quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Rei Artur

Artur Moraes é o meu guarda-redes. Bom, pelo menos até chegar um que seja inequivocamente melhor que ele. Desde o final da época passada que muitos adeptos vêm pedindo a substituição de Artur pelo jovem esloveno Oblak. Numa posição tão específica como a de guarda-redes, uma alteração tem sempre os seus riscos. E neste caso específico parece-me que qualquer alteração, de momento, será mais que contraproducente, maléfica para os objectivos do Benfica.

O problema dos múltiplos golos que o Benfica sofre jogo após jogo não é do guarda-redes. Artur tem limitações, é certo, sobretudo no que ao jogo de pés diz respeito, mas não é por ele que sofremos a quantidade absurda de golos que sofremos. A forma como a equipa defende como um todo (ou como um meio, porque praticamente metade dos jogadores não defende) é o verdadeiro problema. Demasiados contra-ataques cedidos, demasiadas vezes apanhados em inferioridade numérica, demasiadas vezes com a equipa completamente desposicionada, perdida em campo. Mais: se formos a ver os golos sofridos pelo Benfica no reinado de Artur, chegamos à conclusão que poucos foram "frangos" ou lances em que o guardião foi mal batido.

Vamos imaginar que Jesus tinha a peregrina ideia de substituir Artur por Oblak. O esloveno teria de defender a maior baliza do mundo. Uma baliza na qual os menos assíduos adeptos do mundo não permitem um erro. Uma pressão gigante para um miúdo de 20 anos. Ao primeiro falhanço, lá vinha a história da imaturidade, de que não percebe os colegas por falar um idioma diferente, e ainda o recordar do triste episódio da tentativa de rescisão do contrato que marcou a nossa pré-temporada. Com um guarda-redes fragilizado na baliza e outro no banco, o que sugerem? Volta Artur, estás perdoado? Avança, Paulo Lopes? Soltem o Mika?

Retomo a principal ideia deste post: o nosso principal problema é a forma como defendemos. Por isso, com Artur, Oblak, Cech, Buffon ou Lloris, sofreríamos sempre uma quantidade descomunal de golos.

Trocar de guarda-redes numa fase tão precoce da época tem estes riscos. Até pode suceder que, à semelhança do que se passou com Trapattoni, quando o italiano substituiu Moreira por Quim, a equipa ganhe outra confiança e conquiste troféus importantes. Ou então ter o efeito oposto, como sucedeu com Quique Flores, onde as constantes trocas entre Quim e Moreira se sucederam por erros individuais causados pela falta de confiança que lhes foi passada pelo treinador.

Continuo na minha: Artur é, neste momento, mais e melhor guarda-redes que Oblak. E uma substituição traz, por agora, mais problemas que soluções. É um risco demasiado grande. E que não devemos correr.

23 comentários:

DeVante disse...

Opiniões. Os golos consentidos contra o Porto, todos eles, eram defensáveis até para um Peçanha. Foram patéticos e custaram-nos o título. Assim como nos custou aquele outro consentido no Jamor contra Guimarães.
Nem vou falar naqueles que ele fica a meio de uma saída da baliza.
Não apostar em Oblak porque é jovem não me parece justificação. Não somos nós que afirmamos que jogador do Benfica tem de ser psicologicamente forte?
O Benfica, como equipa que é e tendo em conta a sua dimensão, não pode contentar-se com um jogador simplesmente mediano. E Artur é mediano, apenas isso. Não faz defesas impossíveis, não faz nada de extraordinário. E o Benfica não é Marítimo ou Guimarães...

JNF disse...

Exactamente, DeVante, opiniões.

Os golos consentidos contra o Porto eram defensáveis até para um Peçanha? Quais golos? Os do Maxi e do Kelvin? O do Maicon na Luz? Não brinques.

E quem te disse que Oblak é psicologicamente forte? Não estou a dizer que não o seja.

Isso de não fazer defesas impossíveis não é verdade.

DeVante disse...

É verdade sim. O golo que ele atira a bola ao Maxi? O golo do Kelvin? Helton defendeu um remate mais perigoso do Cardozo. O golo que ele ofereceu ao Jackson? O do Proença não digo.
Oblak é e será sempre psicologicamente forte para mim até o dia que provar o contrário. E pensar de forma diferente, sobre um jogador do Benfica é que me faz confusão.

rui disse...

À pessoas que acreditam que tem um sexto sentido,eu sou uma delas,e posso estar a dizer o maior absurdo e a maior injustiça á face da terra,mas a verdade é que depois de ter visto aquele golo do jackson na luz,e o segundo golo do guimaraes no jamor "não o 1 que ele chutou pa frente,isso acontece" mas o 2 fiquei com a sensação que o artur esta comprado.

E repito,posso estar a dizer a maior estupidez e injustiça,até porque so neste ultimo jogo ele fez uma bela exibição,e costuma fazer boas exibições,ja vi o Patricio que todos dizem ser o Damas2 a mamar frangos piores que o artur,mas opah á qualquer coisa nele que nao me deixa inteiramente tranquilo,mas repito,a culpa de qualquer cascalheira marcar golos ao benfica,nao pode ser toda dele

hertz disse...

rui, não vás por aí. Em todas as declarações e entrevistas que o Artur já deu é bem notório o respeito e o orgulho enorme que ele tem por vestir a camisola do Benfica. Há umas semanas li uma entrevista da mulher dele no ojogo e ela disse que o sonho do Artur era ser campeão pelo Benfica.
Acho de uma falta de respeito estar-se a duvidar do compromisso do Artur para com o Benfica.

Em relação ao post, concordo. Confesso que após o final da Taça (talvez devido a estar com os nervos à flor da pele) queria a saída do Artur da baliza apesar de o ter defendido sempre até aí. Agora com mais calma, com a época já a decorrer concordo que ele seja o titular (fez na terça um belo jogo e em Alvalade já tinha feito defesas importantes e decisivas) e claro que, se os próprios adeptos o pararem de assobiar, ele irá recuperar alguma da confiança perdida e voltar a ser o muro que foi na 1ª época.

PS: Continuo a ver adeptos a responsabilizarem o Artur no golo do Kelvin. Não compreendo como um remate forte, espontâneo, com uma trajectória sempre a desviar do GR e que bate na malha lateral da baliza (quase bate no poste) é considerado um golo por culpa do GR.
É só ver a repetição da câmara colocada, mais ou menos, atrás da baliza.

Anónimo disse...

Desculpem a intromissão. Que o DeVante diga que o Helton é o melhor guarda-redes da Liga isso eu não contesto. Agora dizer que o Artur custou o título e não fez defesas impossíveis é injusto. Perdi a conta às defesas impossíveis. Só na primeira época foram às centenas!
Seguindo a linha argumentativa do DeVante eu digo que o Cardozo custou o título. Falhou golos fáceis em Coimbra e na Luz frente ao Helton não o conseguiu bater. É justo?
Acho que sabemos a resposta.
O Artur é limitado com os pés, mas está a ser alvo de embirração. Depois do Cortez tinha que haver outro saco de pancada dos benfiquistas. Os rivais agradecem!

luis disse...

Chiça até o tempo parou.
Rei Artur, pontapé de moinho e parem lá com o circo que a barraca está montada.
Para apostar num Guarda Redes a confiança é fundamental... para tremer basta analisar o artur nos primeiros 20 minutos da 2ª meia final, daquela meia que se perdeu em braga do sócio salvador. Estava o príncipe do outro lado e o lado do mijado já lá estava... faz belas defesas e deixa-se cair bem nos golos.
Mas agora resta fazer dele um herói, porque se houvesse um Imperador de selecção, acabava a discussão.
Assim como a do nº7( cont...0 )... a necessidade de o 5, ou outro médio ali para as soluções defensivas logo aos primeiros dias da pré época.

Nota:...entre Benfiquistas não vai haver necessidade de discutir a carreira do 50... até podem discutir se vai ter 7 anos como o nº7 tem a camisola do Clube do Eusébio, o Verdadeiro Rei.

DeVante disse...

Quando a "linha de embirração" apontava a Roberto e Moretto estava tudo bem. Já Artur é que não. Ele pode dar frangos atrás de frangos que a malta o defende porque a mulher veio dar uma entrevista sublinhando o seu benfiquismo e o seu orgulho em representar o Benfica.
Jogador que compromete, vezes sem conta e em momentos cruciais não deve jogar.
Mas no Benfica parece que pode. Desde que seja benfiquista desde pequenino.
O Artur é limitadíssimo em vários aspectos, a saber: a sair da baliza, a repor a bola em jogo, nas bolas aéreas, a jogar com os pés. Já viram o redes do Liverpool?

Pedro disse...

" mas não é por ele que sofremos a quantidade absurda de golos que sofremos"

Verdade. Mas não é por ele que os deixamos de sofrer. Erros todos cometem, uns mais que outros, é verdade mas frangos todos os gr's cometem. Artur tem os deus defeitos e suas virtudes. Como todos. O problema é que Artur não dá mais que isto, não tem aquele "algo" que o faz safar a equipa, ganhar pontos, conquistar campeonatos.

O golo do Kelvin que todos falam é elucidativo. Artur tem culpa naquele golo? Claro que não. Era possível fazer melhor? Obviamente que sim.

Tem sido frequente nos golos que o SLB sofre: a defesa falha e é golo. Ou seja, Artur não salva a equipa. E um gr de topo tem que salvar muita vez. E isto não é ser injusto para com Artur, é a realidade. Ele não tem culpa nos golos mas em muitos fica a sensação que era possível fazer melhor. E para mim num gr isso é fundamental.

Kiddo! disse...

O Artur é bom guarda-redes! Tem lacunas a jogar com os pés que terá que reparar ou deixar de inventar quando lhe atrasam a bola!

PP disse...

Só apetece-me dizer-vos uma coisa: o Rei vai nu!!!!

Eu acho que a fase de dar o "desconto" ao Artur já passou à muito. Já passaram cerca de 6 a 9 meses desde que a performance do guardião brasileiro decresceu.

As pessoas não gostam do Paulo Lopes, muito bem, embora acho que ele com os pés é muito, mas mesmo muito melhor que o Artur.

Mas, mesmo assim, há um puto chamado Oblak que foi dos melhores guarda-redes da 1ª Liga na época passada, que deve estar cheio de ganas para jogar e que se não for agora, então só será quando o Artur meter os papeis para a reforma, que o esloveno irá ter uma oportunidade para jogar.

Não será mais embirração do corpo técnico do que dos adeptos? Não acham que os adeptos já sofreram demais com esta história?

Já agora, sobre o Oblak, não estou à espera que ele logo no primeiro jogo deixe a baliza inviolável, pois o Benfica tem problemas defensivos que ultrapassam um pouco o raio de acção e intervenção do guarda-redes. Com esse ponto concordo contigo JNF. Mais a mais, não é apenas num jogo que se avalia um atleta. Mas, dava-lhe a confiança de fazer uma série de 5 jogos até para se entrosar com os restantes companheiros. Acredito que a motivação, a ambição e o talento do esloveno sejam mais que suficientes para singrar no onze titular.

Poderia até servir para o Artur pensar melhor sobre as suas performances e ver que não tem nada como garantido.

Outra coisa: não deixa de ser curioso que o Benfica tenha feito a sua primeira "clean sheet" desta época, num jogo da Liga dos Campeões. Gostava de saber qual foi o prémio de jogo para isso para certos jogadores...

JNF, já pensaste que se calhar para a forma como o Benfica defende ele precise de um guarda-redes que saiba ser um líbero em campo? No jogo frente ao Paços, notou-se essa necessidade, tanto num lance na primeira parte em que a bola é salva na linha pelo Luisão, como no lance do golo do Rúben. Em ambos os casos, o Artur ficou no vai e não vai. Anteontem, na Luz, vi o Artur a ter uma saída da sua área, numa situação que não necessitava. Acho que deve ter ouvido nas orelhas e quis mostrar serviço a todo o custo. Isto demonstra enorme intranquilidade (para além da sua linguagem corporal ser terrível - está sempre a olhar para o chão) e incapacidade para ler direito o jogo.

Para mim é necessita claramente de banco!

Se não tivéssemos mais ninguém...

Rennie disse...

Os frangos que deu contra o Porto só não os dá mais porque os adversários são mais fracos que o Porto!! Ou acham que se em vez do avançado do Anderlecht fosse o Jackson Martinez neste ultimo jogo da champions que ele nao tinha dado um frango no fim do jogo? Sao muitas situações e ja sao demais!!

Contra adversários de qualidade ele demonstra o que realmente é....medíocre! Defender remates dos Balboas desta vida até eu defendo.

Anónimo disse...

2012/2013 -

Porto - Benfica - Entrega de bola ao J. MArtinez - golo do Porto
Nacional - Benfica - péssimo jogo do Artur - frango no sgundo golo do nacional
Benfica - Celtic - frango no golo do celtic mas safámos
Benfica - Estoril - frango gigante a livre do r. carlos do Sporting
Porto - Benfica - abordagem infeliz no golo em que a bola ressalta no MAxi na zona lateral fora da área.
Benfica - Guimarães - culpa nos dois golos do Guimaraes.

2013/2014 -

maritimo - Benfica - penalty absurdo que dá o 1º golo do maritimo.

Benfica - Paços de Ferreira - saída absurda e golo do Paços

benfica - Anderleste (como diz o Jesus) - saída absurda e bola perdida no ar com o belga (arbitro marca falta inexistente); golo sofrido em que é mal batido (árbitro acaba por marcar be m fora-de-jogo); péssimo passe para o adversário.

Isto do que me lembro

DeVante disse...

Está mais do que claro que Artur não tem qualidade para a baliza do Benfica. Para mim isto é óbvio.
Mas lá está, um clube de filhos e enteados, onde alguns jogadores parecem ter lugar não pela sua qualidade futebolística mas por outras coisas que alguns pensam que representam, ficamos nisso.

Qual deve ser o sentimento de Oblak, jovem, com um percurso meritório na primeira liga, vendo o Artur a comprometer vezes sem conta e a continuar de estaca?
O Casillas foi ao banco no Real, no Benfica isso nunca se passava...

JNF disse...

DeVante (1) e PP (2):

1 - Cá vamos nós outra vez para as insinuações. Um clássico, DeVante. A "linha de embirração" de que falas tem aspectos curiosos. Se andasses atento, ou se te quisesses informar devidamente, saberias que ainda antes de calçar no Benfica, o Roberto já tinha levado o rótulo de "incapaz" da minha parte. Porque é efectivamente mau. Como era o Moretto. Não são embirrações, são factos. Mas já que falas em embirrações, deixa-me que te deixe uma provocação: és assim com todos os jogadores ou só com os brasileiros? Artur, Luisão, Bruno César... tantos ódios de estimação que não o justificam? Não percebo.

2 - Nós defendemos mal. Isso é ponto assente e todos concordamos com isso. Para mim, contratar um GR com outras características não é solução. Por um motivo muito simples: o que se tem de fazer é passar a defender melhor. É evitar aquela série de erros defensivos que apontei no post.

Henrique disse...

"O problema dos múltiplos golos que o Benfica sofre jogo após jogo não é do guarda-redes. Artur tem limitações, é certo, sobretudo no que ao jogo de pés diz respeito, mas não é por ele que sofremos a quantidade absurda de golos que sofremos."

O ano passado, para o campeonato, sofremos 20 golos, apenas mais 6 que a super defesa do porto. Desses 20 que sofremos, uma boa meia dúzia foi por frangalhadas do Artur. Fosse o Helton o nosso guarda-redes e tínhamos ganho o campeonato fácil, apesar de todos os erros que cometemos. Mas pronto, uma média de 0.67 golos concedidos por jogo é absurda que se vai fazer.

Sandro disse...

o artur nao é guarda redes para o Benfica. Tem muita culpa na epoca passada, errou com os porto na luz e nos 2 golos do dragao,errou na madeira,errou com o estoril,enfim, quando perdemos pontos ele errou sempre. eu ja o vi fazer defesas impossiveis,mas é um guarda redes muito curto para o Benfica. Oblak nao pode porque é muito novo? tretas,casillas,valdes,cortouis todos eles a defender grandes equipas desde novos. e tambem o de gea no atletico

DeVante disse...

JNF, junta a estes o Rodrigo.
Mas o Ramires é bom, o Isaías, o Valdo, o Mozer, o Ricardo Gomes foram bons, de facto!
Os mesmos factos que constituem os frangos que Artur consentiu, nos jogos cruciais. Isso, em equipas construídas para vencer dá banco, no mínimo. Como deu no Real Madrid. Mas no Benfica não é assim.
Não me embirro com brasileiros que têm qualidade. Só isso.
A idéia que passamos é de um clube com lugares cativos. Onde há gente que, faça o que fizer, tem o lugar reservado, mesmo que tenha qualidade questionável. Luisão e a pré época na Alemanha diz-te algo?
Essa mentalidade é que tem de acabar no Benfica. Mas deve ser por isso que não arranjamos um treinador de renome, porque dificilmente aceitaria uma coisa destas. Como Trapp não aceitou continuar com Moreira depois do Restelo e as lágrimas carpideiras que se seguiram...

DeVante disse...

Ah, o Bruno César eu disse há muito que não tinha qualidade para o Benfica, depois foi o que se viu. O Rodrigo idem.
Essa gente tem uma virtude: sabem disfarçar as suas fragilidades, correndo à parva, fingindo suar a camisola ou deixando tudo em campo; beijando o escudo do clube, tentando passar a ideia que são benfiquistas desde pequenino e, finalmente, concedendo entrevistas a reforçar esse suposto benfiquismo. É disso que não gosto. Porque é artificial e falso.
Por isso os adeptos preferiam Bruno César ao Gaitán e Rodrigo ao Cardozo, porque Rodrigo passava a falsa imagem de que formava uma dupla "mais móvel" com Lima e Bruno César porque dava mais equilíbrio que Gaitán...tudo falso.

benfiquista desiludido disse...

sinceramente não percebo alguns benfiquistas. então não é que acham que o culpado do titulo do ano anterior seja o artur.
os verdadeiros culpados da perda do titulo do ano passado foram em minha singela opinião os seguintes por ordem decrescente:

1.º LFV - não se admite que um presidente falhe ao jogo do estoril, um jogo se tivessemos ganho seriamos camppeões, ganhariamosa taça e quiçã a e liga europa.
2.º - jj- inventou no jogo com o estoril ao apostar na mesma equipa que tinha jogado com o fenerbache, a equipa estava rota era preciso continuar a rotação do plantel que estava até então a darresultados.
é este o que falha sempre nas alturas decisivas
3.º os gatunos dos arbitros- golo em fora de jogo com o estoril, etc, etc, etc
4.º o maxi pereira- este sim é que deve estar a jogar com outras ordens pois falhasempre nas horas decisivas. no jogo com o porto ondeandava ele ao minuto 92. estava no ataque quando deveria estar no seu devido lugar. reparem bem nos dois ultimos tres anos ele falha sempre nos jogos decisivos

PP disse...

JNF,

É verdade que defendemos mal, mas também é verdade que temos vindo a melhorar jogo para jogo.

Em termos de quarteto defensivo penso que já estamos a um nível bastante bom, se formos a ver as últimas duas exibições.

O que falhou nelas, foi a insegurança e o mau jogo de pés do Artur. Estive no estádio frente ao Paços de Ferreira e vi que a nossa linha defensiva jogava bem subida no terreno por instruções do Jesus.

Neste tipo de abordagem o guarda-redes precisa de ser uma espécie de líbero. Mas, Artur ou porque não está nada confiante, ou porque não tem o nível técnico e táctico necessários para cumprir com essas funções. A meu ver Oblak merecia neste momento ser opção.

Conde de Vimioso disse...


Não concordo com o teor do post logo eu para quem a confiança ((total)) no ""rei vai nu"",

Há lances, alguns foram aqui mencionados que não têm explicação plausível e eu acrescento o ultimo golo com o Paços de Ferreira. Sai não sai e para a meio.

Será que este insubstituível tem paragens cerebrais ??? É complicado.

Depois o argumento que o Oblak pode falhar, que só tem 20 anos, que a pressão e tal, não cola.

Artur não serve mas continua porque isto mais aquilo e por esse prisma vai ter que estar na baliza do Benfica até aos 50.

E se nós compramos um consagrado e nos sai uma espécie de Roberto ???

Oblak a titular ... já e de certeza que não desilude.



JNF disse...

Henrique (1), De Vante (2), PP (3), Conde de Vimioso (4):

1 - sim, é absurda tendo em conta a falta de qualidade das restantes equipas desta Liga.

2 - sobre as atitudes de Luisão (seja na Alemanha ou os choradinhos todos os anos na Portela) estamos de acordo. Um grande jogador dentro de campo mas não é um atleta à Benfica fora dele.

3 - como é que temos melhorado de jogo para jogo se andámos a levar golos em 19 jogos oficiais consecutivos?

4 - [em resposta ao que postou noutra caixa de comentários deste blog] a moderação de comentários está à responsabilidade dos autores do post. Nos meus posts, eu modero os comentários. Se não o posso fazer atempadamente, paciência. Há quem acorde às 6h30 da manhã para ir trabalhar.