sábado, 5 de outubro de 2013

Que futuro, Benfica?

Muito curiosa (porém nefasta), a actual situação política no Benfica:

- um Presidente totalmente incompetente, alapado ao poder por prometer coisas que nunca cumprirá, fazer obras e mentir sobre a situação dramática em que o Benfica se encontra: financeira, desportiva e socialmente;

- uma Direcção que é um ninho de ratos: adeptos de outros clubes, lambe-botas e gente que vendeu as ideias que tinha em troca de uma Vice-Presidência;

- um Rui Costa em desacordo com o que se passa no clube, apenas mantendo-se por estar preso por invisíveis fios de possessão e chantagem;

- dois Vice-Presidentes que, cada vez que abrem a boca, demonstram os objectivos que têm a médio prazo: suceder a Vieira no poleiro. Se preciso for, minando por dentro o clube. Um, num registo trauliteiro e populista, vai tentando (e conseguindo) agregar benfiquistas com um discurso de ódio a tudo o que mexe, constante desculpabilização sobre erros próprios e ataques enviesados à própria Direcção; outro, mais ponderado mas assertivo, bicando aqui e ali a escolha de Vieira em ter renovado com Jesus, com a qual esteve em desacordo;

- uma oposição quase inexistente. Não podemos considerar oposição pessoas como Rangel - que, pelas últimas declarações, se prepara para seguir os seus antigos amigos Varandas e Moniz na maleabilidade de espinha e consequente submissão ao tacho - ou Veiga - que por ora se mantém distante, à espera de nova possibilidade de investida. Um nome surge apenas como uma espécie de oposição: Bruno Carvalho. Candidato sem ideias, sem soluções fundamentadas, apenas repetindo o apontar dos óbvios problemas no Benfica que este e outros blogues já desvendam há anos a fio. 

Numa fase em que o clube se afunda inevitavelmente numa situação mais decrépita do que aquela que viveu nos tempos de Damásio e Vale e Azevedo, não há sócios benfiquistas que saibam ter a coragem de assumir, com inteligência, método, organização, soluções, um caminho para o Benfica. Falta coragem aos sócios benfiquistas que preenchem os requisitos que os absurdos estatutos exigem para confrontar Vieira. Uns, porque lhes interessa o acomodamento ao poder; outros, porque não sabem perceber o actual miserável estado em que o clube se encontra; por fim, os que não têm interesses dentro do clube e não têm a cegueira da grande maioria. A estes, exigia-se-lhes que se pensassem o Benfica e trouxessem pensamento, discussão e uma possibilidade de futuro ao clube. Mas não. Resguardam-se. Não querem ser logo apelidados de "abutres", "papagaios", "maus benfiquistas" e todas as outras imbecilidades que um Benfica caciquista como o de Vieira debita através dos seus apoiantes, tropas acéfalas seguindo a cartilha do querido líder.

Compreende-se que estes sócios benfiquistas tenham algum receio em aparecer, que não queiram ver a sua família exposta em praça pública, que não desejem o seu nome atirado para os insultos, as teorias conspirativas, as torpes insinuações. Compreende-se, mas começamos todos (os que sabemos há anos que chegaríamos aqui) a deixar de compreender. Se querem defender o Benfica e salvar o clube das garras desta gente, têm de aparecer. O caminho traçado não pode ser de medo, mas de coragem. A seu tempo, esta gente será desmascarada e pagará o que fez ao Benfica. É tempo de se organizarem e constituírem uma verdadeira alternativa - a tal que os submissos sem argumentos reclamam, para poderem continuar a apoiar o "Benfica rumo ao abismo". 

Todos os que podem e não aparecem; todos os que sabem e não falam; todos os que vêem e fecham os olhos; todos os que não têm a liberdade intelectual para defender o clube. Todos são cúmplices. No momento actual, no trágico momento actual por que passa o nosso querido clube, já não é só cúmplice quem apoia Vieira e sua corja, mas todo o que, podendo, não faz por salvar o Sport Lisboa e Benfica destes criminosos. 

14 comentários:

luis disse...

Desculpa ao ontem...mas acho que não pago imposto por fazer um copy dum meu comentário no post, "Insubordinação".

Devido à importância futuro, analisando o passado...

"Os juros jogam a favor deles...

O tempo corre a favor para esses compromissos assumidos com os financiadores de várias cores.

...em meados de 2003 , comecei a escutar respostas:

-Agora temos crédito. Pagamos a horas.
-"Quem tem unhas é que toca a guitarra".
-O azedo isto, o azedo aquilo.

No meio de tanto pó, após o naufrágio azedo de 2000, ao seguir aquele caos, tudo era aceitável:

"Temos a equipe maravilha", foi só o primeiro slogan para vender a Marca Benfica... caiu um treinador, dois , três , quatro...
Jesus... ou faz um milagre ou cai.
O discurso mudou para,

"Temos a melhor equipe dos últimos 30 anos".

-"130 milhões..."

Em conclusão: a mensagem é que o 33º deu-lhe tudo (quase...). O 33º dá sempre, o 33º fez as obras ...Bem o 33º aqui pró imbecil do luis, já na pré época antecipou os 2 possíveis cenários:

1º -JJ faz o milagre de ganhar. O 33º é que manda. O nº7 ganha, o aldave ganha, a banca ganha. O 33º ganha a aposta e passa a ser um mago nos assuntos futebolísticos.

2ª hipótese- o caminho atrapalha o Jesus. Este cai quando for insustentável, ao peso de vender a Marca. Abre-se novo ciclo. O 33º até deixa escolherem o novo profissional. Ganha tempo, roda nova roleta desportiva... e teremos a reeleição à porta com muitos interessados em estarem colados a esta Marca com mais de 6 milhões de compradores.

Por causa das hipóteses, a pré época foi o que foi, a confiança é a que é. Os juros é que estão lá e nunca fugiram.

Vivas ao Benfica de Todos os Tempos"

Zé de Fónes disse...

Fantástico, Ricardo, tem que ser esta a tecla a carregar. Isto é benfiquismo, aquele toque a rebate que mais precisámos.
Acordem!

PP disse...

luis,

Caso queiram aplicar a solução 2, então acho que todos nós, sócios e adeptos do Benfica temos que nos "insubordinar", mas com organização e inteligência.

A meu ver, acho que deveríamos começar por organizar um plano B, com elevado grau de se tornar no plano A.

Anónimo disse...

So nao percebo o fascinio que todos tem pelo Rui Costa... ou seja no benfica sao todos uns malfeitores... menos o Rui Costa que la anda... mas no fundo contra a sua vontade... tudo lhe perdoam...

luis disse...

@PP, não é fácil impor o "bom senso" assim de um dia para o outro numa sociedade cada vez menos humanista e em constante perda de valores como a ética e a moral.
O desporto servirá para muitas coisas. Existindo tanta falta de cultura desportiva, ou melhor, haver uma cultura desportiva vazia de valores éticos. A moralidade destas "coisas" são usadas e abusadas pelo poder politico.

Um verdadeiro Líder do Sport Lisboa tinha que ter por obrigação à nossa História, o dever intuitivo de com respeito impor os valores que não se praticam , todos falam mas nada muda, os excessos quer de erros dos árbitros , quer os exemplos de falta de educação dum comum cidadão.

Renovação tem que começar pelo Clube que "os outros" quer queiram, quer não queiram , o mais representativo no Povo que paga estas "coisas" da industria. De forma directa (sócios e frequentadores), ou indirecta por serem contribuintes deste estado Português.
Somos o Benfica, Instituição de utilidade publica, temos obrigações com os nossos principais activos, sócios e adeptos do Glorioso. Lisboa..., Portugal pode inovar... o Benfica pelo Mundo tem uma imagem bem vincada, mas não seja porque fomos a 1ª "equipe exótica" nos Campeões Europeus ( e o King veio depois...). A Coluna portuguesa..., ou na representação da "organização e inteligência", o nosso capitão Coluna, aqui sempre bem presente no Ontem...

Temos que exigir, Vivas ao Benfica de Todos os Tempos.

luis disse...

Em substituição do comentário ainda não publicado, sugeria este segundo já corrigido de algumas imperfeições:

@PP, não é fácil impor o "bom senso", assim de um dia para o outro numa sociedade cada vez menos humanista e em constante perda de valores como a ética e a moral.
O desporto servirá para muitas coisas. Existindo tanta falta de cultura desportiva, ou melhor, havendo uma cultura desportiva vazia de valores éticos. As moralidades são usadas e abusadas pelo poder politico.

Um verdadeiro Líder do Sport Lisboa tinha que ter por obrigação à nossa História, o dever intuitivo de com respeito impor os Bons valores que não se praticam , todos falam mas nada muda, os excessos quer de erros dos árbitros , quer os muitos exemplos de falta de educação dum comum cidadão.

Renovação tem que começar pelo Clube que "os outros" quer queiram, quer não queiram ,é o mais representativo no Povo, que paga estas "coisas" da industria. De forma directa (sócios e frequentadores), ou indirecta por serem contribuintes deste estado Português.

Somos o Benfica, Instituição de utilidade publica, temos obrigações com os nossos principais activos,os sócios e adeptos do Glorioso. Lisboa..., Portugal pode inovar... o Benfica pelo Mundo tem uma imagem bem vincada, mais porque não seja, fomos a 1ª "equipe exótica" a Vencer os Campeões Europeus ( e o King veio depois..., o racismo pelo mundo, estava na ordem do tempo). Com a Coluna Portuguesa..., ou na representação da "organização e inteligência", o nosso capitão Coluna, aqui sempre bem presente no Ontem...Somos uma força colectiva e nunca esquecer a humildade do 1º, o Cosme Damião.

Temos que exigir,a força tem que emergir...

Vivas ao Benfica de Todos os Tempos.

Ulrich Haberland disse...

Precisamos de insurrectos, mas não aqueles que já se perfilam no horizonte. Esses são mais do mesmo ou "pior que o soneto". Monizes, GomesdaSilva, Carvalhos são a assinatura no óbito.

Precisamos de gente nova. Notáveis não obrigada.

Pedro Ribeiro disse...

O Ricardo é um sócio do Benfica a fazer o que os sócios fazem. Este texto é das coisas mais lúcidas que já li nos últimos anos na blogosfera Benfiquista.
Vou activar o caps lock para escrever:
1) COMECEM A SER SÓCIOS, DEIXEM DE SER DO GUINESS.
2) GRANDE ABRAÇO, AMIGO

moleculasdeamor disse...

o tempo dos sócios vai chegar... é uma questão de tempo...observa-se... que muitos começam devagar perante a evidência daquilo que é... a não continuarem a dizer aquilo que não é...

VC disse...

Se eu fosse muito rico, se eu tivesse uma rede de relações com pessoas boas e disponíveis para me acompanhar e se eu estivesse habilitado a ser candidato à presidência do Benfica, declaro que só por vaidade me candidataria à presidência do SLB.
Facilmente se percebe porquê. Basta ler este post e pensar que a vaidade, a incompetência, o poder são os principais inimigos de uma boa gestão, ainda que eu e os meus amigos nos consideremos pessoas boas e aptas para gerir o Benfica.
Agora imaginem benfiquistas bons (no bom sentido, nem sequer imagino benfiquistas maus e eu sei que os há), pessoas intrinsecamente boas, com família, uma vida social preenchida, financeiramente bem na vida, porque raio de razão haveria de me ir meter num ninho de víboras (blogs, comunicação social, a própria organização benfiquista, o sistema, os corruptos, aquela coisa "do mundo do futebol" e "sou um homem do futebol" (que eu não sei o que é mas parece ser um mundo de outro mundo?", os agentes, os árbitros, os treinadores (JJ à cabeça) que não conseguem articular duas ideias sobre futebol (lembram-se do Heynckes e vejam a diferença), dos comentadores dos painéis (à cabeça aquele rapazola do porto do Trio, uma pessoas execrável coadjuvado pelo nosso RGS), os comentadores (à cabeça Rui da SIC e o Bruno da RTPi), os vice-presidentes trauliteiros, o dinheiro meus senhores que tem um valor diferente do mundo real, a cambada de indigentes que vegetam à volta deste mundo, yes mens, lambebotas.... onde grassa acima de tudo a incompetência e a corrupção, a Liga, a Federação, o director da Liga, os Juristas à volta da Liga... E por aí fora, basta memória, goglar, talento e saber redigir.
Continuo a perguntar: se eu me considero uma pessoa boa porque razão (excepto a vaidade e o poderzinho) haveria de arrastar os meus amigos bons para este sado-masoquista exercício de gerir o benfica? SENDO EU RICO, MUITO RICO.

luis disse...

@Vc, ser rico monetáriamente dá sempre jeito, mais que não seja para ir ao médico.
Para gerir o Benfica é outra coisa.O Povo é que paga.
Os exemplos de humildade , postura perante a sociedade, transportar o bom sendo, vestir a camisola da ética com muito "crer", mesmo sendo polémico .
Não te quero ensinar nada, porque senti a tua parte irónica... Tens o mesmo problema que eu, o nosso Benfica.
Tens a lucidez que outros não tem.

" os vice-presidentes trauliteiros, o dinheiro meus senhores que tem um valor diferente do mundo real, a cambada de indigentes que vegetam à volta deste mundo, yes mens, lambebotas.... onde grassa acima de tudo a incompetência e a corrupção, a Liga, a Federação, o director da Liga, os Juristas à volta da Liga... E por aí fora, basta memória"

... basta hoje abrir o pasquin que a abola se tornou.

na coluna do seara, no "ai jesus"

" o presidente fez tudo. Sublinho, o presidente fez tudo"

nota: repara na primeira hipótese do meu 1º comentário.

Nas reflexões do Urbano tem uma caixa com uma preciosidade.

-O que os une, o que os separa. referindo-se aos presidentes do Benfica e estoril.
1ª coluna do unir, temos o Jardel com os 50% do passe da trafic (sugestivo nome).
2ª, logo à direita nas separações, não temos compras com o estoril, o S Vitória veio a zeros.

nota: repara como escreveste bem,
"o dinheiro meus senhores que tem um valor diferente do mundo real"

Isto tudo para explicar a presença conjunta no camarote. Após a triste cena em que o lobo era outro, o da associação de Lisboa, que por sorte(azar podem dizer "outros") é Benfiquista... agora poderemos questionar que força terá a associação da Capital, quando Benfica e sporting andam sempre de costas voltadas na rivalidade desportiva , afectando e de que maneira, a força necessária para com Ética Desportiva, pelo menos tentarem combater estes últimos 30 anos.
Acredita que temos que nos aproximar da Sorte também por estes caminhos, não basta o estratosferico ou o "pornográfico dinheiro".

Vivas ao nosso Benfica de Todos os Tempos.



VC disse...

Amigo Luís,
Eu sei, amigo Luís, que para gerir o Benfica é só preciso competência e estou de acordo com o teu comentário. Mas já agora a questão do dinheirinho só veio à baila para fazer uma pequena referência aos que vão para o futebol para as negociatas.
Bom jogo. Não tarda vai começar.
Carrega Benfica.

luis disse...

@VC , este já passou ... O Benfica ganhou. Num mau jogo, 2 golos validos, limpinhos...

Vivas ao B T T

VC disse...

Simplesmente de acordo Luis. Custa mas tenho de concordar "num mau jogo". A questão é até quando (o mau jogo e o resto)?