terça-feira, 9 de outubro de 2012

Clube-amor da minha vida

Conheci o Coluna d´Águias Gloriosas. Sim, aquele a quem eu chamei "maluquinho" e o qual me chamou Ricardette. Estávamos com muita vontade de nos atirarmos loucamente aos cabelos um do outro - nós a lutar somos assim: muito meninas - e acabarmos a contenda com um morto no chão. Felizmente conversámos. É verdade: não nos insultámos nem nos batemos, conversámos. E, após 3 minutos de conversa, já estávamos a rir dos posts imbecis que fizemos um do outro e a jurar eterna comunhão benfiquista até ao fim.

Serve este pequeno propedêutico para acalmar as massas. Somos seres humanos que andamos aí pela vida, à procura da melhor forma de existirmos consoante o que nos imaginamos bêbados. Ou então ao espelho. Acontece, bezano ou em frente a uma reflexão espelhar: "quem és tu?", e depois a humidade do banho quente apaga a cara e os gestos. Esquecemo-nos de quem somos. Atiramo-nos ao computador cheio de certezas e afirmações e, se alguém aponta o dedo incriminador, vamos em riste incriminar o outro. Esquecemo-nos do Benfica. 

Conheci o Coluna d´Águias Gloriosas nesses acasos que transcendem as assertivas discriminações de teclado. E vi um homem de um benfiquismo sem mácula, de uma honestidade transbordante, de um genuíno amor ao clube. E - permitam-me a imodéstia - ele terá visto o mesmo em mim. E então conversámos, sem filtros nem preconceitos, agarrámos o miura pelos cornos e fomos em cima dele contra os verdadeiros matadores do Benfica. Não há demência nem exagerada estupidez que não possam ser confrontadas com a realidade. Foi o que nos aconteceu, num qualquer dia que já passou e que já faz parte de um passado mais ou menos ultrapassado. Um homem e outro homem enfrentaram-se no benfiquismo. E escolheram o Benfica.

É possível que na loucura generalizada da blogosfera benfiquista haja quem pense que a opinião do outro é um atentado ao clube. Tenho a certeza que sim - lêem-se coisas de bradar aos céus. Mas foquemo-nos nas ideias e menos - nada - nos homens. Ninguém abre um blogue do Benfica sem muito amor ao clube. E era só isto que vos queria dizer nesta tarde com neblina a fazer de «toalha à beira-mar estendida". 

O Coluna tem umas ideias para o Benfica. Eu tenho outras ideias para o Benfica. Mas, além das ideias, há homens. E um clube que merece todo o nosso respeito. Saibamos amá-lo.







 

17 comentários:

Rusty Ryan disse...

Mau... isto vai acabar em cenas gays?! :)
Agora a sério, é bom estes "reconhecimentos", não vale a pena andar a fomentar-se ódios. Não trás nada de bom.

Ricardo disse...

Estou lavado em Lagrimas! Esta parte dos problemas familiares na revista Maria, rebenta-me com o coração. Não fosse o Coluna tão Aprazível e tenhas era levado duas solhas nas trombas, cobardolas. Se ele somente imaginasse o quanto tu comes ( MUITO) á custa do Benfica dele. O tacho está a acabar, depois, só daqui a 4

Ricardo disse...

..tinhas..

JNF disse...

Com isto ganhei esperanças quanto a um entendimento (quem sabe romance) entre Ricardo e Ricardo. O Lémur e a sua rede de espiões internacionais vão gostar tanto disto.

Ricardo disse...

É toda uma nova esperança para o benfiquismo - pode alguém aproveitar isto para o lado bom.

Ricardo, vem ter comigo. Eu sou um gajo querido.

Ricardo disse...

Ia ter contigo, pelo dinheiro, somente pelo dinheiro. Mas como a fonte tá a secar, vamos trocando uns postais. O próximo vai ter a mensagem "Vai trabalhar ó Chulo"!!

Ricardo disse...

Esqueci-me que tu és um herói da internet e que não vais a um único jogo do Benfica. Fica para a próxima. Já conheces as minhas banhas da tv, só te falta vires insultar as banhas ao vivo. Olha que é giro.

Ricardo disse...

Dizes tu, até te caíam os tomates! Mas queres é ficar na reloute a comer Coiratos! Gosto mais de canapés, e ganho o meu pão honestamente, já tu...

Ricardo disse...

És querido.

O convite mantém-se: vem falar de Benfica um bocadinho. Não que conheças o assunto mas podes sempre aprender.

E, com sorte, ainda tens o Gomes da Silva a pagar ao Bruno Carvalho. Ou o Carvalho a pagar-te. Ou aquelas coisas todas que tu, no meio de cuecas sujas, escreves no computador.

Falta-te vida, claro. Anda ter connosco, somos porreiros, vais viver um bocadinho. Sai daí, pá! Vem ver a existência com sandochas de febras.

Vozes Encarnadas disse...

Este artigo é o que defendo, opiniões há muitas, mas todos temos um objectivo, o melhorpara o Benfica.

Fico contente com essa reconciliação e o Benfica a ganhar.

Ricardo disse...

Falar do Benfica?! Só os teus Papalvos (poucos, os 2%) no meio de uns coiratos te conseguem ouvir rapaz! Para ti o Benfica é fonte de rendimento. Também ja te disse que nas eleiçōes não tens mais votos do que eu. Vou continuar a vir aqui, apesar da pornografia Gay, vou gostar de te ver a escrever menos merda, porque não tens alternativa. E um dia destes, quando se acabar o Coirato, olha para cima que eu atiro-te um blini com salmão fumado e Sevruga.

Ricardo disse...

«E um dia destes, quando se acabar o Coirato, olha para cima que eu atiro-te um blini com salmão fumado e Sevruga.»

Finalmene honestidade. Está explicada a tua cobardia e sportinguismo. Atiras de cima coisas - não vá alguém bater-te - e comes Sevruga.

Ainda assim, o convite mantém-se: vem beber um copo connosco. É pessoal com ternura.

Ricardo disse...

No Sporting já não se come Sevruga, aquele que eu como, pago. No entanto também gosto de uns belos carapaus alimados, tenho dias. Tudo com regra, porque para gordo ja chega o meu porco de estimação! Vai-te vomitando por aqui que mesmo a cheirar mal eu ponho a máscara e continuarei a vir cá largar umas fezes.

Coluna D'Águias Gloriosas disse...

Obrigado pelas tuas palavras neste post benfiquista RS...palavras essas as quais faço minhas em relação a ti como já especifiquei no meu blogue ok

vamos continuar a defender o Benfica (cada um à sua maneira é certo) que bem precisa pois neste país há um projecto para o abater...

em boa hora apareceu a 'Gloriosasfera' para defender o Benfica como o Glorioso merece...

saudações gloriosas

Constantino disse...

Palavra de honra que são estas merdas que não entendo na blogosfera. Que raio leva um leitor (de quem recordo muitos comentários no meu blog sem que me lembre de ter razão de queixa quanto à natureza dos mesmos, diga-se de passagem) a entrar a pés juntos no comentário a um post que é a total antitese do seu comentário. Um gajo a quem sejam fornecidos os comentários constantes nesta caixa e lhe perguntem "agora diz-me o que achas que está escrito no texto a que estes comentários se referem" irá sempre responder "o autor do texto ameaçou alguém de morte, estupro, canibalismo genital e necrofilia". Orientem-se fodasse...

Abraços

FlashGordo disse...

Ricardo,

falaram das bandeiras?

Fehér 29 disse...

Quando vemos o resultado daquele post em que tínhamos de dizer de onde somos naturais? Acho que tinha continuação. Ou nao ?