domingo, 23 de setembro de 2012

Inequivocamente... Xistra.

Sermos roubados é uma coisa que tem 30 anos de idade, é normal, estamos acostumados, já sabemos que vai ser assim. Houve tempos em que os Presidentes do Benfica lutavam contra isso; outros em que se mantinham isentos, em modo autista. Hoje vivemos tempos em que inequivocamente patrocinamos esta gente. Parabéns, cambada, em Outubro votem inequivocamente no gajo que inequivocamente apoia corruptos para a liderança dos órgãos de poder do futebol português.

E queixem-se. Queixem-se muito. A burrice ainda não paga impostos.

19 comentários:

Pedro Vagos disse...

O pior é que dizermos que perdemos pontos por causa do Xistra, é extremamente lisonjeiro para a exibição que fizemos.

Ricardo disse...

Discordo, Pedro. Acho que fizemos uns primeiros 60 minutos de grande qualidade. Depois voltou o Benfica mentalmente em ruínas.

João.D10S disse...

A fragilidade mental do Benfica, situação que é recorrentíssima, é aquilo que mais me dói. O pior de tudo foi entre o 1-1 e o 2-1. Com um a mais, nunca mostrámos ter estofo mental de equipa vencedora. A nossa mentalidade é deficitária - ainda pior que a nossa condição financeira! - não temos 'colhões'.
Enfim, mais um ano do mesmo.. e quem se lixa são gajos como eu que sofrem a bom sofrer! A quantidade de nervos que já tive hoje não tem explicação.

PS: inadmissível o número de 'golos feitos' que falhámos!!!

http://benficacomamor.blogspot.pt/

Fernando disse...

Muito fraco, como está escrito os roubos são algo que é normal então é necessário precaver essa situação. Este jogo, como disse JJ, teve oportunidades para estar a ganhar por 0-3 nos primeiros 15 minutos, mas esqueceu-se que ainda faltam 75 minutos para jogar em que é necessário criar mais oportunidades. Já agora, para quando Cardozo deixa de ser menino bonito de JJ? É que mais uma vez demonstrou que só marca penaltis e livres e para o resto é um jogador mediano que é lento e precisa de ter pelo menos 1 metro em seu redor para fazer qualquer coisa e dentro da área não tem grande sentido posicional. Começo a perceber porque afinal no ano passado não existiu rotação de equipa é que mais uma vez verificou-se que não existe banco. Parecemos uma equipa mediana que só se sabe queixar do árbitros e não faz nada contra…… Realmente muito fraquinho

David Duarte disse...

Ricardo, não penso como tu. Porquê?

1. O primeiro penalty da Académica : é um facto que foi fora da àrea. Contudo, sem ver a repetição, pareceu-me obvio que foi dentro e penso que tu também (não?). Não queimo o Xistra por este lance mesmo sendo um erro.

2. Penalty para o Benfica. Mais um lance dificil. O jogador da Académica encolhe os braços num remate forte. No streaming em que vi o jogo pareceu-me que a bola vai aos tomates do defesa e não aos braços. O comentador inglês disse a mesma coisa. Contudo o streaming era mau e confesso que confiei no julgamento do comentador.

3. O segundo penalty da Académica. O pessoal tem de parar de dizer que là porque se toca na bola não hà falta. O Garay toca efectivamente na bola, mas ela ressalta no Cabral e segue em frente. Quem não pôde seguir em frente foi o proprio Cabral que no seguimento foi albarroado pelo Garay. Penso que foi penalty.

Com isto o que quero dizer? Foi mais uma arbitragem do Xistra que teve influência no resultado, mas para os dois lados. Alias, o a reacção do Maxi com um dirigente qualquer da Académica podia-lhe ter valido um segundo amarelo. Foi uma arbitragem mà para os dois lados.

Sobre o Benfica, discordo que tenham sido 60 minutos. Foram 10 ou 15, o resto do tempo com uma construcção de jogo muito pobre dependendo de jogadas individuais de Salvio, Rodrigo, Maxi ou Melgarejo. Defensivamente continuamos muito fragéis dando sempre muito espaço para os contra-ataques dos adversàrios. Vi um Benfica diferente no inicio do jogo, mas durou pouco tempo.

João Oiveira disse...

A burrice não é por votar neste ou naquele para presidente do Benfica.

Como disses-te já muitos lutaram contra isto. Vieira também já foi um deles na altura do processo apito dourado. E nenhum teve sucesso. Falando, não falando. Apoiando, não apoiando. O resultado foi sempre o mesmo.

O problema está em 6 milhões de Benfiquistas que continuam a ter estômago para verem isto sem fazerem nada. Não existe uma revolta. Não existe uma acção conjunta dos adeptos. Andamos feitos tolos a degladiarmo-nos. E muitas vezes nem fazemos isso pelo clube mas sim por pessoas. Andamos constantemente em guerras internas e a adiar à 30 anos uma revolta maciça contra este nojo de futebol. Ainda não percebemos que somos nós que alimentamos esta merda toda. Ainda não percebemos que somos nós que temos de acabar com isto.

Nuno Pinho disse...

Vi uma equipa muito forte que, à primeira meia-hora, podia ter arrumado o jogo - Cardozo, como é possível falhares aquilo?
Mas como não estou com grande vocação para a auto-flagelação à boa maneira benfiquista, digo apenas: mais do mesmo. Mais um roubo.

Gonçalo disse...

No dia em que não houver um Xistra para despejar as culpas para cima, talvez se chame à responsabilidade o treinador e o presidente.

Até lá, o Xistra é que vendeu dois jogadores nucleares e não os substituiu, pôs o Bruno César em campo, fez as bolas baterem no poste e falhou o penalty em Estugarda.

Conde de Vimioso disse...


Culpados?????????????????

Há um e chama-se Viera.

O meu Benfica já não existe pois o Sport Lisboa Benfica está falido porque também lhe roubaram tudo.

Marca, Estádio, receitas de quotização etc.

Os estatutos de uma SAD para a qual contribuí tinha um artigo que dizia:

A Marca e o Estádio seriam sempre do clube e a quem a SAD teria de pagar uma renda.

Mas os desse tempo eram vigaristas.

Continuem a bater palmas e a apoiar este chico-esperto e não olhem para o que aconteceu ao Rangers.

Depois digam que temos um estádio, um centro de treinos, uma TV, um jornal, um museu, uma rádio mas que nenhum está pago e o clube falido e sem titulos.

E digam também que eu é que sou o anti-Benfiquista.

Carlos Covas disse...

Quando o comandante do pelotao e fraco o que esperar dos soldados? Eles sao sempre os menos culpados. Alias a serem defendidos desta maneira so pode dar desanimos e vontade de sair do campo o mais depressa possivel. Eu penso que existe um sentimento de resignacao em que pensam que se nao rala que tem mais obrigacao de o fazer porque serao eles a tomarem as redeas do problema?

Fernando Arrobas da Silva disse...

O Benfica provavelmente até merecia ter sentenciado o jogo em Coimbra nos primeiros minutos .

Mas a "desculpa" da arbitragem está tão entranhada no seio do clube, inclusivamente entre os jogadores, que já todos desmotivam à mínima hipótese de o penalty ser "discutível" . Viu-se bem a cara de Jesus a seguir ao primeiro penalty, de Garay no segundo ou de Rodrigo já no banco . Urge uma mentalidade mais forte e o fim desta "reles" - e nada à Benfica - política de comunicação ! A cada dia que passa tenho mais saudades... saudades do (verdadeiro) Benfica...

PS - Um dia depois de pedir o apoio de todos os adeptos a todas as equipas do clube na inauguração de mais uma casa do Benfica, o Presidente não pode estar presente em Coimbra por motivos de doença. Assim não ha disciplina, não ha respeito e exemplo, não ha titulos e não ha historia .

http://www.youtube.com/watch?v=M3zHi83a0OM&playnext=1&list=PL8B5FADD1AABAB360&feature=results_video

David Duarte disse...

"Mas a "desculpa" da arbitragem está tão entranhada no seio do clube, inclusivamente entre os jogadores, que já todos desmotivam à mínima hipótese de o penalty ser "discutível" . Viu-se bem a cara de Jesus a seguir ao primeiro penalty, de Garay no segundo ou de Rodrigo já no banco . Urge uma mentalidade mais forte e o fim desta "reles" - e nada à Benfica - política de comunicação ! A cada dia que passa tenho mais saudades... saudades do (verdadeiro) Benfica..."

Pois Fernando da Silva e enquanto ela estiver tão presente nos adeptos também, nada mudarà. As arbitragens são um problema desde meados dos anos 80, contudo até 94 o Benfica era mais forte do que isso. Tinha atitude! Quantos jogos eu vi do Benfica a ser prejudicado e a ganhar pois antes de mais, era isso que interessava.

Exemplo simptomàtico : aquele jogo nas Antas em 91 onde o jogo porco atingiu limites nunca antes vistos penso eu e onde houve um penalty clarissimo sobre o Pacheco que não foi assinalado. Resultado final : 0-2 com muito coração!

Pedro Vagos disse...

Ricardo, não concordo contigo. Eu não consegui ver os primeiros 15 minutos (em que supostamente nos fartámos de desperdiçar) mas a partir daí... pouco. Muito pouco mesmo para quem já assumiu que o objectivo é "só" o campeonato...
E depois deitar tudo para cima do Xistra... quando andamos há anos com um Xistra no banco...

v.maria disse...

E viva a coerência! Os nossos não prestam, são uma vergonha, falaham escandalosamente, não jogam nada, blá, blá, blá. É inadmissível, o Cardozo devia marcar 50 golos, o Rodrigo 32 e o Lima no mínimo 27! %0 ataques, 15 cantos e não sei quantos remates e oportunidades flagrantes? Isso não interessa nada, insistem que não jogámos nada. No mínimo 8-0, com 3 golos de bicicleta ou sei lá o quê mais para satisfazer estes adeptos. Agora o árbitro "falhar"? Isso é normal, ai de quem fale disso, isso é dado adquirido e já temos que contar com ainda para mais o presidente apoiou. Vós que acusam os de opinião diferente de conformistas, adeptos do Benfiquinha e mais alguns piropos, onde está a tão proclamada exigência para com os senhores arbitros? Eu não apoiei ninguém da federação ou da liga, não votei neste presidente, era só o que faltavanão poder criticar os árbitros; e os muitos outros, eu e o treinador e jogadores que lá andaram a fazer o que lhes compete - sim, a obrigação é lutar, correr, dar tudo até cair para o lado(como aconteceu com o Sálvio) e isso fizeram-no, não correu bem e por enorme culpa alheia. Imagino que alguns estejam contentes por terem armas de arremesso

David Duarte disse...

é engraçado como a critica é imediatamente associada a alegria com os maus resultados do Benfica...

Tenho para comigo que é um projectar nos outros da atitude que alguns têm.

Ricardo disse...

V. Maria, mais uma insinuação dessas e serás censurada. Já chega de tanta boçalidade.

Ana Margarida disse...

David Duarte, ainda não percebi se és desonesto, mal intencionado ou, mais simplesmente, burro!

Então aquele corte limpinho do Garay é penalty?



Abre os olhos, não sejas palerma...

moleculasdeamor disse...

Com desculpa ou sem desculpa - fomos roubados!
8 oportunidades de golo!
Sem Luisão Javi e Witsel - fomos roubados!!!!

David Duarte disse...

Ana Margarida, eu jà expliquei por que razão penso que é penalty sim senhor. E se não quer que eu penso que a burra aqui és tu, tente explicar-me por que é penalty.

Contudo digo desde jà uma coisa para evitar-te o trabalho : o facto de um defesa tocar primeiro na bola não significa que a jogada é necessariamente limpa : é falso dizer o contràrio!