terça-feira, 18 de setembro de 2012

Se a memória não me falha...

A 26 de Junho de 2009, o Público dava, com o título «Vieira promete "mandato desportivo" para ganhar campeonatos», esta notícia:


«Luís Filipe Vieira prometeu hoje que se for reeleito presidente do Benfica irá liderar um “mandato desportivo”, de forma a ganhar vários campeonatos consecutivos e a consolidar um projecto “quase completo” em termos de infra-estruturas.

“Falta-nos conquistar títulos. Posso garantir que este mandato será para fazer obra nisso. Temos serenidade para investir no nosso ‘core business’ e ganhar não um, mas dois ou três campeonatos seguidos”, afirmou.»
Ora, se a memória não me falha, o Benfica desde 2009 venceu um e só um campeonato nacional. 
Se a memória não me falha, Vieira "garantiu" que pelo menos dois seriam ganhos e que este seria o verdadeiro, o incrível, o fundamental mandato desportivo, depois de 7 anos a equilibrar o clube e essas coisas que ficam sempre bem dizer a alguém que o que pretende é manter-se no poleiro, independentemente de isso significar sucesso desportivo do Benfica ou não. 

Se a memória não me falha, no Benfica nunca houve medo de mudar quando uma Direcção ultrapassa o nível suportável de incompetência.

Se a memória não me falha, em períodos eleitorais fazem-se promessas e apresentações de projectos que depois, nos mandatos, serão ou não corroboradas pela competência de quem as promete e apresenta.

Se a memória não me falha, verificam-se os resultados conquistados e comparam-se as promessas com a realidade. E chega-se a uma conclusão: se o trabalho teve a qualidade do prometido (e pelo qual os votos votaram massivamente a favor de uma candidatura), pensa-se na renovação dos laços; se não teve, muda-se e procura-se quem consiga definitivamente obter o sucesso que os anteriores não obtiveram.
Se a memória não me falha, os Presidentes que queriam bem ao clube, como verdadeiros benfiquistas, abdicavam do seu lugar quando achavam que o seu contributo não estava de acordo com o que é este clube.

Se a memória não me falha, no "mandato desportivo" de Vieira, para além de só termos vencido um campeonato, perdemos a oportunidade de o vencer no Dragão, vimos o Porto ser campeão no nosso relvado, não fomos uma única vez ao Jamor - sendo que, no segundo ano do "mandato desportivo", tivemos de assistir a 1-3 contra o Porto nas meias-finais -, perdemos uma meia-final da Liga Europa (para a qual fomos parar depois de uma horrível Champions e apenas porque um jogador do Lyon marcou um golo nos últimos minutos) contra o... Braga!, levámos 5 no Dragão, em 2010/2011 ficámos a 21 pontos (!) da liderança e, entre tantas outras verdadeiras pérolas desportivas, conseguimos perder um campeonato no qual tínhamos 5 pontos de vantagem a 12 jornadas do fim.

Se a memória não me falha, a não ser que para o actual Benfica todos estes resultados sejam sinónimo de sucesso no "mandato desportivo", este, como os outros, foi mais um mandato de "insucesso desportivo".

E, portanto, se a memória não me falha, e após tantas mentiras, promessas não cumpridas, omissões, enganos, desrespeitos, caóticas megalomanias para papalvo comer, frases bombásticas, discursos de autocomiseração e sacrifício (a família, o coração, a vida pessoal), ameaças de sair se não fossem atingidos os 300.000 sócios (já foram?), medidas tirânicas e ataques vergonhosos à história democrática do Benfica, penso que estamos perante um caso de verdadeiro autismo por parte dos benfiquistas.

Se a memória não me falha, nunca um Presidente do Benfica venceu tão pouco relativamente aos anos em que exerceu o seu cargo.

Se a memória não me falha, o Benfica ainda é o clube com mais títulos a nível nacional, embora nos últimos 18 anos (10 de Vieira) tenha conquistado apenas... 2.

Se a memória não me falha, enquanto Vieira esteve e está no Benfica o Porto, clube que nos persegue na contabilização de títulos, conquistou 8 contra os nossos 2 - sendo que um deles o vencemos mais por incapacidade dos adversários do que outra coisa qualquer. 

Se o futuro não me falha, se Vieira tiver mais dois mandatos e mantiver a excelente performance de vencer 1 em 5 campeonatos disputados, lá para 2020 teremos mais um título nacional (33) e o Porto mais 7 (33). 

Se a memória não me falha, isto não é definitivamente o Benfica.

11 comentários:

moleculasdeamor disse...

O Vieira é um mano que gosta de reinar com as palavras, eles e os seus dirigentes, ainda me lembro do outro senhor dizer que já não precisávamos de vender jogadores para endireitar as contas... ah a conjuntura e tal, no entanto as receitas subiram desde as declarações do dito senhor... e fico assim subitamente perplexo com esta nexexidade de benderi, e afinal ter um "passivo" descontrolado" na tem mali ninhum!
Será que esta direcção não conhece o valor das palavras???? O seu significado quer dizer????..

Bicadas de Aguia disse...

Pena é que a memória deste blog seja muito selectiva...
Não já cansa dizer só mal? Ou isto é o medo das eleições estarem próximas?

Passaralho disse...

A memória do blog é que é seletiva?... Porreiro, pá!

Luis disse...

O mais assutador de tudo é que não aparece ninguem. Estou completamente sem esperança no futuro. Nem nos piores tempos do Benfica sentia esta falta de esperança.

Ricardo disse...

Bicadas, é medo. Medo de ver o Benfica entregue a uma maralha de incompetentes e medo de imaginar o que pode acontecer a um Benfica sem oposição credível.

O Bicadas não refutou nada do que está escrito, o que quer dizer que o Bicadas não encontra mentiras no texto. O que quer dizer que o Bicadas sabe que o Benfica está neste estado. E ainda assim, o Bicadas defende estes senhores. É espectacular, este Bicadas é o verdadeiro benfiquista!

J.P. Gonçalves disse...

Pois é! Está tudo mal, nunca esteve tão mal, pior é impossível...
Então mas que raio de clube é este que tem dezenas de blogs e bloggers a condenar esta direcção, centenas a concordar com as suas opiniões, e que com não sei quantos milhões de adeptos, não consegue arranjar alguém capaz de enfrentar nas urnas de voto esta direcção? Dá para entender?
PS-Sou benfiquista.

David Duarte disse...

off-topic : Mais um golo do Saviola...

Li um artigo (penso no Eterno Benfica) que associava a baixa de qualidade do futebol do Benfica do Jesus com as cada vez mais frequentes passagens do Saviola pelo banco. Penso haver uma ponta de verdade nisso.

Velho do Restelo da Caparica disse...

Os 10 anos de LFV não so foram dolorosos como agora são exasperantes. Porque nós, benfiquistas, temos quase como adquirido que esta maré se vai prolongar por mais quatro ou sabe-se lá quantos mais anos.

E pior ainda, a maior parte dos meus amigos que torcem pelo Benfica (não lhes chamo Benfiquistas) parecem apoiar mais a "estabilidade" do que a "qualidade".

É óbvio que o Benfica precisa de estabilidade, mas esta não pode nunca estar dissociada da qualidade, e com LFV esta é muito duvidosa. Dolorosa, corrijo.

Os mais recentes erros desportivos, que culminaram com o (a roçar o ridículo) actual plantel do Benfica que, sabe-se hoje, perdeu Luisão até quase Janeiro (e vai Javi, e vai Witsel, e vai Luisão. E o lateral esquerdo, por onde anda? E o suplente do Maxi, que jogo sim jogo sim acaba com os bafos de fora após as desalmadas correrias para frente e para trás ao longo da lateral? E são gastos 9M num jogador que nem uma bola sabe dominar quando 9M dava para comprar, no mínimo, 3 suplentes para as posições em falta - e de boa qualidade!).

Tenho 22 anos, menos do que a idade mínima que uma pessoa tem de ter de sócio para se candidatar. Se não aparecer ninguém para concorrer com o LFV (nem me importava que fosse o candidato Bruno de Carvalho - se conseguisse uma boa percentagem de votos já era uma bela chapada de luva branca na cara do LFV)... resta-me chorar!

B Cool disse...

É medo de deixar de ver o Benfica como o clube que mais capeonatos conquistou. Nos anos 50 Otto Gloria fez o Benfica ultrapassar o sporting em profissionalismo e o Benfica ganhou as condições para ser o melhor em Portugal e com a vinda de Guttman atingiu o zénite, dominando não só Portugal mas também a Europa.

O grave é que um presidente que não percebe que não consegue levar o Benfica a ganhar consistentemente, pensou-se que teria criado essas condições com Jesus, mas está à vista que não é assim, não mostra o seu benfiquismo dando lugar a outro mais capaz.

Sr. Luís Filipe Vieira, obrigado pelo que fez até agora e adeus, não se recandidate para que possa aparecer uma alternativa que leve o Benfica de volta às vitórias. Não é com apoios a fernandos das facturas, nem com o actual treinador, nem com carraças, gomes ou outros anti-benfiquistas que pululam na estrutura da SAD.

E vocês benfiquistas estão satisfeitos com e mediocridade dos resultados, ou para vocês records de jogos a ganhar, futebol como nunca viram (são novos, o que se há de fazer ?), taças da liga, vendas de milhões, e outros títulos desses substituem as vitórias a sério ?

Grande texto Ricardo

Fake Blood disse...

Se a memória não me falha, este clube continua cheio de sócios acomodados contentes com o actual estado do clube.

Mais 4 anos. Foda-se.

Bicadas de Aguia disse...

Aqui eu não tenciono afirmar ser o verdadeiro benfiquista, deixo isso para blogs como este, sou um benfiquista que sofre pelo seu clube tal como muitos.
Não vou debater cada ponto das suas afirmações consigo porque seria inútil tendo em conta a linha editorial do seu blog.
A sua visão desta direcção limita-se apenas ao que encontra de mal e ao futebol sénior.
E é bastante limitada.