Com o Paneira não havia merdas, quando era para chegar á linha e cruzar era só pedir.

PP disse...

Tenho saudades de jogadores como o Paneira no Benfica.

andré disse...

Vou para lá agora.
onde estive também em 94. Não na minha estreia na Luz (essa aconteceu num Benfica v Espinho (5-1), de 1985, mas estreia sim para ver ao vivo o tal do Claudio Caniggia.