sábado, 28 de abril de 2012

Força, Sporting - vence por nós!

Acreditemos na vitória do Sporting. E com muita força. Pode ser que as energias mentais de 14 milhões de adeptos possam empurrar mais a bola para a baliza da Académica, visto que será de esperar um jogo mais fraco por parte dos jogadores leoninos - as expectativas baixaram, o sonho acabou; todas as equipas, por mais fortes que sejam mentalmente, sofrem para regressar ao espírito competitivo após uma eliminação como a de ontem, em Bilbau.

A História entre o nosso clube e o Sporting tem muitos episódios deste estilo: umas vezes um precisou do outro para ser campeão; outras, um deixou de sê-lo por um resultado indesejado do outro. É também disto que se fazem as grandes rivalidades, de momentos dúbios, janelas estranhas para o absurdo, em que somos forçados a torcer por um clube que, em 99,9 por cento do tempo das nossas vidas, queremos que perca. E na Segunda todos queremos que o Sporting ganhe.

O cenário é simples: hoje o Braga perdeu - excelente resultado logo à partida porque é o Braga, antiga instituição nobre e honrada e hoje um clube pequeno feito criança de saltos altos copiando o tio que é ladrão. Mas mais do que isso: perdendo, ficará a 6 pontos do Benfica, caso vençamos em Vila do Conde, o que nos dará pelo menos o 2º lugar e a entrada directa na Champions. Mas fundamentalmente - e mais importante ainda do que as duas anteriores - porque abre uma porta para o Sporting poder chegar ao pódio. E isto, naturalmente, interessa-nos. 

Se os de Sá Pinto vencerem a Académica, ficarão a 3 pontos dos bracarenses, a 2 jogos do fim. O que quererá dizer: entrarão como leões no Dragão na jornada a seguir, em busca da vitória para depois conquistarem o bronze em casa contra o Braga, na última jornada. É o que resta ao Sporting: vencer a Académica, ir ao Porto ganhar e acabar com uma vitória em casa. Só assim chegarão ao terceiro lugar. Torçamos, pois, todos pelo Sporting.

A conspiração e a realidade histórica exigem-nos, no entanto, a reflexão: "e se os gajos não quiserem dar o título ao Benfica?". Não querem, não quererão nunca, mas não têm outro remédio que não o de tentar vencer os últimos 3 jogos. Isto por um motivo simples: o clube está falido. Tecnicamente falido. Mais uma ausência da Champions será um descalabro com graves consequências para o futuro da instituição. Toda e qualquer possibilidade que tenham de ainda poderem agarrar o hino da Liga dos Campeões será visto como uma bênção divina. Não têm por onde fugir: ganhem e dêem-nos o campeonato, se fizerem o favor. Estivessem folgados no terceiro lugar - poiso já de si de sonho para o clube - e não temos dúvidas de que no Dragão passear-se-iam sem grandes rugidos. Assim terão de comer a relva e, se possível, os jogadores do Porto. É assim mesmo o futebol: cruel, de tempos a tempos.

E pensar que podíamos estar agora de papo para o ar, quase campeões - este campeonato, a ser perdido, vai ser das coisinhas mais estúpidas alguma vez perdidas em toda a nossa história. Afinal, andamos de calculadora em riste, imaginando milagres consecutivos e combinações quase impossíveis. 

Claro que este cenário - 2 vitórias do Sporting (a última não nos interessa para nada) e 3 vitórias do Benfica - só nos dará o título se, nos outros dois jogos (Marítimo e Rio Ave, fora), o Porto perder pontos, basta um empate num deles. Demasiada matemática? É provável, diria mesmo: quase impossível. Pelo futebol em si e por outros factores que conhecemos já lá vão 30 anos. Mas Aimar me atinja já com um raio na tola se não tenho ainda, mesmo que ténue e nublada, uma esperança enlouquecida em agarrar o 33 na mão. Quando isso deixar de acontecer, afoguem-me, que estarei irremediavelmente são.

22 comentários:

Sporting até morrer disse...

Caro Ricardo,

Tudo isso é uma bela matemática, mas mesmo assim parece continuar a ser mais fácil o Sporting ficar em 3º do que o Benfica ser campeão e talvez nem seja necessário o Sporting ganhar no Dragão.

Bastará que o Braga mantenha a série negra que vem fazendo desde o jogo da Luz.

Lamento, mas este título será mesmo dos FCP.

SL
José

MM disse...

É nestas alturas que melhor te contradizes Ricardo:

"Antiga instituição nobre e honrada e hoje um clube pequeno feito criança de saltos altos copiando o tio que é ladrão."

Ultrapassada a falta de respeito evidente pelo SC Braga (já agora, no post abaixo alguém diz uma coisa muito verdadeira sobre o título «esta merda» associado à camisola do teu clube; apontamento muito verdadeiro), mas ultrapassada a falta de respeito pelo SC Braga ora dizes que o presidente do teu clube abençoa o presidente do SC Braga (embora não o torne padrinho do SC Braga; corolário da contradição) ao mesmo tempo que afirmas o FCP padrinho do SCB (contradição).

Como é claro não é nada que os teus leitores percebam: falas para eles e no fundo subscrevem-te quando um pouco inutilmente pretendes sugerir que o teu clube passa mais um ano sem nada ganhar porque "estão todos contra ele", afilhado(s) e padrinho: visão desviante, falsa e inutil sobre o teu próprio clube nas opções que (essas sim) o penalizam.

Enorme contradição e falta de respeito pelo SCB. Queres à força que o teu clube seja diferente do FCP, mas não consegues. Age em conformidade e usando do teu próprio critério fala um bocadinho mais de verdade.

Já a falta de respeito pelo SCB, só tu intimamente podes emendá-la.

Abraços.

MM disse...

PS.

Falhas redondamente nas conclusões tiradas do jogo de ontem e consequentemente sobre o Sá Pinto. Não te desvies das primeiras impressões; são essas as certas e são motivo para que vejas a próxima época com alguma preocupação, quando para mais já começou a silly season e respectivas "estranhas" contratações por parte do SLB.

Ricardo disse...

Caro José, como há-de entender tudo isto são contas feitas sob a luz da esperança. Não pretendo ser muito lúcido, como é evidente. E espero que o meu caro esteja equivocado e que o "lamento" afinal não seja o nosso - benfiquista. Saudações gloriosas.

MM, são palavras que pões nas minhas mãos, como é costume teu. Todas as dissertações sobre contradições do que eu digo existe, sim, mas na tua cabeça e só aí.

Quero à força que o meu clube seja diferente do FCP? Meu caro, o meu clube é diferente do Porto e até do teu - a menos que alguém do Benfica tenha andado a colocar 2000 euros na conta do fiscal de linha e depois, não satisfeito, se tenha mantido como Vice e dono do clube, como é o caso do polícia que vocês lá têm que, entre outras coisas, manda incendiar estádios alheios e usa da força ilegal enquanto agente de autoridade.

Vai a Braga um dia ver um jogo contra o Benfica. Depois fala. É que estar a uns milhares de quilómetros deste país nem sempre tem vantagens.

Sobre o Sá Pinto, voltas a equivocar-te e a colocar palavras que eu não escrevi. Um jogo não me serve para mudar impressões que vou construindo mas 10 podem servir. E, portanto, um - em que noto erros claros - serve de um indício que, no futuro, será corroborado ou não.

E não te esqueças nunca de uma coisa: as análises que faço ao Sporting - quando não estou a brincar e a atirar farpas de rivalidade quotidiana - não têm ódio nem traumas. E portanto são justas, na medida em que são minhas, e honestas, na medida em que vivem apenas pelo prazer da análise. Não vivo obcecado com nenhum outro clube que não o meu. E isso é bom e dá alegria ao adepto.

Para bem de todos, espero que Sá Pinto confirme todas as muito boas impressões com que fiquei dele até ao jogo de ontem. Ainda assim, não tenho qualquer "preocupação" em relação ao que pode o Sporting fazer porque o cancro, como no Benfica, está muito acima das competências dos treinadores. Mas confesso um ligeiro incómodo (e tu também, provavelmente, pelo menos se fores vertical): aquele Cristóvão é má rês. Se o deixarem, vai corromper até aonde o deixarem ir. Mas pensa tu nisso que é problema vosso.

E ganhem à Académica, se conseguirem, que eu agradeço.

Nuno Pinho disse...

Os acontecimentos que pautaram a temporada dizem-me que as chances são muito reduzidas, mas a ponta de loucura que me leva a acreditar ser possível recuperar o título não se apagou. Este não é um desporto racional.


-> Como ficam as contas da Liga com o Leiria de fora?

Ricardo disse...

Nuno, se fosse não tinha graça nenhuma. Ainda bem que somos doentes. É bom estar doente pelo Benfica.

As contas alterar-se-iam drasticamente. Não tenho a certeza disto mas que seria assim: todos os jogos em que o Leiria entrou seriam anulados. Acho. Não fui ver nem sei. Se for esse o caso, poderá mudar alguma coisa na luta pelo terceiro e quarto lugares. Na frente, não, porque Porto e Benfica venceram esses 4 jogos.

Este futebol lusitano é uma anedota que só visto.

JC disse...

Ricardo, na prática não muda nada nos lugares da frente mas pode mudar. O Benfica cola-se a um 1 ponto do fcp - embora com mais um jogo, é certo -, e é aqui que o factor psicológico pode ser determinante.

Nuno Pinho disse...

Ou seja, o Benfica só volta a jogar na Luz na próxima temporada...
Sim! Agora percebe-se melhor a proposta de alargamento da liga a 18 clubes.


-> disseram no anterior tópico que a busca no mercado holandês implica que a equipa seja orientada por um holandês na próxima temporada. Não creio. O Wijnaldum, por exemplo, já é seguido há algum tempo pela equipa de prospecção do Benfica. Lembro ainda que, na época passada, foram apontados vários jogadores do campeonato belga como reforços. Não foi por isso que fomos treinados pelo Preud´homme. O mercado brasileiro mudou bastante com o crescimento económico de 4% ao ano.

Ricardo disse...

O Benfica só ganhou um jogo ao Leiria, não os dois, como é óbvio.

Nem mais, JC. Acaba por ser relevante nesse aspecto, mas não sei... isto vai mesmo acontecer?

Certo, Nuno, mas espero que apostemos nesse e noutros mercados europeus, em vez de apontarmos constantemente os olhos para a América do Sul. Há aqui melhores e mais integradas opções.

bjorn disse...

4 pontos, 3 jogos. infelizmente não me consigo fazer acreditar em cenários idílicos com marquês vermelho à mistura

Ricardo disse...

Bjorn, se eu conseguisse, estava como tu. Isto só faz com que um gajo acabe ainda mais deprimido - de todos, este é capaz de ser o ano em que mais me custa não ganhar o campeonato (se não o ganharmos). Estava ali tão nosso, tão certo e vimo-lo fugir.

Atenção: se o Leiria sair mesmo da prova, altera aqui algumas coisas: para além do factor psicológico que o Benfica poderia alcançar (se ganhar o jogo de Domingo e o Porto perder pontos, entra na penúltima jornada à frente dos tripeiros), o Braga ganha uma vantagem crucial sobre o Sporting, o que fará com que os gajos entrem no Dragão com menos gás.

Por outro lado, ainda há a questão de saber quais os jogos nos quais o Leiria participou a anular - não é limpo que sejam todos. Há quem diga que só os do último mês.

Meus senhores, é isto o futebol português.

moleculasdeamor disse...

O Porto perder o campeonato - porque é disso que se trata = à eliminação do Real e do Barcelona na Champions... alguém acredita?
Seria sempre um campeonato à La Trapatoni, mas seria um campeonato... mas talvez ainda mais suspeito será a carditar que isso tudo acontece e o benfica a ganhar os jogos que faltam... impossíveis não existem...

António Costa disse...

Meus caros,

Pelas minhas contas se os jogos com o Leiria forem anulados o cenário será este.

O Benfica ainda jogaria com o Leiria na próxima jornada, logo só nos faltam 2 jornadas e um total de 6 pontos em jogo, Ou seja teríamos 59 num total de 65.

O Porto teria 60 mas com possibilidade de fazer 69 em 3 jogadas, ou seja continuaria a necessitar de 2 vitórias para ser campeão.

Por isso não muda nada, vamos precisar de Maritimo, Rio Ave e Sporting para roubarem pontos ao Porto. Só assim podemos ser campeões.

No fundo não acredito, mas é este o cenário...

Benfica Sempre

Mike Portugal disse...

Ricardo,

Penso que há uma regra que diz que resultados em jogos com 30 ou mais dias já estão homologados e não podem ser alterados.

Pedro disse...

Eu não consigo agarrar-me a essa crença até pq, honestamente, não a tenho. Hoje o porto vai cilindrar o Marítimo e para a semana faz a festa em casa com os amigos de verde. E nem sequer acredito que consigamos vencer os 3 jogos q faltam.

Totalmente descrente desta equipa? Claro que sim. Como podia ser diferente?

José Miguel disse...

Toda a gente sabe que o mestre de obras das Antas colocará "toda a fruta na geleira" se preciso for pro Porto ser campeão.
Tá mais que visto que eles não jogam o mínimo que chegue pra levantarem o caneco mas já à 30 anos que ouvimos esta lenga-lenga e quem tem ganho mais vezes são eles sabemos todos muito bem porquê...

JNF disse...

É delicioso ver estas pobres almas a desejar ver o Porto campeão. Que patetas. Afinal de contas, é o Sporting.

Ricardo disse...

Moléculas, este campeonato, ganho ou perdido, terá sempre a sombra de o termos desperdiçado quando o tínhamos na mão. Disso poderão esquecer-se os resultadistas, eu não me esquecerei de certeza. Dito isto, que possamos ter a oportunidade de ver uns boçais virem aqui insultar-nos por ainda termos ido a tempo de resgatar o caneco. Por favor, Valdo sagrado, que eles venham todos e aos magotes.

António, o que muda é a questão mental. É só essa que pode mudar - o Porto entrar no Dragão pressionado. De resto, é isso.

Sim, há, Mike, e por isso falei que ainda está em discussão. Há quem defenda que todos os jogos do Leiria serão anulados e quem alerte para uma lei que obriga os jogos de há um mês para trás a serem considerados nas contas finais. Vamos ver no que isto vai dar. Mas é vergonhoso.

Pedro, isto é um exercício de estilo ao mesmo tempo que dou espaço ao sonho. É lógico que o mais simples e natural é o Porto ganhar hoje, nós empatarmos em Vila do Conde e está encontrado campeão. Mas há coisas que não se explicam e eu ainda tenho aqui uma luzinha a acender e a apagar. Se calhar porque não quero mesmo acreditar que perdemos este campeonato desta forma Pode ser isso.

José, hoje prevejo um jogo daqueles, à anos 90. Vai dar para tudo.

JNF, estão na luta pelo 4º, com sorte 3º lugar. O que é que tu esperas dos pobres sportinguistas? Eles querem uma alegria, pronto, deixa-os estar. E a alegria é preferirem que os corruptos ganhem. É assim que eles são, o que é que vamos fazer?

Pedro disse...

Que os Maneis desta vida encham os nossos blogs a chamarem-nos todos os nomes possíveis por não termos acreditado até ao fim e que eles é q tinham razão e coiso...que venham todos!!!

Mas...o provável é só aparecerem lá para os lados da Luz para receberem a avença...

Constantino disse...

Ricardo,

Para termos um mínimos de esperança, os corruptos tinham que perder hoje... e do que já vi deste maritimo só dá empate por acidente e derrota azul por milagre. Fodemo-nos sozinhos, agora não vale a pena pedir a outros que façam o nosso trabalho. A minha mãe sempre me disse: quem quer faz, quem não quer manda. Nós não fizemos...

Abraço

Ricardo disse...

É verdade, Constantino, mas...

Gonçalo, como é óbvio, foste censurado. Deixa-me só saber uma coisa (e responde para o email, não precisas de responder aqui): achas mesmo que, em resposta ao MM, eu tenho a obrigação de ser lúcido? Um gajo que diz que o Benfica é igual ao FCP? Começa por criticar os teus, depois percebes as reacções dos outros.

José Miguel disse...

Caro Ricardo,

E não é que tinhas razão? Foi um jogo em que houve de tudo menos a vitória do Marítimo e verdade desportiva mas isso são pormenores como rezam os jornais desportivos de hoje.