segunda-feira, 14 de maio de 2012

Um clube cheio de imbecis

Mesmo quando olho para um imbecil tenho-lhe ternura, basta que ele leve o cachecol do Benfica. Ele deve sentir o mesmo, visto que ainda no outro dia vinha a cantar à saída do estádio e quase toda a gente achou comovente. É próprio dos imbecis reconhecerem-se uns aos outros. E eu, imbecil, me acuso.

Há, porém, uma diferença: quando tinha 7 anos, todos os imbecis deste mundo me pareciam pessoas da mais alta importância. Bastava que usassem cachecóis do Benfica ao pescoço, enquanto nos atrelávamos, corpo, fígados, pernas, à massa disforme que ia para o túnel e depois ficava no túnel em coros de eco e ainda no fim, quando aquela água acabava e cada um ia pisar as couves e os bróculos que brotavam do Colombo que ainda não existia. Hoje sou mais recatado: continuo a amar os imbecis mas vejo-lhes, desfocadas, as incapacidades. 

No outro dia até aconteceu imbecilizar-me com outro imbecil. Tudo por uma questão que não vem ao caso mas que tem a ver com coisas a que um imbecil, por mais que se imbecilize, não consegue fugir: o benfiquismo adormecido. Dizia-me esta nódoa de ser humano (e valeu-lhe a camisola vermelha): "temos de apoiar, tu não apoias". E eu imbecilizei-me de tal forma que só não o imbecilizei porque tinha de ir imbecilizar para outro lado. 

Os benfiquistas são muito imbecis. São iguais aos outros que, não sendo imbecis como nós, continuam imbecis com cachecóis mais imbecis porque de outros clubes. Só que há ternura num gesto de um imbecil que não sabe mais: avisa os outros da imbecilidade que leva atrelada, quer domesticar os outros imbecis e fica imbecilizado quando descobre que há imbecis, apesar de diferentes, quase tão imbecis como ele. Ou mais imbecis do que ele. Ninguém sabe, porque ninguém deixa de imbecilizar.

Já me custa mais o imbecil que podia não ser imbecil mas que mantém a imbecilidade por comodismo ou convenção ou necessidade ou característica. A esse geralmente voto um silêncio cheio de cores e sons que acabam numa violência imbecil de gritos e gestos e braços no ar e pedras nos braços e murros na mesa. Aceito-te, imbecil, mas tem algum pudor, por amor aos imbecis que não sabem ser mais do que isso.

Aprende-se muito nas rulotes e nada disto tem que ver com a formação do alcoólico. É mais profundo: imbeciliza-se na visão dos outros. Que gente estranha, esta: camisolas, calções com águias, chapéus ridículos. Prováveis homicidas, não fosse o Benfica. Dormem com um cão chamado Coluna, a sala repleta de espelhos com o símbolo do clube e animais de loiça na varanda. A mulher prepara o repasto, alguém horas depois dirá que está bom mas que é preciso domar aquele piri-piri tão nefasto ao fígado, enquanto bebe uísque de Sacavém aos tragos e atira entremeadas para o bucho. Não, nós somos mesmo muito imbecis. De tal forma que acreditamos que se gritarmos muito vai acontecer golo ou a vida vai mudar.

Não vai. Quando chegares a casa, vais ter a mesma mulher, os mesmos bibelots e a mesma crença. Vais foder a mulher porque estás bêbado e no outro dias vais culpá-la pela diarreia que o picante te causou nas entranhas. Mas ao menos tu não tens a noção de que o Benfica podia ser melhor. Deixa isso para quem fala na Benfica TV. De imbecil em imbecil, o nenúfar da hipocrisia é aquele de onde vou fugir.

9 comentários:

Passaralho disse...

Sou mesmo imbecil... :((

Abraço

J B disse...

Deve ser por isso que ainda não tenho a Benfica TV.

luis disse...

Este imbecil, acrescenta que está "magoado" com os imbecis que mesmo sendo imbecis desde pequeninos, fazem de uma discussão dum nº7 grande, uma guerra mesmo imbecil.

http://pelicanobenfica.blogspot.pt/2012/05/tirem-as-vossas-conclusoes.html#comment-form

-isto só porque esqueceram o Vata, podiam pelo menos fazer mais uma tabela.(e aquele campeonato era 2 pontos a vitoria, os imbecis deram (o)"7" de avanço)

Na tertúlia nem comento,porque para além dum "sapo verde" imbecil, retiraram 3 tabelas do original. E tirar logo (os) 3, faz-me ficar ainda mais imbecil.

...tempo.

Constantino disse...

Ricardo,

A imbecilidade é acima de tudo, parte da condição humana e se há coisa em que ela se manifesta de forma bem imbecil é nas questões da paixão. O amante apaixonado é um imbecil de dimensões épicas, de tal forma que a sua paixão não perde intensidade após a traição. É por isso que é dificil conversar "Benfica" com "benfiquistas". São uns filhos da mãe imbecis apaixonados que fecham os olhos a todas as traições. Por muito que lhes digam "o teu amor anda a foder todo o o Quartel de Cavalaria de Sta. Margarida" ele continua a afirmar "o meu amor é perfeito, sério e fiel". E ele é imbecil porque acredita piamente que isto é verdade e nós somos imbecis porque ficamos a acreditar logo que ele nos diz isso. Penso que ser um imbecil apaixonado é espectacular. Gosto de ser um imbecil apaixonado pelo Benfica. É daquelas coisas que dá gosto pensar quando, numa noite de verão se dorme deitado no terraço a olhar as estrelas...

Abraço.

POC disse...

Há prémio para quem contar a quantidade de vezes que a palavra "imbecil" e suas variações foram utilizadas?

Um abraço, oh imbecil!

João Duarte disse...

A confusão q me faz o Benfica não ganhar.

Imaginam a quantidade de gajos q têm um emprego de merda, um carro ridiculo, um chefe asqueroso, uma mulher amarga e mal cheirosa, um filho idiota e uma filha promiscua e um avô q não se lembra de nada e mija-se pelas pernas abaixo? Gajos q em tudo na vida são perdedores?

Gajos a quem o Benfica era a réstia de orgulho de pertença a algo vencedor na vida?

Por todos esses miseraveis o Benfica tem obrigação de voltar a ser o q era.

jose garcia disse...

Ía escrever qualquer coisa, mas depois reparei que já tinhas dito, de forma brilhantes, o que eu queria dizer, nas etiquetas: "Um texto tão arrogante que quase é tão imbecil quanto a imbecilidade de defender estes imbecis".

Tempos agonizantes, estes...

Abç

moleculasdeamor disse...

Sabes amigo estes imbecis estão doutrinados pela propaganda... cabe aos malucos do mundo abrir-lhes a pestana, não para alinharem connosco --- tão somente para pensarem de forma o mais livre possivel... eles têm medo dos blogs porque a merda aqui cheira mesmo a merda e não há forma de a subtilmente vaporizar com cheiros suaves... como os milagres financeiros, depois de mim o caos, o que será do Benfica, quem pensa diferente de mim é abutre - sendo todas essas pérolas imbecilidades do melhor, sendo ditas e reditas ficam gravadas qual mensagem subliminar impossível de deletar (ou não...)!

Anónimo disse...

Já tinha saudades das dissertações imbecis! Assim vale a pena passar por aqui todos os dias.
Por falar em imbecis, parece que a alimália da sapateira ganhou um novo inimigo, deve ser mais um imbecil ;)

Cumps