sexta-feira, 30 de agosto de 2013

O orgulho de ser do Benfica

Leiam alto este nome: SPORT LISBOA E BENFICA. Esqueçam se têm os filhos a dormir, os sogros no quarto ao lado, a mulher a ver a novela, o marido a jogar snake no telemóvel. Lancem para o mundo: SPORT LISBOA E BENFICA. Deixem a última sílaba ecoar pela sala, depois pela casa toda, sair pela chaminé, desaguar pelas janelas e portas, fugir por entre as frestas e subir até ao céu. 

SPORT LISBOA BENFICA. Gritem: SPORT LISBOA E BENFICA! SPORT LISBOA E BENFICA!!!!! Adicionem agora um lado ordinário e pessoal: FODA-SE, SOU DO SPORT LISBOA E BENFICA, CARALHO!!!! Lá vão os sons pelo mundo, quebrando raízes, moldando esquinas, avançando pelo éter. Compassado: BENFICA, BENFICA, BENFICA, BENFICA, BENFICA!, não se envergonhem, atirem o grito contra o oxigénio que ele fará o favor de ligar, pontinho por pontinho, os caminhos entre a vossa garganta e o resto do mundo. 

 Há uma luz que ilumina um ser que é do BENFICA. Olhem bem para a palavra: BENFICA. Acordem os vizinhos, os mortos, os carros, as plantas. Só dá BENFICA nesta vida.

2 comentários:

Conde de Vimioso disse...


Passo a vida nisso.

Fehér 29 disse...

Até morrer... e depois da morte.