terça-feira, 6 de novembro de 2012

1, 2 ou 3?

Tendo em conta as escassas soluções para o jogo de amanhã, como escolher entre os avançados Rodrigo, Lima e Cardozo?

Usar os 3, com Cardozo no meio, um na ala e outro mais atrás? Só um deles? Qual? Uma dupla? Qual?

Visto que Lima está em época de estreia e leva apenas 8 jogos de manto sagrado, fiz o comparativo com os primeiros 8 jogos de Rodrigo e Cardozo no Benfica - os números de minutos são diferentes pela diferente utilização que tiveram. Claro que é importante enquadrar esta estatística no conhecimento que cada um tinha do futebol português antes de chegar ao clube (só Lima tinha esta "vantagem", por exemplo) e a qualidade das equipas do Benfica que encontraram na sua primeira época (Cardozo tem algumas atenuantes, neste particular). 


De qualquer forma, o estudo revela dados interessantes:


Rodrigo - 8 primeiros jogos no Benfica (406 minutos) - 5 golos

Lima - 8 primeiros jogos no Benfica (606 minutos) - 7 golos

Cardozo - 8 primeiros jogos no Benfica (545 minutos) - 2 golos (1 de penálti)



22 comentários:

Pedro disse...

Lima e Cardozo. Rodrigo como opção de banco.

Anónimo disse...

Só Lima na frente.

Ricardo disse...

Nelson Oliveira - 8 primeiros jogos no Benfica (399 minutos) - 2 golos

Anónimo disse...

Incrivel a quantidade de golos falhados do tacuara, não é mau mas aqui é que se vê a diferença entre os jogadores. Para mim já é a 3a opção.

Mr. Shankly disse...

Lima e Cardozo, claramente. Rodrigo é o pior tacticamente (embora seja talvez o mais talentoso). Lima tem sido um achado, faz as movimentações que fazia Saviola, mas com mais velocidade, agressividade e poder de fogo.

Pedro disse...

"Incrivel a quantidade de golos falhados do tacuara"

LOL
Mais um mito que pegou. É para juntar ao do clube do regime e calabote.

Ricardo..os três juntos? Estás a dar em Jesus é? Seria um erro colossal.

Vozes Encarnadas disse...

Para mim Lima e Cardozo, neste momento a dupla que funciona melhor agora.

Em relação as estatísticas, como o Ricardo realçou a diferença entre o conhecimento do futebol português/europeu: Lima a jogar cá desde 2009 (3 anos); Rodrigo a jogar em Espanha, Europa, desde 2006 (pelo menos); Cardozo veio diretamente da Argentina.

Isto faz toda a diferença.

Ricardo disse...

Anónimo (09:05), será assim tanta essa quantidade?

Excelente início de época e clube, Shankly. Que se mantenha assim.

Pedro, dei soluções. Não concordo nada com essa, como é evidente.

Vozes, se metes os dois, como é que orientas o meio-campo?

jzz disse...

Oscar e Lima, a melhor dupla de avançados dos últimos (largos) anos.

É incrível como é que ainda há quem questione o Tacuara....

Vozes Encarnadas disse...

Ricardo, como temos jogado nos últimos jogos. 4-4-2 praticamente puro.

A unica alteração é mesmo o Matic pelo André Almeida, que até acho que mais cedo ou mais tarde vai fazer melhor que Matic.

Artur, Maxi, Jardel, Garay, Melgarejo, André Almeida, Enzo, Ola, Salvio, Lima e Cardozo.

Aqui as minhas duvidas são se não metia mesmo André Gomes e Gaitán. Problema do André Gomes era ter 2 miúdos no miolo e o Gaitán acho que não está bem fisicamente.

Mas a estrutura seria +\- sempre a mesma

luis disse...

Questionam o Tacuara porque são pessoas que não dominam minimamente o conceito futebol.

O paraguaio é muito mais do que golos mas também não vou estar a explicar pela enésima vez este assunto.

Quando lhes interessa comparam-no a Jardel (esse é que não se mexia, e não deixou de ser talvez o melhor de todos), ou então a Hulk, ou Falcao, jogadores de inegável qualidade mas que, pela comparação, só atestam, precisamente, a qualidade do Cardozo.

Cardozo e Lima, claro. Estão a entender-se muito bem e a marcar golos. Para os benfiquistas não interessa quem os marca, dede que marquem, são os melhores.

Rodrigo é uma opção de luxo.

Ricardo, apesar da pergunta não ser para mim, posso também responder.

Almeida e Enzo
Sálvio e Nolito (Gaitán)
Lima
Cardozo

John Billy #32 disse...

O pior jogo que o Lima fez foi com o Rodrigo ao lado.
Amanhã jogava com os dois na frente mais o dois putos no meio campo com a ajuda do Enzo e do Sálvio.

Anónimo disse...

Os meus caros brincam comigo certo? O tacuara não falha golos e golos vezes sem conta??? e é lento, participa pouco no ataque, pressiona mal. Se não vêm tudo isto então eu também posso achar que de bola percebem pouco, muito pouco mesmo.

John Billy #32 disse...

É isso anónimo. Só tu é que percebes.

Ricardo disse...

Vozes, concordo totalmente com a apreciação ao André Almeida. Não que esteja já apto a ser uma solução óbvia, mas é nele que deposito esperanças para podermos ter alguém - que não Matic - para aquela posição. Agora... lançá-lo num jogo da Champions será sempre correr riscos desnecessários se tivéssemos acautelado esta situação que era tão facilmente adivinhável. Mas sim, também aposto nele. A única mudança em relação ao teu onze é a do Ola pelo Nolito (Gaitán), como o Luís. Precisamos de experiência e controlo emocional. Ola John para ser solução de banco, caso o jogo esteja a favor.

O André Gomes e o Almeida ao mesmo tempo parece-me demasiado perigoso. Temos Pérez, esse tem de jogar sempre. No máximo, retira-se um avançado e coloca-se o puto. Mas prefiro manter a dinâmica Lima-Cardozo.

Luís, é o meu onze. Nolito, preferencialmente, mas não sei como estará a nível físico.

John, como disse ao Vozes: os dois Andrés é capaz de ser demasiado arriscado.

Anónimo, falha alguns, como todos. Até acho que, em comparação, falha poucos. E marca muitos.

O Cardozo tem o perfil dele, que não é o do Lima ou o do Rodrigo. É um jogador para estar na área, onde se movimenta de forma excelente. Com dois avançados como o Lima e o Rodrigo, é um luxo poder ter o Tacuara porque consegues criar duplas dinãmicas e que se completam bem. O Cardozo faz um trabalho dentro da área que não o serve só a ele. No próximo jogo, atenta bem na forma como ele desbloqueia espaços e arrasta a defesa adversária. Há muito do Cardozo para além dos golos.

A pressionar é fraco, concedo. E por isso compreendo que em certos jogos apareçam o Lima e o Rodrigo numa tentativa de sufocar o adversário - ou pelo menos condicionar a saída de bola adversária - em vez de aparecer o Cardozo. Já meter em causa a sua qualidade é um bocado não querer ver o óbvio.

Ricardo disse...

*dinâmicas

Vozes Encarnadas disse...

Sim eu também considero que André e Almeida juntos ali é muita pouca de experiência.

Acho que Almeida vai jogar, até porque não temos ninguém para aquela posição, a não ser que JJ se lembre do Sidnei (a onde está a madeira para eu bater?? está aqui...)

Em relação ao Nolito ou Gaitán aqui fica sempre a dúvida como estão eles fisicamente.

Enzo sim, recupera o seu lugar no meio, mesmo que eu ache que o seu futuro não passe por ali.

Boas noticias são o Bruno César, que pelos visto não está em condições e isso faz o JJ não pensar nele.

Agora a dupla Lima e Cardozo está muito boa, mesmo. Uma defesa só de pensar que lá vão estar esses 2 nem dormem.

hertz disse...

Vozes, não precisas de bater na madeira porque o Sidnei não vai jogar pois pura e simplesmente não foi inscrito na Champions.
O André Almeida é que deve ocupar o lugar de trinco e é provável ser ele a jogar mas ainda tenho medo que o JJ ponha o André Gomes a trinco em vez do André Almeida.
Bruno César quase de certeza será titular.

Vozes Encarnadas disse...

hertz então funcionou eu ter batido na madeira hehe :P

Seriam 2 erros bem graves.

O primeiro transformava o André Gomes se calhar num falhanço e depois a culpa era do puto.

O segundo, simplesmente não faz nada e é pior do que jogar com -1.

hertz disse...

Pronto, JJ já desfez as dúvidas: será o André Almeida a jogar amanhã.

Anónimo disse...

Sport Luis Benfica
O meu onze seria esse.
Artur, Maxi Jardel Garay Melgarejo, Salvio AAlmeida Enzo Nolito (Ola), Cardozo e Lima.

Espero uma boa assestencia que nos ajude a ganhar por 3 ou mais.

VITORIA SEMPRE!!! FORCA AALMEIDA FORCA BENFICA!!!

Benfiquista Tripeiro disse...

Eu começava o jogo com o André Almeida, Enzo, Gaitan e Salvio. Quando estivéssemos a ganhar por 2, tirava um dos dois da frente (Lima e Cardozo) e metia o André Gomes para reforçar o meio campo.